Vaga no Mundial será brasileira



A final do Campeonato Sul-Americano masculino será 100% verde-amarela.

No segundo jogo das semifinais, o Funvic/Taubaté, para delírio da torcida, derrotou o Bolívar, da Argentina, por 3 sets a 1, confirmando vaga na decisão contra o Sada/Cruzeiro, que na preliminar havia batido a UPCN em sets diretos. O resultado garante para o Brasil a vaga da América do Sul para o próximo Campeonato Mundial, ainda sem sede confirmada.

Admito que não consegui ver o jogo como queria, já que estava escalado para escrever a visão de jogo de Tigres x Vasco, pelo Campeonato Carioca de futebol (quem quiser pode conferir lá no site do LANCE! meus pitacos sobre duelo). Mas a TV ficou ligada e pelo menos pude ouvir parte da transmissão.

Com Javier Weber no comando, o Bolívar começa a recuperar o prestígio que tinha na Argentina anos atrás. Mas não foi capaz de parar o vigor físico de Lucarelli, grande nome deste Taubaté.  Destaco também a importância do oposto Leozão, que começou no banco, e substituiu o cubano Yadier Sanchez após o primeiro set. Deixou o time brasileiro mais consistente na virada de bola.

Promessa de um jogão neste domingo, às 19h30, com os dois melhores times do país na atualidade.

 

 



  • Billy

    O meu palpite(e acho que da maioria também)é que o Sada Cruzeiro vai papar mais esse título, mesmo jogando em Taubaté e com toda a torcida contra.

  • Edu

    O EI Maxx2 fez um muito bom trabalho na transmissão do jovem Octávio Neto e os comentários do tecnico de volei do Flamengo de nome Arly, creio eu.O jogo do Taubaté foi o mais emocionante das semis e os comentários do Daniel contemplam muito bem o que ocorreu na partida.Foi a disputa mais equilibrada já que o Bolívar venceu o UPCN, meio que um carrasco ocasional do Sada, por 3 a zero nas etapas classificatória.No Bolívar o maior nome foi o do brasileiro Rapha de Oliveira e podemos descobrir que o Tiago Bartz esta jogando por lá depois da sua passagem pelo Canoas na temporada passada.Bom ver o Weber novamente em território brasileiro.Foi craque na época dos levantadores baixos, aqueles no máximo com um e oitenta de altura.Depois fez sucesso aqui no Brasil tanto como jogador e como treinador.Retorna ao Bolivar num bate e volta já que tinha saído para treinar o masculino do Dínamo Krasnodar ficando menos de 3 meses na Russia.Acho que fincou de vez suas raízes nessa equipe.O Taubaté fez sua melhor partida na temporada até essa semifinal.Mas o Cruzeiro entra com uns 70% de chance de ser campeão.Mesmo jogando na casa do adversário.

MaisRecentes

Dia de aplaudir o Zenit Kazan



Continue Lendo

Praia x Minas e Sesc x Vôlei Nestlé. Quer mais?



Continue Lendo

Agora líbero, Murilo volta a ser relacionado após 8 meses



Continue Lendo