Vaivém: Como o Sada/Cruzeiro pretende substituir Uriarte



A uma vitória do sexto título da Superliga Cimed Masculina, o Sada/Cruzeiro também já pensa na próxima temporada.

Uma das preocupações é a substituição de Leal. A outra é a de Uriarte. E elas acabam interligadas, já que a saída do cubano naturalizado brasileiro fez o time mineiro buscar um novo atacante estrangeiro como reposição, impedindo a continuidade do hermano (regra da Superliga permite apenas dois gringos por equipe. O cubano Simon é um garantido para 2018/2019).

O levantador argentino, que faz uma excelente reta final de campeonato (neste sábado foi eleito o melhor em quadra na final contra o Sesi, no Ibirapuera), surpreendeu ao acertar a transferência para o EMS/Taubaté, após negociar também o Bolívar (ARG). Lá no Vale do Paaíba ele fará uma dupla fortíssima com Rapha, capitão de Taubaté nesta temporada. O que fará o Cruzeiro para substituir o hermano?

A primeira aposta de Marcelo Mendez é dar uma chance para Fernando Cachopa, reserva de William nos últimos anos e atual suplente de Uriarte. Levantador da Seleção Brasileira nas categorias de base, ele terá a oportunidade de assumir a condição de titular. Cachopa conhece bem o elenco, já chegou a ser convocado para a Seleção adulta, ainda com Bernardinho, e demonstra potencial para alçar voos mais altos. Terá a chance de comprovar na próxima temporada.

Sandro disputou a última Superliga por Montes Claros (Divulgação)

Mas ele terá um companheiro de posição com muita experiência. Sandro, ex-Montes Claros, é o escolhido. O jogador de 37 anos já passou por grandes clubes brasileiros, é conhecido pela técnica e liderança. Pode ser um “porto seguro” para ajudar nesta transição de Cachopa. E, claro, mostrar jogo caso o jovem oscile.

LEIA TAMBÉM

+ RedeTV! corta transmissão da final da Superliga no início do tie-break



MaisRecentes

Dentil/Praia Clube confirma presença no Mundial



Continue Lendo

Seleções disputarão amistosos pelo país antes dos Mundiais



Continue Lendo

O adeus do genial genioso Ricardinho



Continue Lendo