Vaivém: Sesi Bauru anuncia a italiana Diouf



Mais um grande nome do vôlei mundial disputará a próxima Superliga.

O Sesi Bauru anunciou, nesta quarta-feira, a oposto italiana Valentina Diouf como reforço para a temporada 2018/2019. A informação da possibilidade de acerto foi publicada pelo site Melhor do Vôlei, ontem.

A jogadora de 25 anos e 2,02m tem no currículo participações pela Azzurra em Mundial, Grand Prix, Campeonato Europeu. Por clubes, passou por Club Italia, Bergamo, Busto Arsizio e Modena. Ela será apresentada em agosto.

– Não vejo a hora de conhecer os torcedores e minhas companheiras. Quero agradecer muito ao clube por ter me acolhido nesse fantástico projeto – disse Diouf, em um vídeo postado nas redes sociais.

Valentina Diouf terá primeira experiência fora da Itália (Divulgação)

Qual Diouf o Sesi Bauru está contratando? Essa foi a pergunta feita por alguns fãs do vôlei no meu Twitter (@danbortoletto) durante a tarde.

O questionamento é válido pelo surgimento de uma atacante alta, com envergadura, potência, anos atrás. Foi tratada como um fenômeno. Depois, teve mais dificuldade para se manter no nível que muitos imaginavam que ela deveria estar.

Diouf ainda é nova, já tem uma bagagem interessantíssima e pode ser um dos grandes nomes da Superliga. Será preciso esperar o fator adaptação, já que ela nunca atuou fora da Itália, além do aspecto físico. Bola ela já mostrou ter.

Prometo voltar ao assunto nos próximos dias com respostas de especialistas italianos sobre ela. Na minha opinião, é uma aposta muito interessante de Anderson Rodrigues.

A chegada da italiana também coloca em xeque a continuidade de Tiffany em Bauru. As aspirações políticas da oposto. A própria poderá responder sobre isso na próxima segunda-feira, quando o time será apresentado no prédio da Fiesp, em São Paulo.

LEIA TAMBÉM

+ Minas confirma saída da Camponesa



MaisRecentes

Entrevista Skowronska: “Estou apaixonada pelo Brasil”



Continue Lendo

Duelo entre pai e filho pelo Campeonato Paulista



Continue Lendo

Brasil perde segunda para os Estados Unidos



Continue Lendo