Unilever se despede em grande estilo na Suíça



Luiz Doro/ adorofoto

Sheilla no ataque

Uma medalha de bronze com sabor especial. Depois de duas atuações ruins no Top Volley Internacional, disputado na Basileia, Suíça, a Unilever se reabilitou, jogou bem e garantiu o terceiro lugar. Nesta quinta, vitória sobre o Volero Zürich, por 3 sets a 0 (25-22, 25-13 e 26-24).

Para Bernardinho, que voltou a contar com Sheilla, mesmo ainda não estando liberada para atacar com 100% da força, o balanço da participação da Unilever no Top Volley foi positivo.

– Sem dúvida, queríamos o título. Mas o objetivo de trabalho, de crescimento do time pensando no futuro, foi alcançado. O time está se conhecendo mais. A Juciely se entrosando com a Fernanda, com quem joga pela primeira vez. A Sheilla se recuperando do ombro. Contra o Volero, ela fez uma partida sem atacar muito, mas sem dor. A Unilever oscilou durante o campeonato, mas nessa briga pelo bronze fizemos a melhor partida. O que importa, de fato, é que trabalhamos juntos, inclusive fisicamente, já que malhamos todos os dias – completou.

A levantadora Fernanda Venturini afirmou que é bom terminar o ano com uma vitória.

– Isso anima, dá moral. O time jogou desde o primeiro set e até o fim. Nas outras partidas, demos muitos pontos para as adversárias. Desta vez, deixamos elas errarem, o que é muito importante. Devolvemos a derrota da fase classificatória. Agora é aproveitar esses quatro dias de folga antes da reapresentação para a Superliga.

Luiz Doro/ adorofoto

Fernanda lidera atletas em passeio

Antes da disputa pelo bronze, as jogadoras passearam pelas ruas da Basileia e foram comprar presentes. Confira algumas imagens feitas por Luiz Doro.

A equipe, que foi campeã do Top Volley em 2006 e 2009, retorna ao Brasil nesta sexta-feira. A reapresentação será no dia 4 de janeiro, na Escola de Educação Física do Exército, na Urca, no Rio.

Luiz Doro/adorofoto

Mari e Sheilla numa loja de joias



MaisRecentes

Brasil impõe primeira derrota à Turquia na Liga das Nações



Continue Lendo

Entrevista com Kerri Walsh, três vezes campeã olímpica



Continue Lendo

Vaivém: Oposto troca Sada/Cruzeiro por Ribeirão



Continue Lendo