Vaivém: Unilever tem muito a ganhar com Andréia



O provável acerto da oposto Andréia Laurence com a Unilever deve ser muito comemorado pelos torcedores cariocas.

Andréia tem sido uma das mais regulares atacantes do país nas duas últimas temporadas.  Foi a referência do bem montado time do Pinheiros e merecidamente ganhou uma chance na Seleção Brasileira, que treina para o Grand Prix em Saquarema. Por tudo isso, ela também merece uma oportunidade numa equipe top do país, que brigue sempre pelos títulos.

Pelo que jogou, ou melhor, não jogou na conquista da última Superliga, Sarah Pavan será substituída à altura por Andréia. Depois de aparecer bem pela Unilever na primeira temporada, a canadense caiu muito de produção. A aposta em tentar uma carreira na praia, pra mim, tirou o foco de Sarah.  Basta olhar os números em alguns jogos decisivos e fica provado como a estrangeira acabou sendo “carregada nas costas” por Gabi e Mihajlovic.

Caso o acordo realmente saia, Bernardinho terá um importante reforços nas mãos.

 



  • Daniel, e a Mihajlovic vai sair da unilever ?

  • Felipe

    Acho a Andréia uma boa jogadora,mas prefiro a Mari na saída,tem mais a cara do Unilever,tomara que a Andreia decepcione a torcida do unilever,a Sarah Pavan não vai deixa saudades,esta superliga ela não jogou nada.

  • Felipe

    Opsss!!Tomara que a Andreia NÃO decepcione a torcida do unilever.

  • Rodrigo Coimbra

    Mais uma vez o Unilever dos times de ponta parece ser o mais modesto nas contratações. A Sarah é uma grande oposta mas decepcionou, não apresentou seu vôlei… como havia dito, a indecisão pelo vôlei de praia atrapalhou! A Andreia é uma boa oposta, jogar no Pinheiros é uma coisa, jogar no Unilever é outra coisa completamente diferente, tem tudo para da certo mas pode dá errado tbm. Agora a maior decepção é a troca da Brankica Mihajlovic pela Natália, é trocar ouro por uma promessa q nunca rende por onde passa, uma vez ou outra! A Mihajlovic salvou o Rio contra o finado Amil/Campinas, nada mais justo q a mesma renovar, essa sim esta em plena evolução! Ta na hora do Unilever abrir o cofre, pois a próxima temporada o Molico vem para ganhar, tenho certeza q as contratações serão jogadoras mais rodadas e experientes q a Caterina e Sanja (ambas de grande futuro) como Kristin e Mari, e no lugar da Sheilla a Destinee Hooker, dinheiro a Nestlé tem para isso e seria sim o time a ser batido sem desconfianças.

  • Lilika

    Gostei…por ser versátil e ter todos os golpes (oposta fazendo bola de china rs), o Rio só tem a ganhar e que fuzilem a Pavan, particularmente não sei como o Bernardo não fez isso ainda haha.

  • Edu

    Ando gostando demais da postura da Unilever nas contratações.Tem um orçamento,na temporada passada foi o quarto da liga, e tem que obedecer rigorosamente essa realidade para a continuação do time.Não entraram no leilão pela Tandara.Natália, se quiser vir, tem que ser por um salario menor ao que recebia em Campinas,onde o seu salário era o teto da equipe. Renovaram com as jogadoras que compõem o eixo técnico do time.Infelizmente dispensaram a Waleskinha – reconhecendo seus bons serviços prestados -e mesmo a pedido do Bernardo também colocaram a Brankica fora da lista das renovações da temporada por receber em dólar.Cada mês seu salário seria imprevisível com a flutuação da moeda.Contrataram a Andreia que há muito tempo merece seleção e um time de ponta e jogadora que pode atuar ,se preciso, como ponteira,oposta e central.Pelo que li pretendem uma equipe equilibrada mais jovem usando com parcimônia na temporada a Fofão e contratando talvez apenas uma estrangeira que entre na realidade orçamentaria da equipe.

MaisRecentes

Um líder por pontos ganhos. Outro por pontos perdidos



Continue Lendo

Camponesa/Minas quebra longa invencibilidade em Osasco



Continue Lendo

Placar RedeTV!: Futebol 2 x 0 Vôlei



Continue Lendo