Uma família em festa



Material publicado neste domingo, no LANCE!

Durante mais de uma década, os irmãos Vlad e Nikola Grbic  foram sinônimo de vôlei para a Iugoslávia e, após a Guerra dos Balcãs, para a Sérvia. Hoje, com Nikola no banco, como treinador, uma outra dupla de irmãos pode entrar para a história do vôlei, às 11h30, no Maracanãzinho, no Rio de Janeiro.

Nikola  e Uros na selfie da vitória

Nikola e Uros na selfie da vitória

Os pontas Uros e Nikola Kovacevic foram decisivos, ontem, para que a Sérvia conquistasse a vaga na decisão da Liga Mundial. Cada um marcou 18 pontos no triunfo sobre os Estados Unidos, que defendiam o título, por 3 sets a 2, parciais de 25-23, 25-21, 25-27, 20-25 e 15-12. Contra a França, que eliminou a Polônia, também após um tie-break (25-23, 25-23, 19-25, 22-25 e 17-15), a Sérvia jogará pela quinta vez uma final de Liga. Nas outras quatro (2003, 2005, 2008 e 2009), eles ficaram com o vice. Para os franceses será também a segunda decisão, já que perderam em 2006 para o Brasil.

– Hoje pude estar ao lado dele, ambos sendo titulares. É meu irmão, é sempre especial, mas o importante neste caso não é a família, mas sim o time. É importante ganhar cada jogo, não importa quem jogue – comentou Uros ao LANCE!.

Nikola é o mais velho dos irmãos Kovacevic. Tem 32 anos, 1,93m, e jogou com o xará Grbic, atual treinador. Ele viveu o auge e a reconstrução da Sérvia como time. Participou dos vice-campeonatos em 2008 e 2009 e agora vê a seleção voltar ao grupo dos melhores do mundo. Condição que Uros, dez anos mais novo, vivencia pela primeira vez. Apontado como um dos mais talentosos da nova geração, o jogador de 1,97m atua ao lado de Bruninho, no Modena, da Itália.

Eles atuaram juntos pela primeira vez pela Seleção em 2011, durante o Copa do Mundo, no Japão. Na derrota para a Polônia, Uros substituiu Nikola. Na fase final da Liga Mundial, eles começaram no banco de reservas na derrota para a Itália. Viraram titulares diante da Polônia, na vitória no tie-break que garantiu a passagem para a semifinal, seguindo no time contra os Estados Unidos. Hoje, novamente como titulares, os irmãos Kovacevic podem dar para a Sérvia o título que os irmãos Grbic não conseguiram.



  • Aline

    Uros e Nikola: lindos e craques de bola. A comemoracao dos 2 juntos apos a vitoria sobre os EUA foi emocionante!
    Parabens aos irmaos Kovacevic!!!

  • Billy

    O Nikola(veterano)realmente joga bem,já do Uros não dá prá dizer o mesmo.E ele(Uros) não têm 1.97m como dizem na transmissão.Ele não aparenta ter isso.É mais baixo e não o acho grande coisa ainda como jogador(têm pouca técnica e é fraco fisicamente).Branquelo(como a maioria dos europeus)Coitado…precisa pegar um bronzeado esperto e tirar aquela barba comprida medonha dele).Não dá prá dizer JAMAIS que um jogador desse é bonito.Pelo amor de Deus…

MaisRecentes

Joelho afastará Gabi das quadras



Continue Lendo

As primeiras transmissões da Superliga na TV



Continue Lendo

Vaivém: Thaisa jogará a Superliga



Continue Lendo