Vaivém: Escadinha seguirá no Sesi



Mais uma peça importante do mercado já definiu o futuro para a temporada 2013/2014.

O líbero Escadinha continuará no Sesi, segundo o blog apurou.

O jogador tinha proposta da Rússia e teve a permanência facilitada após a mudança no ranking que diminuiu a pontuação de atletas com mais de 35 anos. O campeão olímpico e mundial caiu de 6 para 3, ajudando no quebra-cabeça de 32 pontos que Marcos Pacheco está montando na Vila Leopoldina.

 

 



  • Lucas Rodrigues

    Sérgio, melhor líbero do mundo.

  • Marcos

    Vamos tentar decifrar o quebra-cabeça e as opções:
    Serginho=3 pontos; Sidão=0; Lucareli=5 = 8. Faltam 24.
    Para as 2 vagas 7 pontos restantes, me parece que os candidatos seriam: Lucão, Bruninho e Vissoto.
    No caso dos 2 primeiros fecharem, teríamos que somar 14, ficando somente 10 para 2 opostos, 1 central, 1 levantador e 3 ponteiros, e a conta só vai fechar se o levantador for repatriado, os centrais reservas foram os jovens Aracaju e Tarcísio, os ponteiros forem repatriados (o próprio Cleber, Bravo, Tavares, Zanuto, Refatti, Evandro são os nomes que me vêm agora) ou da base (Ari), deixando os pontos sobrando para os opostos (Theo? Renan? Bergamo?), ou rapatriariam um oposto (De Paula? Wallace?) e gastariam os pontos em um ponteiro (Thiago Alves? Renato?). Eder, Léo Mineiro, Sandro, Everaldo e Mão estaria obrigatoriamente fora.
    No caso de fechar só o Lucão, eles teriam 17 de margem. Não há levantador nível A disponível no Brasil (Marcelinho e William devem ficar em seus times, Ricardo não vai para o Sesi), teriam de repatriar Rapha ou Marlon. Isso abriria pontos para opostos, ponteiro e central nacionais (nesse cenário, Eder, Everaldo e Mão poderiam ficar). Repatriando também um oposto tipo Vissoto, daria até para trazer Renan, Rodriguinho, Thiago Alves, Eder e Renato. Ficaria mais equilibrado.
    Resumindo, acho difícil irem Lucão E Bruninho para o Sesi; teria que haver uma série de condições ótimas para isso.

MaisRecentes

Zenit campeão com méritos. “Cubanos” dominam premiação



Continue Lendo

Sada/Cruzeiro sai do Mundial com bronze e cabeça erguida



Continue Lendo

Rodada define confrontos da Copa Brasil masculina



Continue Lendo