Vaivém: Perto de fazer 40 anos, Carol só quer saber de ajudar jovens



O Vôlei Nestlé confirmou, nesta quarta-feira, a permanência da campeã olímpica Carol Alburquerque por mais uma temporada na equipe. A levantadora, que fará 40 anos em julho, explica o que a move para seguir no esporte.

– Como jogadora mais experiente do time, procuro ajudar as atletas mais novas de alguma forma, seja nos treinos, nos jogos ou nas concentrações. Na verdade, é uma troca entre experiência e juventude e isso sempre é muito bom, pois também estou em busca da minha evolução em prol da equipe – disse.

Carol com a medalha de ouro de Pequim-2008 (Divulgação Fotojump)

Carol com a medalha de ouro de Pequim-2008 (Fotojump)

Mesmo ainda sem a oficialização por parte do clube paulista, Carol terá como companheira de posição Fabíola, que deixou o Volero Zurich, da Suíça.

– O Vôlei Nestlé é um time de muita tradição no esporte nacional, então, a cobrança sempre existe e isso é natural. Por isso trabalhamos muito, e sempre, para corresponder às expectativas. E as expectativas para a nova temporada são sempre as melhores possíveis. Algumas jogadoras deixam o clube, outras chegam e o grupo se renova com a intenção de melhorar dentro e fora de quadra.



MaisRecentes

Não sei em quem apostar na Superliga feminina



Continue Lendo

Coluna: Um por todos, todos contra Taubaté na Superliga?



Continue Lendo

Caramuru usa artifício jurídico para jogar a Superliga



Continue Lendo