Vaga no Mundial será brasileira



A final do Campeonato Sul-Americano masculino será 100% verde-amarela.

No segundo jogo das semifinais, o Funvic/Taubaté, para delírio da torcida, derrotou o Bolívar, da Argentina, por 3 sets a 1, confirmando vaga na decisão contra o Sada/Cruzeiro, que na preliminar havia batido a UPCN em sets diretos. O resultado garante para o Brasil a vaga da América do Sul para o próximo Campeonato Mundial, ainda sem sede confirmada.

Admito que não consegui ver o jogo como queria, já que estava escalado para escrever a visão de jogo de Tigres x Vasco, pelo Campeonato Carioca de futebol (quem quiser pode conferir lá no site do LANCE! meus pitacos sobre duelo). Mas a TV ficou ligada e pelo menos pude ouvir parte da transmissão.

Com Javier Weber no comando, o Bolívar começa a recuperar o prestígio que tinha na Argentina anos atrás. Mas não foi capaz de parar o vigor físico de Lucarelli, grande nome deste Taubaté.  Destaco também a importância do oposto Leozão, que começou no banco, e substituiu o cubano Yadier Sanchez após o primeiro set. Deixou o time brasileiro mais consistente na virada de bola.

Promessa de um jogão neste domingo, às 19h30, com os dois melhores times do país na atualidade.

 

 



MaisRecentes

Os números ajudam a entender melhor o Mundial



Continue Lendo

Tabela dos playoffs do Paulista masculino



Continue Lendo

Sorteio coloca EUA e Rússia no caminho do Brasil



Continue Lendo