Zé Roberto mescla Seleções A e B. Gostei das apostas



O técnico José Roberto Guimarães anunciou as jogadoras da Seleção principal que se juntarão ao time B para a disputa da Yeltsin Cup, no início de julho. A líbero Camilla Brait, a ponteira Sassá, a oposto Joycinha e a central Adenízia farão parte do grupo que será comandado pelo assistente Cláudio Pinheiro.

Assim, o elenco na Rússia terá as levantadoras Ana Tiemi e Claudinha, as opostos Joycinha e Priscila Daroit, as ponteiras Sassá, Ivna e Tandara, as centrais Natasha, Natália Martins, Adenízia e Andressa e a líbero Camila Brait.

– Já estamos pensando em 2016 e o grupo de 2012 ainda não está fechado. Temos uma espinha dorsal, mas ninguém tem vaga garantida – disse Zé Roberto, colocando fogo na disputa olímpica.

Já duas atletas que integram a seleção brasileira de novas farão parte da seleção principal na disputa da Copa Pan-Americana no México entre os dias 29 de junho e nove de julho, no México. A ponteira Suelle e a oposto Juliana Nogueira estarão com o grupo que terá as levantadoras Dani Lins e Fabíola, a oposto Sheilla, as ponteiras Mari, Paula Pequeno e Fernanda Garay, as centrais Fabiana, Juciely e Thaisa e a líbero Fabi. As duas receberam elogios do treinador José Roberto Guimarães.

– Escolhemos a Suelle porque ela tem as características parecidas com as da Sassá. Ela precisa evoluir no ataque, mas o a movimentação dela no fundo de quadra é muito boa. Já a Juliana Nogueira é um talento. Ela é uma jogadora versátil que pode jogar como ponteira e oposta, e se continuar nessa evolução tem tudo para ser uma grande jogadora – finaliza Zé Roberto.

Achei bem interessantes as escolhas do técnico. E vocês?



  • Ismael

    Excelente atitude da comissão técnica do Brasil…não espera por menos! Agora é ver o que irão render essas jovens promessas.

    Será excelente para todas, mas especialmente para Brait e as levantadoras mostrarem o seu cartão de visita!

  • Rafael

    Adorei a mescla! Me surpreendi com Ju Nogueira na A, mas ela é mto talentosa e deve estar se saindo bem nos treinos. Suele caminha pra ser a substituta da Sassa na seleção, com a vantagem de ser mais alta e de melhor bloqueio, embora menos habilidosa no ataque.
    Sobre a B, otima oportunidade para Tiemi, Brait, Adenizia, Ivna e Tandara mostrarem serviço e para Sassa e Joycinha jogarem…
    A seleção B tem tudo para manter a competitividade da sel. A!!!
    Parabéns pro Zé pelas apostas!!! Só preferia Roberta no lugar da Claudinha!

  • Jairo

    Daniel, essa mecla é interessante. Gostei muito da Suelle mesclando entre A e B. No meu ponto de vistar, no time A ficaria a Adenízia, que fez uma Superliga melhor que a Thaísa. Altura a Adenizia não tem, mas compensa com entrega, aplicação tática e paixão.

  • Nilton

    Daniel eu gostei do que o Zé fez. foi coerente. A sassá se mantém an seleção há anos por causa do fundo de quadra, por que a rede dela chega a ser patética em jogos internacionais (logico que no campeonato caseiro ela até grita na rede quando ataca, por que aqui vira mais bolas,rssss) e a ausência da Jaque exige outra ponteira com características parecidas. O ponto fraco das 3 é a rede. Nem Jaque, nem Sassá evoluem nada na rede, então vamos ver se a Suelle consegue algo melhor. Nessa quem se dá bem é Paula, que com certeza será titular com Mari e, se jogar bem, se garante (pela falta de competencia das rivais).
    A Nogueira é muuuito boa, sem dúvida uma excelente atleta e da geração flex também, como a Mari e a Natalia, pois pode atuar como oposta e como ponteira.
    Na seleção B me irrita ver a Daroit como oposta e a Tandara como ponteira… TANDARA COMO PONTEIRA NAO VAI CHEGAR A LUGAR ALGUM…
    A Daroit é a ponteira que pode ser trabalhada para melhorar o fundo de quadra, por que an rede ela se garante e muito bem, obrigado.
    Agora, a descida de Adenizia, Joicinha e Sassá é sintomática dos péssimos campeonatos locais que fizeram nos dois ultimos anos….

  • Alan

    Bem bacana essa mescla… talvez sirva pra Joycinha e Adenizia acordarem e começarem a fazer a diferença pois senão correm o risco de estar fora em 2012…

    Suelle fez uma otima superliga merece esse “reconhecimento”…

  • Vitor

    Também gostei muito. Adenízia, Brait e Joycinha merecem jogar mais. E como na seleção A isso não seria possível ainda, foram deslocadas pra B para adquirirem ritmo de jogo e darem experiência pra seleção B. Já a Sassá é aquela jogadora que não tem mais nada pra provar. O Zé Roberto já sabe de todas as qualidades dela, é uma reserva de luxo. Vai pra seleção B ser capitã e principal jogadora do time, mas com certeza estará em Londres no ano que vem.

    Já as apostas em Suelle e Juliana Nogueira também foram válidas. A comparação da Suelle com a Sassá é ainda prematura, porém válida. A Suelle tem um fundo de quadra muito bom e se precisar entrar alguma vez na seleção A será para dar estabilidade no passe, assim como Sassá. Mas ela ainda é insegura no ataque. Bem trabalhada pode sim ser aquela jogadora importante de grupo que a Sassá é hoje. Uma pena que pela pontuação ela tenha que ter saído do Unilever. E a Ju Nogueira ainda é jovem e alta. Ao contrário da Joycinha, que possui a mesma idade da Sheilla e não representa bem uma renovação, a Ju vem pra preencher essa lacuna que ainda estava vazia.

  • Merecidamente, Juciely está melhor q adenizia, Ju nogueira não sei em relação a joicinha , e suelle está bem no nivel de sassá e jaque já!
    Parabéns

  • Diogo Marcio

    Concordo com a mescla feita pelo Zé. Quero ver a Daroit joga, mas senti falta da Mari Paraíba que tbm tem um bom fundo de quadra (sua ausência deve ser a sua altura – Infelizmente). Boa Sorte para as nossas Meninas ;D

  • tigrao

    Aprovado !!!…com EXCECAO da ANA TIEMI q nao deveria sequer ser convocada!

  • Adriano

    Também gostei do intercâmbio. Mas me surpreendi mesmo foi com a Ju Nogueira na seleção A, pois achava que a Tandara seria a jogadora mais provável pra fazer essa transição, como possível terceira oposta da seleção. Eu acho mesmo que a Tandara poderia ser convocada para a seleção principal, naturalmente como oposta. Mas acho que isso só mostra que o Zé Roberto está muito encantado com a Nogueira, o que é uma coisa muito boa. Espero que esse ano o Bernardo possa usar mais a inversão do 5-1, pois tanto a Ju quanto a Roberta são jovens muito promissoras.

    Quanto à Suelle, tudo em ordem; sem Sassá e Jaque, ela era a melhor opção para fazer a passagem pra seleção A.

  • Afonso (RJ)

    Em outros blogs “pelaí”, vejo gente dizendo cobras e lagartos do Zé Roberto, dizendo que ele só chama jogadoras da “panelinha” que é passional nas convocações, etc… Uma ou outra vez, escrevi defendendo-o, com o simples argumento de que o número de títulos que ele conseguiu são a sua maior credencial, que o cara sabe o que faz. Não que ele seja infalível, mas qualquer um de nós tem que “comer muito feijão” para ter base para criticá-lo.

    E está aí a prova. Acho que ele tem nas mãos o melhor material humano disponível no momento, e o trabalho com duas seleções com peças “intercambiáveis” deve ser um excelente ponto de partida. Excelente para dar chance para grandes jogadoras, entre as quais Tandara, Suele, Juciely e Ju Nogueira, e para colocar para jogar as eternas reservas de luxo Camila Brait, Adenísia, Joycinha e, porque não, Ana Tiemi.

    Até aqui nota dez para o Zé. E eu não esperava menos.

  • graca

    Gostei principlamente da SUELE ter ido p/ a principal, com a altura que ela tem e com um fundo de quadra e bloqueio muito bons, só basta ter mais manha no ataque e ficara´perfeita. Quanto a Tiemi, sou contra, acho que deveria ser dado oportunidade a outras levantadoras como Roberta ou Camila Adao.

  • Morris

    É, acho que as que “foram” para a seleção B são as que provavelmente têm mais chances de não ir para o Mundial este ano, não? Bom ele testar a Garay, Suelle e Juliana Nogueira. Assim as meninas não se acomodam e vão lutar para garantir vaga. Bom sempre lembrar que a Natália volta em alguns meses, ai que vamos saber se ele tira uma ponteira ou uma saída. Mas bom saber que há uma renovação surgindo…

MaisRecentes

Apenas Lebes/Canoas faz o dever de casa na rodada



Continue Lendo

Um líder por pontos ganhos. Outro por pontos perdidos



Continue Lendo

Camponesa/Minas quebra longa invencibilidade em Osasco



Continue Lendo