Vaivém: Adenízia confirmada na Itália



A central Adenízia já tem um novo time para a temporada 2016/2017.

Depois de mais de uma década atuando em Osasco, ela vai defender o Scandicci, da Itália.

A confirmação aconteceu nesta sexta-feira.

Adenízia terá primeira experiência fora do país (Divulgação)

Adenízia terá primeira experiência fora do país (Divulgação)

A selecionável é uma das “vítimas” do corte de orçamento do Vôlei Nestlé após a última temporada. Ela tinha mais um ano de contrato, mas teria de aceitar um corte salarial para continuar. Mesma situação, por exemplo, de Thaisa, que também deixou o tradicional time de Osasco.

Nesta temporada, o Scandicci terminou a fase de classificação do Italiano em sexto lugar. Nas quartas de final, caiu diante do Piacenza por 2 a 1.



  • Edu

    Adenizia tinha mais um ano de contrato com o Nestlé e estava até meio disposta a negociar a redução salarial para continuar no time.Esse subterfúgio, com o pagamento da multa rescisória por parte da organização demonstrou de fato que não queriam mesmo a sua permanência em Osasco. Busca novos ares.Sempre jogou mais na vontade que na técnica com muita prevalência da parte fisica. Uma nova geração de atletas começou a ganhar mais espaço, como a Carol, com melhor leitura de jogo, mais técnica e refinamento de fundamentos que limitaram seu espaço no mercado.O que pode se dizer tranquilamente e que é ótima de grupo e humilde o bastante para trabalhar na medida do seu esforço máximo para lutar por uma vaga de selecionável.

    • will

      verdade Edu ela sempre procurou de alguma forma contribuir com a força de vontade e na garra no time do que na técnica,por isso quando se lesiona demora a encontrar seu melhor na parte física hoje perdeu um pouco o espaço pra Carol que é técnica e tem uma leitura incrível dentro do jogo a única coisa que faltava a própria era uns 5 centímetros a mais pois as atacantes a nível mundial vão por cima dela mesmo..

    • Josenei Silva

      “Uma nova geração de atletas começou a ganhar mais espaço, como a Carol, com melhor leitura de jogo, mais técnica e refinamento de fundamentos que limitaram seu espaço no mercado”. Por favor, além da Carol, cite outra jogadora com essas características, que esteja barrando a permanência dela no Brasil.

  • Billy

    Essa jogadora decadente e que só sabe saltar feito uma m….. já vai tarde.A coitada pensa que joga feito uma cubana(na minha opinião ela não chega nem aos pés das legítimas e sensacionais cubanas de outrora)Tomara que não retorne nunca mais.Ninguém sentirá a mínima falta dela por aqui(no Brasil).Sempre a detestei e nunca a admirei como jogadora.Fui…

MaisRecentes

Vaivém: Sidão animado com projeto corintiano



Continue Lendo

Vaivém: A apresentação de Serginho no Corinthians



Continue Lendo

Vaivém: Sesi oficializa mais dois nomes



Continue Lendo