Vivo/Minas na final do Sul-Americano após eliminar favorito RJX



O Vivo/Minas será o representante brasileiro na final do Campeonato Sul-Americano.

Em sua casa, a Arena Vivo, o time comandado por Horacio Dileo derrotou o RJX, na semifinal, por incontestáveis 3 sets a 0, parciais de 27-25, 25-17 e 25-20.

Não consegui ver todo o jogo pela TV, mas ficou a percepção que os campeões da Superliga sentiram muito a virada sofrida no primeiro set, depois de desperdiçar dois sets points com o placar apontando 24 a 22.

Lucarelli, que se despedirá rumo ao Sesi após o Sul-Americano, virou bolas importantes. O Minas teve bastante volume de jogo também, principalmente graças ao líbero Lukinha. O RJX, por sua vez, me pareceu apático em vários momentos. Não parecia estar ligado para uma partida tão importante.

Em busca da vaga no Mundial de Clubes, que acontecerá novamente em BH, em outubro, o Minas vai enfrentar o vencedor do duelo argentino entre UPCN e Buenos Aires Unidos.

 



MaisRecentes

Reflexão sobre o momento da Seleção é necessária



Continue Lendo

O novo capítulo de uma relação conturbada entre Brait e Zé Roberto



Continue Lendo

Coluna: A empolgante decisão da Superliga feminina



Continue Lendo