Vaivém: Kozuch, Mari, Ivna…



Muitos torcedores do Molico/Osasco me perguntam sobre as três jogadoras acima.

Então, vamos por partes:

1) Sobre a oposto alemã, a informação que obtive no clube é a seguinte: ela não foi sequer consultada e não faz parte da lista de atletas que interessam.

2) A campeã olímpica já está contratada, como eu e o mundo já escrevemos. Eu não sei quando o Molico/Osasco vai oficializá-la, mas o acordo está sacramentado faz tempo. Inclusive, já escrevi aqui que usaria Mari como oposto, sem nenhuma preocupação com o passe. Relembrem: http://blogs.lancenet.com.br/volei/2014/05/06/vaivem-dani-lins-sheilla-mari/

3) Depois de fazer uma boa temporada pelo Sesi, acho que a melhor desde que despontou no Minas, Ivna é uma opção, após não renovar com a equipe paulistana. Ela já trabalhou com Luizomar em Osasco, parece recuperada dos problemas físicos que já enfrentou e agora precisa fazer uma temporada de afirmação. Tem potencial, muita força, mas precisa jogar com maior frequência em alto nível.



MaisRecentes

Esperava um jogo tecnicamente melhor no Mineirinho



Continue Lendo

Reflexão sobre o momento da Seleção é necessária



Continue Lendo

O novo capítulo de uma relação conturbada entre Brait e Zé Roberto



Continue Lendo