Unilever fecha elenco com jovem central



O time da Unilever tem mais uma jogadora contratada para a temporada 2011/12. A meio-de-rede Ana Carolina, de 20 anos, natural de Belo Horizonte (MG), é o novo nome anunciado pela equipe carioca. Com a apresentação da jogadora, nesta segunda, a Unilever define o time para a próxima temporada, totalizando 14 atletas.

– Confesso que a ficha ainda não caiu. Fico repetindo para mim mesma: vou jogar na Unilever! vou jogar na Unilever! E vou fazer tudo o que puder para ajudar o grupo – disse a jogadora, que defendeu o Pinheiros na última temporada.

O técnico Bernardinho fez uma análise das movimentações do mercado:

– Unilever, Vôlei Futuro, Osasco, Minas e a nova equipe do Sesi devem ser as principais forças da temporada. O nosso time certamente terá um ataque forte e, ao longo dos treinamentos, vai buscar maior equilíbrio no passe. A Ana Carolina e a Mara são atletas com potencial e temos a possibilidade de formar duas centrais de peso. A Fernanda comprou conosco a ideia de preparar a Roberta, levantadora, que é uma jovem talentosa. Enfim, vai ser uma temporada de muito trabalho e desafios. Além da Superliga, temos a expectativa de jogar o Mundial de Clubes.

Como é a atual campeã da Superliga, a equipe da Unilever está classificada para a disputa do Sul-Americano de Clubes, ainda sem data definida, que classifica o campeão para o Mundial de Clubes, previsto para outubro, em Doha, no Catar.



  • Nilton

    MARMELADA SERÁ ESSA SL 11/12, VAI SER SAMBA DE UMA NOTA SÓ!

  • Vitor

    É dos melhores elencos formados na história da Superliga. A Ana Carolina faz a mesma linha das titulares Valeskinha e Juciely. Não é tão alta, mas é muito veloz e tem um bloqueio pesadíssimo.
    Natália no lugar da Regiane dará mais força ao ataque e mais uma opção decisiva para a levantadora, agora a Venturini. O passe será o principal problema da equipe. Natália, Mari e Fabi montaram a linha de recepção do Brasil campeão do Grand Prix de 2009. Mas a Sassá entrou em diversos jogos para desencalhar a rede de um time que não virava em decorrência do passe complicado. Essa jogadora especialista de recepção que o time não tem no banco. Nem Regiane, nem Amanda tem essa característica. Bernardinho teve de abrir mão da Suelle por causa da pontuação e isso pode trazer alguns transtornos ao time. Valeskinha será ainda mais importante nessa temporada.

    Mas uma coisa é certa: esse time PROMETE !

  • Menotti Ferraz

    Daniel Bortoletto, me responda uma coisa… no Sul-Americado de Clubes do ano passado, o SOLLYS era o dono da Vaga porque havia sido campeão da Superlica, mas, o Unilever entrou no Sul-Americano porque foi convidado pela CBA … E Nesse ano, com o Unilever Campeão… a CBV Convidará o Sollys pra Participar ? Afinal o Sollys é o Atual Campeão do Torneio !!! Espero sinceramente que a CBV seja justa e não fique parecendo que favorece o time da Unilever @@@ Abraços !!!

    • Daniel Bortoletto

      Esse Sul-Americana ainda é uma incógnita. Como não existem outras ligas fortes no continente, é difícil até encontrar times que tenham condições mínimas de atuar ao sair de Argentina e Peru. Aí, pra dar alguma graça à competição, chamam um outro brasileiro.

      • Menotti Ferraz

        Daniel, vc respondendo assim rapidinho, vou ficar fã do seu blog (acho que já sou, pois entro várias vezes ao dia).. Obrigado pela Resposta !@@ Outra coisa… tem novidades da Carol Albuquerque… e do time que a Virna está tentando conseguir patrocínio ??

        Abraços

        • Daniel Bortoletto

          Por nada, Menotti
          aproveite que hoje estou em casa, curtindo as férias. daqui a pouco “sumo” pra buscar os filhos na escola (rs)
          dê uma olhada no LANCENET! e tem matéria lá sobre o time da Virna. Sei que ela conversa há tempos com o Mauricio Thomas em busca da viabilização do projeto. E ele pode ser o destino, se vingar, de muitas boas jogadoras, como a própria Carol

          • Adriano

            Só uma correção, Menotti: a Unilever não participou do Sul-americano a que você refere, em 2010. O Sollys, então campeão da Superliga, conquistou a vaga diante outras equipes do continente, sem nenhum rival brasileiro.

            O Sul-Americano em que Unilever e Sollys fizeram a final foi em 2009, o primeiro na qualidade de atual campeão brasileiro e o segundo, como vice.

  • Rafael

    Perfeita a análise Vitor!
    O Unilever está carente de passe, mas sobrando em ataque, saque e bloqueio, todos os fundamentos que pontuam,
    O Sesi tb me pareceu bem equilibrado.
    O Osasco, confirmando a chegada de Hooker, e confirmando nas pontas com Tandara, Jaqueline, Jú Costa e Ivna vai dar MUITO trabalho. Lembrando que completa a força com as fortes meios Adenízia e Taíssa. Além de Fabíola, é claro.
    E o Vôlei Futuro??? Precisa correr, pois sem anunciar meios, está ficando pra trás!!!

  • UNILEVER cada vez mais forte, impressionante: campeao da superliga, campeao SULAMERICANO e CAMPEAO MUNDIAL, COM CERTEZA!

  • Andrea da Silva e Nascimento

    A UNILEVER vem com tudo esse ano, e se preparem para ver a evolução da Roberta com a Venturini acho que o passe não vão sofrer tanto por que a seleção vai jogar e com isso elas treinam um pouco a mais.
    O time do SESI não parece que vai ser aquelas coisas que estavam especulando acredito que a finas será novamente Sollys x UNILEVER e o VOlei Futuro também acredito que será um bom candidato.

    Muito bom o seu blog melhor que do Bruno Voloch que só ataca o volei brasileiro e principalmente a masculina e o Bernardinho e não coloca nossas opiniões no site acho que todos tem direitos a respostas não violentas que nem no site dele.

    Parabéns continue assim

    • Daniel Bortoletto

      Aqui todos terão espaço, Andrea. Sempre sem agressões, palavrões e ofensas, logicamente. E este espaço é pra ser usado tanto para elogiar quanto para criticar quem quiser que seja.

      • Afonso (RJ)

        Pegando carona na crítica:

        Uma coisa que me revolta nesses blogs, é o nível baixíssimo de muitos comentários publicados, com verdadeiro desrespeito a atletas profissionais que muitas vezes são responsáveis diretos por trazerem conquistas gloriosas para o volei brasileiro. Me irrita profundamente piadas de mau gosto, apelidos claramente pejorativos e por vezes até xingamento direto, puro e simples.

        Erros grosseiros de português e até comentários simplesmente ininteligíveis não vejo como problema, pois apenas demonstram a já conhecida indigência do nosso sistema educacional.

        Também não quero dizer com isso, que seja contra críticas a uma eventual performance ou postura de um atleta. Mas que seja feita com argumentos, fatos e opiniões sempre dentro de um mínimo de civilidade e respeito pelo que representam para o esporte nacional.

        Até aqui, o nível do seu blog tem se mantido altíssimo. Espero que continue, pois assim torna-se um lugar importante para notícias, debates e atualizações. Aprendizado, enfim.

        Parabéns.

        • Vitor

          Assino embaixo, Afonso.

          • Rafael

            Opa, eu também!!!

  • Diogo Marcio

    Daniel mudando um pouco de assunto!! É os times de Macaé e Pinheiros – estão confirmados para a próxima SuperLiga? Os mesmos, não anunciaram nenhuma contratação, só perderam jogadoras!!

    • Daniel Bortoletto

      Macaé manterá o time, mesmo com as baixas. Já o Pinheiros…

      • Adriano

        Há outro time também sobre o qual ninguém está falando: o São Caetano, que até agora só tem feito perder jogadoras, assim como o Pinheiros. Qual o destino dessa equipe?

      • Vitor

        A última notícia que saiu foi que o Pinheiros manteria as duas equipes, já inscritas no campeonato paulista, com juvenis no elenco. Caso consiga um patrocinador durante a competição, algumas atletas experientes seriam contratados para a Superliga. A torcida é grande, mas a situação parece cada dia mais delicada.

      • Diogo Marcio

        Obrigado por responder ;D

  • tigrao

    ANA CAROLINA esta’ SUPER-FELIZ e segundo ela, a FICHA AINDA NAO CAIU, tbem ter a oportunidade de jogar no mesmo time de MESTRES como BERNARDINHO e VENTURINI, na cabeca de uma jogadora que esta’ comecando a carreira deve ser mesmo o maximo, ainda mais sabendo que com apenas 20 anos ja’ vai ser campea sul-americana, mundial e da superliga. Roberta e’ outra SORTUDA, ter VENTURINI como espelho vai acrescentar muito a sua carreira.

MaisRecentes

Joelho afastará Gabi das quadras



Continue Lendo

As primeiras transmissões da Superliga na TV



Continue Lendo

Vaivém: Thaisa jogará a Superliga



Continue Lendo