Vaivém: Minas confirma contratação de miss americana



O Minas oficializou, nesta segunda-feira, a contratação da oposto americana Alaina Bergsma.

Para quem não viu no fim de semana, segue o link da galeria de fotos da jogadora, que em 2012 foi eleita Miss Oregon e tem carreira paralela de modelo: http://www.lancenet.com.br/fotos/Minas-contrata-Superliga-Foto-Reproducao_5_989351056.html

– Estou muito animada para jogar no Minas. A ansiedade é grande em querer ajudar a equipe a competir na Superliga. Acredito que vamos surpreender muita gente com a forma como jogaremos este ano – disse Alaina, que foi três vezes vice-campeã da Liga Universitária dos Estados Unidos.

Outro reforço confirmado pelo Minas é a central Lynda Morales, americana que defende Porto Rico.



  • VOCES PODERIAM DAR MAIS ESPAÇO À SUPER LIGA DE VOLEI, NA MASCULINA E NA FEMININA, POIS ESTE É, COM CERTEZA. O SEGUNDO ESPORTE DO BRASILEIRO. OBRIGADO

    • Daniel Bortoletto

      Não entendi. Você quer mais espaço para vôlei no meu blog?

      • Carla

        kkkkkkkkkkkkk é cada um que aparece

      • Sérgio

        Acho que ele quis dizer no Lancenet como um todo.

  • Hugo

    “Acredito que vamos surpreender muita gente com a forma como jogaremos este ano – disse Alaina” rsrsrsrs… coitada…. será que ela sabe como está a formação do clube que ela vai jogar, só juvenil e uma senhora (boa jogadora) mas, senhora. Vergonha esse MTC com a grana que tem, formar um time só para garantir a tradição na competição nacional.

    • LUIS ALBUQUERQUE

      Quem disse que a camisa não pesa?! E se vc não entende muito de volei, e nem de português, pq surpreender pode sim! Lembrem do Mackenzie que com juvenis quase eliminou o Todo-poderoso, Rio de Janeiro, de Sheilla, Mari e Fernanda Venturine.
      E o time do Minas é praticamente a Seleção Brasileira Juvenil, com alguns bons reforços. Quem sabe sim, possa surpreender e figurar entre os 5 ou 6 primeiros!

      • Hugo

        hunrum.. a seleção (juvenil) que nunca ganha nada, e desta mesma que estou falando. Qdo o Mackenzie quase eliminou o Unilever? vc diz por ter dado sorte de as meninas do Unilever ter jogado mal e elas terem ganho 1 jogo? Me poupe. Não acho que pode surpreender, nem mesmo dar trabalho, é um timinho ruim, e um clube q não mete a mão no bolso para fazer o melhor.

    • Renato Dias

      não só sabe, como se enquadra nesse perfil de jovens jogadoras e por isso está no time.

      Os torcedores do Minas Tenis Clube eu entendo ficarem ressentidos com um time jovem, sem estrelas. Um time que já teve muitas estrelas ou então times competitivos, não deixa de ser frustrante pra torcida uma equipe juvenil.Mas essa mesmo eu tenho certeza que estará apoiando.
      outros só comentam do time do minas zombando, mas deveriam enxergar o bem que botar um time com uma garotada com vontade vai fazer pro futuro. Muitas ali tem potencial e vão poder mostrar o valor. dinheiro de patrocinador é sabido que não tem, portanto a melhor proposta é essa mesmo visto que o clube tem condições de utilizar sua base pra isso. Poderia tirar o time de campo, como muitos fazem que perdem o apoio, mas tá sempre fazendo muito pelo volei continuando quando tem ou não dinheiro, assim como tambem faz Pinheiros. Vida longa aos clubes formadores!

    • antonio

      Coitada? e ela por acaso se difere das outras jogadoras? é tambem uma aposta, uma jovem jogadora sem grande experiência. Tá no mesmo barco que todo o resto do time e tendo uma oportunidade única pra mostrar serviço. Tem mesmo que estar animada e confiante por ter tido essa chance de jogar a liga brasileira.

    • LLeobh#

      Concordo, essa diretoria do Minas, principalmente a Yara Ribas não passa de uma amadora. A Itambé deve patrocinar o Minas é de leite para alimentar as juvenis.

  • LLeobh#

    Daniel tudo bem? Estão dizendo nos bastidores sobre uma possível contratação da Soninha para o Minas? E se haverá mais contratação, já que a Itambé entrou como patrocinadora do time feminino do Minas.

  • João Carlos

    NO MUNDO TODO O SEGUNDO ESPORTE OU O PRINCIPAL ESPOORTE É O BASQUETE,SÓ NO BRASIL SE DÁ TANTA IMPORTÂNCIA AO VÔLEI.É NA MINHA OPINIÃO UM ESPORTE MUITO BONITO PARA AS MULHERES PRATICAREM,MAS PARA HOMENS É MUITO FEIO E ESQUISITO.

    • Darci

      Olha, eu acho que homem jogando vôlei é algo lindo de se ver.
      Prefiro o vôlei feminino por não ser tão baseado na força e explorar mais o sistema defensivo. Acho taticamente mais interessante. Mas, no quesito beleza de movimentos, prefiro as pancadas e a velocidade do vôlei masculino.

    • Marcelo

      Comentário totalmente fora de contexto, e sem necessidade.

    • Raffael

      Polônia, Itália, Japão e Russia mandam beijos pra voce!!!

  • Welmer

    Ano passado eu vi a final do campeonato universitário dos EUA e lembro dela jogando pela Universidade de Oregon, quando o time ficou com o vice-campeonato. Ela me pareceu ser uma boa jogadora (era a melhor jogadora do time) e tem potencial para evoluir.

    Embora seja uma boa jogadora, acho que o Minas poderia ter apostado em outra jogadora, também americana, Bailey Webster, que eu acho ter mais potencial que Alaina. Bailey foi considerada a MVP do campeonato e conduziu a equipe da Universidade do Texas ao título do campeonato. Acho que ela poderia ajudar mais a equipe do Minas.

    • LUIS ALBUQUERQUE

      Mas ela não é miss né?! O departamento de Marketing do Minas é melhor que o o departamento de volei feminino, na senhora da Yara Ribas e Patricia Axer que realmente são amadoras.
      Se não fosse a pressão enorme que a torcida fez até hoje o Jarbasbaca estaria lá!
      Acho que realmente o presidente senhor Zech Coelho, deveria trocar o comando!

  • Aline

    Carolina Costagrande entrou em quadra super inspirada para o confronto contra a Bi-Campeã Europeia Polônia. No grande duelo esperado entre as estrelas Costagrande e Skowronska, a italiana levou a polonesa a nocaute, tanto que Skowronska foi sacada do segundo set.
    Skowronska que havia sido BICAMPEÃ EUROPEIA em 2003 e 2005, desta vez vai ficar bem longe do podium.
    Enquanto isso COSTAGRANDE, que está no auge da carreira, foi a maior pontuadora e melhor bloqueadora da partida, marcando 15 pontos, dos quais 6 de bloqueio.
    A ITÁLIA passou o rolo compressor na POLÔNIA num 3×0 fácil, com direito a um humilhante 25×13 no último set.
    ITÁLIA x SÉRVIA é o confronto mais esperado das quartas-de-final, quem vencer é o favorito ao título.
    Vale destacar a excelente atuação de Noemi Signorile, que desfalcou a ITÁLIA na fase final do GRAND PRIX, quando torceu o tornozelo na partida contra os EUA. Já recuperada da torção, Signorile vem sendo a mais promissora revelação italiana no levantamento.

MaisRecentes

Sada/Cruzeiro sofre com o “próprio veneno” no Mundial



Continue Lendo

Copa Brasil com TV apenas na final



Continue Lendo

Os seis jogos finais do turno da Superliga masculina



Continue Lendo