Vaivém: Russos confirmam Garay por mais um ano



O Dínamo Krasnodar, da Rússia, confirmou em seu site oficial a renovação da ponta brasileira Fernanda Garay por mais um ano.

Ela, assim, seguirá fazendo dupla com a compatriota Fabíola na temporada 2015/2016.

Andrey Makarov, dirigente do clube, foi só elogios à atleta:

– Fernanda é uma líder indiscutível, uma pessoa maravilhosa e uma grande jogadora. Uma verdadeira lutadora.  Sua experiência, sua emoção e sua habilidade para manter tudo tranquilo mesmo nos momentos mais difíceis e jogos mais estressantes ajudará muito o time.

Garay está na briga pela Copa CEV e disputará ainda o Mundial de Clubes. No Campeonato Russo, como já alertado nos comentários pelos atentos leitores, o Krasnodar caiu nas quartas de final.

 



  • Carlos

    O Krasnodar foi eliminado nas quartas de final do campeonato russo pelo Uralochka. O time vai ficar de fora da Champions League de novo.

    • Daniel Bortoletto

      lapso, vou corrigir

      • klaus

        Não é bem assim.Se ganhar a COPA CEV garante a vaga na Champions.Já ganharam o primeiro jogo contra o Rabita e se vencerem o próximo estarão na final.E pelos dois adversários do outro lado, acho que vão levar o título.

        • marcio

          A classificação para Champions é somente via Superliga Russa. Os 3 primeiros colocados se qualificam.

  • Jorge

    Daniel, Fernanda não disputa o título russo. O time dela foi eliminado nas quartas.

    • Daniel Bortoletto

      verdade. vou corrigir

  • Rafael

    Parabéns a Fernanda! jogadora potente e extremamente habilidosa.
    Já o Krasnodar, foi vexatória a desclassificação no campeonato russo.
    Bem, um campeonato onde a mediana Fabiola é rainha, pode-se esperar qualquer coisa mesmo!
    em tempo, não estou falando da pessoa e sim da jogadora. Infelizmente passamos por um período escasso de talentos nessa posição e quando falta “gênios” no levantamento, passamos a valorizar jogadoras medinas!

    • Billy

      Sugestão à você: Bote uma sainha e tente entrar no lugar da Fabíola para tentar jogar como ela(acho impossível que você tenha o mesmo talento que ela).Quem sabe você possa ser contratado para jogar no lugar dela(que prá mim é uma excelente levantadora-além de bonita é carismática vibrante e joga muito).Para de querer depreciar a extraordinária Fabíola(dizendo que ela é mediana e etc…) e vê se você se enxerga.Acompanho o campeonato russo e vários outros no mundo e afirmo que lá jogam excelentes jogadoras(algumas até desconhecidas mundialmente ainda-mas ótimas jogadoras).Em breve teremos o mundial de clubes feminino e eu aposto as minhas fichas que o campeão será o Dínamo Krasnodar) aguardemos…

      • Rafael

        A Fabíola é uma excelente pessoa, carismática, guerreira e que evoluiu bastante.
        Mas mesmo assim a considero mediana, e olha que não discordo que seja a segunda melhor levantadora do Brasil na atualidade, o problema como já havia dito, é carência de boas levantadoras.
        Se bem que o jogo da Fabíola encaixa muito bem com a escola russa: bolões altos e precisos nas pontas!
        É difícil querer discutir um tema quando os argumentos são parciais (ou pessoais)!
        Mais uma vez, gosto muito dela como pessoa, mas ela é longe de ser excepcional!

        • Billy

          Esta bem Rafael.Concordo em partes com você.E me desculpe pela resposta meio atravessada-é que eu gosto muito da Fabíola e ás vezes fico chateado com algumas opiniões discordantes em relação à ela(mas reitero-você tem a sua opinião e não é injusto que pense assim,ok!).Abraços…

  • ALINE

    Ansiosa por ver FABÍOLA, KOSHELEVA, SOKOLOVA e GARAY no MUNDIAL jogando pelo KRASNODAR: QUE TIMAÇO!!!

    • Bernardo

      Falta centrais e uma companheira para a Kosheleva no ataque, pq quando o passe fica ruim é a única que resolve. A Sokolova continua com problemas físicos e sendo improvisada como oposta não rende tudo que sabe.

      • Ciro Andy

        Sokolova, sendo improvisada como oposta? Viu alguma partida do Krasnodar essa temporada?
        Sokolova é o melhor passe do time (ao contrário da Garay está q está fraca nessa posição). A oposto do time é Kosheleva.

        • Kaio

          Você pode ter visto todas as partidas da temporada, mas pelo jeito não entendeu nada, Sokolova joga de oposta passadora e Kosheleva de falsa ponteira.

          • Samuel

            Concordo com o Kaio! A Sokolova é uma falsa oposta, mas com características de centrais (jogando com a bola china). A Garay não é uma exímia passadora, ela tem função de passar, mas tem a responsabilidade de virar mais bolas juntamente com a Kosheleva.
            O Krasnodar esse ano tem sofrido no passe. Assisto quase todos os jogos, e vejo muita dificuldade nesse fundamento. A pobre da Fabíola tem sofrido sem a bola na mão. Porém, ela tem um toque de bola muito limpo e sempre que falta o passe, ela joga bolas altas com a Koshelava, o que torna o jogo muito marcado.

          • Paula Cerqueira

            kkkk Essa foi boa. oposta passadora e falsa ponteira. Essa povo gosta lançar pérolas…

        • Juliano

          Sokolova é o oposto do time. A diferença é que é ela quem vai para o passe, e não a Kosheleva. Portanto, a Kosheleva continua na posição de ponta, só não participa do passe por tática de jogo.

          A Sokolova pode ter sido mais regular que a Garay no passe. Porém, SEMPRE QUE O TIME PRECISOU DELA, ela não aguentava pressão e era substituída por quinar o passe. Acho que ela ficou traumatizada com Londres e agora se borra toda vez que o jogo vai ao tiebreak.

          A Garay é titular absoluta; na hora da pressão de final de jogos, quem segura o rojão e passa bem é a Garay. Exatamente por isso renovaram com ela. Aliás, de forma implícita, o chefe do time deu uma esnobada nas outras, ao dizer que a Garay não sente a pressão do jogo nas horas importantes.

        • Bernardo

          Pelo jeito quem não assistiu e não entendeu nada foi tu, eu comentei sobre o ataque da Sokolova, ela está atuando como oposta e não tem se dado bem atacando por ali, mas continua fazendo o passe junto com a Garay, e a Kosheleva é falsa ponteira pois não passa. O time tá fazendo o que a Turquia fez ano passado no feminino. Aprendeu ou tenho que desenhar?

      • marcio

        Não sei que time vcs estão falando, mas a Garay tem que cobrir a Sokolova e a Kriuchkova que dão um prejuízo danado no passe. Se a bola sair do colo é só golpe de vista.

    • jose herbert arujo

      E o mais interessante Aline é, dependendo dos grupos do mundial, a Garay e Fabíola vão jogar contra o Rexona, que apesar de ser uma equipe brasileira porém elas quando atuavam no Brasil, tbm jogavam contra, pelo molico, então a rivalidade de ambas vai prevalecer contra o rexona, e isso só aumenta a expectativa do mundial. E caso o time de Sheila tbm se classifique para o mundial, ganhando a champion league, irá enfrentar tbm o Bernardinho. Ou seja, será um show os duelos.
      Alguem ja sabe qual emissora irá transmitir o mundial?

  • klaus

    A líbero do time é uma tristeza.Não defende nada e passe nem digo pois isso as russas não sabem o que é . A Garay é praticamente a única ponteira do time pois Sokolova como oposta improvisada só ataca chinas.As centrais não são ruins mas com o passe z do time fica difícil fazer alguma coisa, se bem que o bloqueio tem deixado muito a desejar.Enfim, fiquei feliz com a renovação pois quanto mais jogadores(as) forem jogar fora , melhor pra seleção,além de abrir espaço pra novos surgirem aqui.Isso sem falar da enorme evolução que atingem.Sorte Fernanda.

    • Bernardo

      Concordo com praticamente tudo, só gostaria de ver nossas grandes jogadores de perto atuando no Brasil, mas não dá pra criticar pois a organização da superliga é a pior coisa que existe. Quanto a líbero que é a Kriuchkova (100% de certeza que escrevi errado) é a líbero da seleção junto com a Malova, bom para o Brasil, que ela continue assim.

  • Junior

    As selecionáveis que saírem do Brasil devem passar um bom tempo fora agora que os benefícios de repatriar nossas atletas foi extinto, uma pena porque o nível da Superliga só tende a cair com isso, depois o Bollman ainda diz que isso é em prol do vôlei brasileiro, só se for para levar nossa liga a um nível de mediocridade que dirigentes como ele estão dispostos a investir.

  • Juliano

    O time precisa urgente de uma líbero decente.
    A atual líbero é fenomenal no passe. Realmente, é uma monstrinha de passe. Não foi por menos que, até a eliminação da Rússia, ela tinha a melhor recepção do campeonato mundial.

    Mas na defesa e no levantamento… É uma tristeza. A bola pode estar muito fácil, na mão dela, mas não adianta, ela não consegue levantar de jeito nenhum.

    Kosheleva é outra nula na defesa. Não sabe defender nada, nada mesmo. Ela já está livre do passe e nem para se dedicar na defesa ela se dedica.

    Exatamente por esses detalhes que o Krasnodar dançou no Campeonato Russo. Era só o adversário atacar que a bola caía na quadra do Krasnodar. A Garay é a melhor defensora do time, para se ter noção. Nem Sokolova defende como deveria. Ou seja, se passou pelo bloqueio, já era, era ponto na certa!

    Desse jeito não havia time que aguentava, porque Garay, para piorar, está na sua pior fase de passe.

    Como consequência, o time só usa passe B e C, dependendo muito da Kosheleva. Aí não há time que aguenta.

    A eliminação era só questão de tempo, só poderiam ter feito um pouco de esforço para ter sido na semifinal pelo menos!

  • Alexandre

    Não sei se foi uma boa opção para a Garay continuar na Russia. Estamos às vésperas da Olimpíada do Rio e, certamente seria melhor para ela jogar a nossa Superliga, que tem muto mais a ver com o tipo de jogo dela, as Russas só jogam com boas altíssimas e lentas e ela não é alta, apesar de forte. Mesmo que a Fabíola esteja no mesmo time, ainda, assim, é diferente. Claro que o dinheiro deve ter pesado e muito, mas ela já não havia feito uma boa temporada na Turquia, não ganhou nada. Quando esteve no Molico, também não ganhou, mas foi a melhor atacante. Sua titularidade na seleção está por um fio, a Gabi está voando e a Jaque não sai nem se estiver com dor de barriga.

    • Juliano

      Ganhou sim. Ela foi campeã da Copa Cev que garantiu o Fener na Champions, antes mesmo do desdobrar da Liga Turca. O Fener perdeu p Vakifbank nas finais da Liga Turca justamente por ñ poder contar com a Garay, que se lesionou na época. A Garay era jogadora de volume como a Jaque no Fener, então ñ tinha função de ser uma definidora. Aliás, naquela temporada, o Fener, na fase de classificação e com Garay, conseguiu quebrar uma série de dois anos de vitórias do Vakifbank, que tinha até entrado para o livro dos recordes. O resultado foi um 3 a 0 surpreendente. Em conclusão, a Garay fez sim um ótima temporada pelo Fener. Era o equilibrio do time, quando ela se lesionou, o Fener ñ aguentou as finais, pois com ela tudo seria diferente.

  • Alexandre

    Desculpe-me pela falha. Quando a Garay esteve no Molico não ganhou a Superliga, mas ganhou o mundial interclubes, o Sulamericano, o Paulista. Ou seja, sua passagem pelo exterior em duas temporadas não foi tão interessante assim se comparado à temporada anterior no Brasil.

  • jsg

    A garay é boa jogadora . Agora não entendo pq a calderon continua no time já que quase não joga como titular. Alguma equipe brasileira poderia aproveirar e contratar a calderon. O Rexona com GABI E NATY de pontas poderia trazer A Calderon pra ser a oposta do time, pq a bruna e a andreia não dá. Quando a FOFÃO se aposentar se a Roberta for efetivada como levantadora titular o time precisará além de uma grande oposta, uma central mais alta como a Mara ou Roberta(brasilia). Caso contraria só uma Aydemir, ognjenovic ou Lo Bianco pra fazer esse time andar.

    • marcian

      Acho que a Calderon não joga fora da Russia, visto que ela tem familia e tudo por lá…

    • marcio

      A Calderon não joga pq faz a mesma função da Kosheleva, é uma ponteira que não passa e não defende, só ataca. A família dela vive em Cuba e Miami, ela joga na russia pq paga bem! 😉

  • alguem sabe que horas vai ser o jogo do krasnodar ??

MaisRecentes

Dentil/Praia Clube e Sesc abrem vantagem



Continue Lendo

Corinthians faz melhor jogo na Superliga



Continue Lendo

Coluna: A imprevisível Superliga feminina



Continue Lendo