Vaivém: A volta de Canha



André Nascimento é o novo reforço do Montes Claros.

A notícia, algumas temporadas atrás, faria do time do Norte do Minas um candidato a sonhar alto na Superliga. Canha, como é conhecido o oposto canhoto, fez parte de umas das melhores (se não a melhor) Seleção Brasileira de todos os tempos. Equipe que conquistou tudo e mais um pouco (Olimpíada, Mundiais, Copas, Ligas…). André não era o astro principal, mas compensava com uma eficiência acima da média para um jogador de 1,95m e responsável pela bola de segurança quando o passe não saía perfeito para o levantador. Pra ele não tinha tempo ruim, adversário temido, jogo importante. Encarava a Rússia do mesmo jeito que enfrentava a Argélia. Sua personalidade sempre foi assim e acho que ajudava-o a não se pressionar mais do que deveria. Lembro de cobrir a Seleção em alguns destes momentos e muita gente ali, nos bastidores, chegava a compará-lo com Garrincha: “Dane-se quem está do outro lado. É um João atrás do outro”. Assim o genial jogador de futebol tratava seus marcadores, simplificando o melhor e o pior a um “simples João”.  Assim  Canha encarava qualquer bloqueador, seja um gigante de 2,10m ou um baixinho de 1,75m.

Mas como encarar a notícia hoje? Eu não sei responder com exatidão.

Canha já possui 36 anos e não vem jogando em alto nível nas últimas temporadas. Muita gente acreditava até que ele tinha se aposentado sem muito alarde. Há dois anos chegou a ser anunciado como reforço do Canoas, mas desistiu do projeto antes de estrear. Pesa a favor dele, além da técnica já citada acima para compensar a estatura, nunca ter sofrido lesões gravíssimas. Se estiver com o físico em dia, pode colaborar bastante com o Montes Claros. Mas sua história vencedora nunca será apagada e, de alguma forma, pode servir de inspiração para o MOC.



  • douglas

    Daniel me diz uma coisa agora nas olimpíadas e no pan as seleções poderiam levar 14 jogadoras , já que as regras mudarão e a cada jogo tera 7 e não 5 reservas

  • Rômulo

    Pra um time que tava querendo manter uma equipe com média de idade entre 25 e 26 anos…
    Mas fico feliz com a notícia e em ver o Canha de volta. Também não sei como tá o físico e como será a performance dele, mas acho que pode ser muito bom pro time ter uma referência e um nome grande desse tipo. E ainda espero vê-lo jogando bem e atacando muita porrada (36 anos ainda é novo comparado a um Papi, Vujevic e Tetyukhin).

    • Paulo

      MEDIA IDADE = SOMA DAS IDADES / NÚMERO DE ATLETAS

      • Rômulo

        Não me diga.

  • joao leonardo

    o MOC voltou a lavar dinheiro dos perrela e tucanos, daquela fundaçao ficticia? Dinheiro surge do nada a gente fica encucado….

  • Billy

    Sempre admirei o André nascimento na seleção.Foi um oposto muito regular e fora de série.Tomara que ainda esteja jogando bem(como nos seus áureos tempos de seleção).Torço por ele.

  • Everton Merk

    Uma lenda do Vôlei brasileiro! Simples assim.

  • Luciano

    André Nascimento, o melhor oposto canhoto que já vi jogar, ao vivo e pela tv. Merece estar em alto nível com certeza. O interessante é que o outro oposto que Montes Claros terá é um outro canhoto que jogou no Santo André Wagner, muito bom de bola que com certeza aprenderá muito com o Canha.

    Gostaria de saber sobre o Maringá, e também dos João Paulo que eram do Brasil Kirin. E também sobre o Marcelinho, o Sandro. Será que o Canoas tem um projeto grande, e a UFJF com a parceria com o Flamengo tem condições de ter um time de ponta.

  • Marcelo

    Será muito importante para equipe com sua liderança e experiência para os mais jovens com certeza.

    Em um momento tão carente de ídolos no esporte, poder assistir novamente o André Nascimento jogar será um atrativo a mais para torcedores e patrocinadores da equipe de Montes Claros.

  • Fabi

    Nossa! Que alegria! Eu era doida para ter notícias do André. Foi o melhor oposto da seleção q eu vi jogar. Sinto falta dele até hoje. Depois q ele saiu, a seleção nunca achou jogador tão eficiente para a posição. Torço muito por ele. Jamais me esquecerei do talento e da entrega dele em quadra. Será para sempre um ídolo p mim.

  • Danilo Ferreira

    Canha é Mito!
    Fez parte do melhor time da história do Vôlei mundial.
    Sempre virava as bolas importantes e tinha um saque fora da média também.
    Fico feliz de voltar a Superliga.

  • Lucia

    Que ótima notícia!Pena que é por M Claros.

  • Edu

    Só tem a ganhar a Superliga e no que vi, ele foi bem na campanha de acesso do Voleisul/Paquetá.Boa recordação do Sergey Tetyukhin ele esta prestes a fazer quarenta anos e esta jogando ainda em alto nível no Belgorod.E uma lenda e ficou apenas uma temporada no Dinâmo Kazan e teve a camisa aposentada.Algo que se poderia fazer no Molico e no Rexona com as jogadoras lendárias como no exemplo da Fofão imediatamente.Bernardo atribui ao Tetyukhin 50% do mérito da vitória da Russia na final olímpica contra o selecionado brasileiro.

    • klaus

      Perfeito Edu.Todo mundo lembra do Muserskiy ,mas pra mim o responsável pela vitória russa foi o Tetyukhin.Foi a partir do saque dele que começou nosso pesadelo.Bom, só lembro disso porque não consegui ver o tie-break e dói até hoje lembrar disso.E quanto ao André, o que dizer, se pudesse pegaria uns 10 anos dele só pra que ele voltasse a ter uns 26 anos e eu pudesse ver novamente o oposto mais fantástico que vi jogar.Ele junto com Giba são meus ídolos do vôlei.Eternos.

  • Paulo

    Sempre admirei o André. Aquele cara que não apareci na mídia mas sempre muito eficiente. É tão mito quanto Giba pra mim. Giba se destacava por ser muito completo, mas quando o passe não saia era o Canha que o Ricardinho procurava.

MaisRecentes

Definidos os grupos do Mundial masculino de clubes



Continue Lendo

As quartas de final do Paulista masculino



Continue Lendo

Bruninho e Renan analisam conquista



Continue Lendo