Vaivém: Mais dança das cadeiras entre os técnicos



Mudanças no Banana Boat/Praia Clube e no Vôlei Amil.

Em Uberlândia, uma nota oficial anunciou o fim da trajetória de Spencer Lee como treinador. Para o lugar dele foi anunciado Ricardo Picinin, que dirigia o Vivo/Minas.

Já em Campinas, a esperada saída de José Roberto Guimarães, que terá dedicação exclusiva à Seleção Brasileira, foi confirmada. Assume Paulo Coco, fiel escudeiro de Zé Roberto.

– É com dor no coração que saio. Um pedaço de mim fica aqui, pelo desenvolvimento do projeto. Tenho que agradecer muito à Amil. Hoje está sendo um dia muito triste pra mim. Ao mesmo tempo, tenho que pensar na seleção do Brasil e me preparar para o Rio 2016 – disse Zé Roberto, em entrevista coletiva, revelando que ainda negocia com a diretoria sua permanência no projeto.

Já a nota oficial do Banana Boat agradece Spencer Lee pela parceria nas últimas temporadas.

“Hoje, a equipe Banana Boat/Praia Clube se despede de Spencer Lee, um profissional de exímia e comprovada competência, além de tratar-se de uma figura querida e estimada por todos colaboradores, associados, atletas e torcedores desta instituição. Mais do que uma despedida, esta mensagem é de agradecimento e reconhecimento a quem desde 2008 comandou com maestria a equipe do Banana Boat/Praia Clube. Spencer foi um exemplo de profissional, tendo contribuído para o desenvolvimento do Praia Clube e, consequentemente, do vôlei nacional.   A despedida faz parte de um processo natural do esporte. O termo não é nem renovação, porque sabemos que Spencer possui uma visão moderna e atual sobre a modalidade no Brasil. Acreditamos que esse “até logo” é uma forma de ambas as partes, Banana Boat/Praia Clube e Spencer, entrarem em contato com novas experiências, promovendo o crescimento do Clube e do treinador”.



MaisRecentes

Dentil/Praia Clube confirma presença no Mundial



Continue Lendo

Seleções disputarão amistosos pelo país antes dos Mundiais



Continue Lendo

O adeus do genial genioso Ricardinho



Continue Lendo