Vôlei na TV aberta. Eba! Mas com veto ao nome dos patrocinadores. Uhhhh!



Uma ótima e uma má notícia para quem gosta de vôlei. O Esporte Interativo, rede de TV aberta (canal 36 UHF em São Paulo e parabólicas por todo o Brasil, além da TV fechada: Oi TV (canal 515) e Via Embratel (canal 48), começará a transmitir neste sábado a Superliga. O primeiro jogo será Pinheiros/Sky x Cimed. Agora a parte ruim. Por contrato, o canal não poderá citar o nome dos patrocinadores. Assim, no sábado você verá Pinheiros x Florianópolis.

Quem acompanha este blog (e sei que muitos não concordam) sabe que defendo uso do nome dos patrocinadores. Os motivos são: eles  pagam a conta, contratam os craques e merecem ter a exposição na mídia. Simples assim. Ou alguém se lembra do Rexona como Curitiba, quando Bernardinho lançou o projeto vencedor no Paraná? Ou alguém já esqueceu do Banespa, empresa que por anos bancou um time profissional e uma das principais categorias de base do país? Ou para os mais antigos, dos tempos de Pirelli, Atlântica Boavista, Supergasbrás…

O Esporte Interativo sublicenciou o direito de transmissão junto à Rede Globo. Além da Superliga, irá transmitir as principais competições das Seleções (Liga Mundial, Grand Prix e Copa do Mundo), além do Circuito Mundial de vôlei de praia. Infelizmente para os patrocinadores, os nomes não poderão ser citados.



MaisRecentes

Caso Maurício Souza não termina com “punições” do Minas



Continue Lendo

Zé: “A gente precisa de ajuda para não deixar o projeto morrer”



Continue Lendo

Sinal de alerta com a base. É preciso agir!



Continue Lendo