VITÓRIA



Hoje podemos gastar vários adjetivos para definir a vitória do Brasil sobre a Rússia por 3 a 0, parciais de 25-16, 25-19 e 25-22. Até por isso o título deste post está em letras maiúsculas.

Categórica, empolgante, brilhante, maravilhosa, impactante… O que vocês preferem?

Vale lembrar para os mais esquecidos que os russos haviam vencido o Brasil na última final da Liga Mundial.

Murilo, com 12 pontos, foi o maior anotador do Brasil. Nas estatísticas, chama muito a atenção a quantidade de erros russos: 29. Para comparar, a Seleção cedeu apenas 14. Nos demais fundamentos, empate: cada um fez quatro pontos de saque e bloqueio.

A vitória deixou o Brasil na liderança da Copa do Mundo, com dez pontos, mesmo número da Polônia, que foi surpreendida pelo Irã, de Julio Velasco, no tie-break. Se tivesse perdido, o sonho do título seria quase impossível. Agora, quero ver algum rival segurar o embalo que o Brasil ganhou.



MaisRecentes

Vaivém: Hooker veste a “camisa” de Osasco



Continue Lendo

Brasil se recupera com 3 a 0. Mas não foi assim tão fácil



Continue Lendo

Uma satisfação



Continue Lendo