Um mineiro quase surpreende. O outro atropela



Esse post era para estar no ar um pouco mais cedo, mas o dia de ontem foi difícil. Espero que entendam.

As semifinais da Superliga masculina começaram com um jogo disputadíssimo no Rio de Janeiro e quase um atropelamento em Contagem.

O 3 a 2 do RJX sobre o Vivo/Minas foi repleto de alternâncias. O time de melhor campanha na Superliga precisou da ajuda providencial no ataque do oposto reserva Da Silva (ou seria Paulo Victor?) no quarto e quinto sets para virar o jogo. Até a entrada dele, parecia que os mineiros iriam calar o Maracanãzinho, que recebeu 5 mil pessoas, o máximo que o local, que passa por obras em seu entorno para a Copa, pode receber. Foram 15 pontos, nome a mais do que fez o titular Theo. O fator surpresa desequilibrou.

Lucão e Thiago  Alves também brilharam em momentos distintos da partida, fazendo 15 e 14 pontos, respectivamente.  Pelo Minas, a poderosa dupla Filip e Lucarelli somou 45 pontos. E ela precisará ser ainda mais eficiente para que o placar em BH seja favorável ao time de Horacio Dileo.

Já o atual campeão Sada/Cruzeiro não deu qualquer chance para o Sesi. Como sacou bem o time de Marcelo Mendez! Com o passe prejudicado (levem em consideração que o fundamento do time paulistano é o melhor da Superliga), o Sesi virou presa fácil, já que nenhum atacante atuava de forma confortável. Lorena fez um ponto apenas no primeiro set (terminou com 11), Murilo terminou o jogo com sete, Eder com apenas três… E assim é impossível bater os mineiros.

Escrevi ontem no Twitter durante o jogo e reforço aqui. O cubano Leal está jogando mais bola hoje do que no Campeonato Mundial de 2010, na Itália, quando ajudou a seleção caribenha a conquistar o segundo lugar. Quando está com a cabeça no lugar (algo que faltou contra o Volta Redonda), ele faz a diferença.

Mérito também para William, que teve mais uma atuação acima da média. Também via Twitter, me perguntaram durante o jogo se ele merece estar na Seleção. Pelo que vem jogando há tempos, não tenho a menor dúvida.

Sinceramente, o Sesi precisa melhorar muito para impedir que a série acabe em 2 a 0 na Vila Leopoldina.

O que vocês acharam dos jogos?



MaisRecentes

Corinthians anunciará novidades nesta semana



Continue Lendo

Vaivém: Vôlei Renata oficializa renovação de Dileo



Continue Lendo

Vaivém: A aposta ousada do Camponesa/Minas em Gabi e Natália



Continue Lendo