Zé Roberto sobre o fim do Vôlei Amil



Pessoal, está no ar no LANCE!Net entrevista do repórter Fábio Aleixo com o José Roberto Guimarães. Ele não era apenas o treinador da equipe campineira, mas o responsável pelo projeto que captou o apoio financeiro da empresa de planos de saúde.

Confiram: http://www.lancenet.com.br/volei/Jose_Roberto_Guimaraes-Volei_Amil-Superliga_Feminina_de_Volei-patrocinio_0_1129087195.html



  • LEANDRO

    Se o Zé Roberto sabia que tinha que ser exclusivo da seleção pós Londres, por que foi montar o projeto em 2012? Aposto que se ele estivesse ainda na Europa não seria exclusivo da seleção. Palhaçada desse cara. Não sou torcedor da Unilever, mais o Bernardinho demonstrou ser um cara que preocupa com o coletivo ao dizer que não poderia ser exclusivo da seleção porque ele é o responsável pela Unilever. E aposto que se ele sair aconteceria o mesmo.
    Zé Roberto demonstrou que ele só pensa nele.

  • Aline

    Duvido que Zé, chefe do projeto AMIL, tenha sido pego de surpresa… Na verdade ele sabia da extinção do time e, para não ficar feio p/ele, se afastou dizendo que só se dedicaria À seleção e deixou o seu subordinado PAULO COCO como TESTA-DE-FERRO para o time acabar com ele no comandou, pois ficaria muito feio para o soberbo Zé ter um time sob seu comando ser extinto!
    Enfim, aparências NADA MAIS…

  • Edu

    Volto a insistir: a empresa foi vendida para um grupo estrangeiro no decorrer dos dois anos do contrato do projeto.Portanto o que foi planejado com uma administração não teria mais a mesma importância para os novos administradores.Não discuto que foi o maior orçamento do vólei feminino no bienio 2013/14.As duas consequências mais visíveis foram que o antigo dono entrou na lista dos 10 homens mais ricos do Brasil , segundo a revista Exame, e a segunda , na minha opinião a revisão da necessidade do investimento no vólei. Andaram plantando para despistar, hoje confirmamos pela noticia ,que o time iria até se reforçar até mais.Porém uma decisão empresarial dessas claramente já estava pensada há certo tempo.

MaisRecentes

Dentil/Praia Clube e Sesc abrem vantagem



Continue Lendo

Corinthians faz melhor jogo na Superliga



Continue Lendo

Coluna: A imprevisível Superliga feminina



Continue Lendo