Um giro pelo Brasil



* A Cimed/SKY terminou invicta a série de amistosos contra o UPCN, atual campeão argentino, realizada no Rio Grande do Sul. Após vencer em Santa Maria e Passo Fundo por 3 a 1, a equipe catarinense voltou a ganhar do rival sul-americano em Ijuí, na tarde deste sábado, por 3 sets a 0 (25-22, 26-24 e 27-25).

– Jogamos aqui praticamente com o time que vai começar a Superliga, já que os jogadores da Seleção (Giba, Gustavo e Bruninho) chegarão uma semana depois do início da competição, após 11 jogos em 16 dias. Temos um elenco que pode começar a competição a todo vapor, e a entrada dos jogadores da seleção vai acontecer ao natural. Jogos como os que fizemos aqui são importantes porque assim conseguimos harmonizar diversas situações para detectar o que podemos melhorar – afirmou o técnico Marcos Pacheco.

* O Duelo dos Campeões, entre Cimed/SKY e UPCN, foi promovido pelo Projeto Pró-Vôlei, que ajuda difundir o esporte e contribui com a formação de atletas em diversas áreas da cidade de Ijuí. Segundo o coordenador e técnico Projeto Pró-Vôlei, Alex Lenz Stragliotto, os planos vão ainda mais longe.

– Ver as crianças pedindo autógrafos aos atletas é uma das coisas que cativa para darmos continuidade ao trabalho. Este é o segundo ano que a Cimed/SKY participa do evento e já é uma parceira. O UPCN foi um adversário extremamente qualificado e conseguimos apresentar jogos com alto nível técnico. Já estamos nas tratativas para outras edições e quem sabe ampliar para um torneio e tentar montar um time que represente Ijuí na Superliga – declarou.

* Mesmo perdendo para o BMG/Montes Claros por 3 sets a 0 (25-18, 25-21 e 25-20), o RJX conquistou a 1ª edição da Copa Volta Redonda, na tarde deste sábado.

O RJX ficou em primeiro com 6 pontos, seguido do BMG/Montes Claros e Kia Genial/Volta Redonda empatados com 5. O time mineiro levou vantagem pelo critério de desempate (maior número de pontos). O Martplus/Blumenau, com 2 pontos, foi o quarto colocado.

O técnico Marcos Miranda afirmou que o saldo da participação do RJX na competição foi positivo.

– Nossos jogadores precisam de entrosamento e Copas como esta só trazem benefícios. Estamos muito felizes em vencer. Pude identificar nossos pontos fortes e também os fundamentos que merecem mais atenção nos treinamentos – disse ele.

* Pelo Campeonato Mineiro feminino, o BMG/Mackenzie venceu a primeira. Neste sábado, em Uberlândia, o Mackenzie levou a melhor no clássico contra a Usiminas/Minas por 3 sets a 1 (25-21, 27-29, 25-13 e 25-18).



  • Diogo Márcio

    Com times fracos, Blumenau e Volta Redonda + MOC, time mais modesto se comparado aos anos anteriores = RJX campeão.
    Torneio irrelevante, tanto quanto vai ser essa edição do Campeonato Carioca!
    Queria ver esse time no Paulistão – VF com Ricardinho, Medley/Campinas com André, Sesi com Léo!

  • Bortoletto só parabenizar pelo seu blog me mantenho sempre informado por aqui. Só queria que voce comentasse sobre a surpreendente vitória da Sérvia sobre a Rússia, assisti ao jogo pelo bandsports, (espero que tenha visto também) foi um jogaço! Me senti bem como brasileiro, pois já estava temeroso que a Rússia passasse o carro por cima de todo mundo na Europa também, pois poderia significar que eles finalmente tinha aprendido a ganhar, depois de tantos anos perdendo. Acredito que a vitória deles na liga 2011 possa ter sido apenas mais um caso isolado como foi na liga de 2002. Infelizmente talvez não enfrentaremos os Russos na copa do mundo, já que a vaga ficou com Itália e Sérvia, não sei se há uma terceira vaga para a Europa.

  • emanuella

    esses campeonatos todos antes da volta dos selecionáveis se tornam relevante, Cimed, RJX e SESI estão super defasados, enquanto o VF por exemplo tem o time completo, pois ninguém esta servindo a seleção, então só vale mesmo a superliga depois que os atletas estiverem de volta.

    Campeonato regional com um time só não tem a menor graça, alias o melhor campeonato regional será o mineiro.

    • Carlos Eduardo BH

      Qual Mineiro? O masculino ou o feminino. Eu como mineiro fico triste de termos poucas equipes disputando(masculino 5 equipes, feminino 3 equipes) , mas pelo menos todas estão na SL.

      • emanuella

        eu acho o masculino, poque pelo menos tem 3 times competitivos, porque o que adianta ter 10, mas tudo porcaria e só um que presta. o carioca também é uma porcaria, catarinense nem sei se terá esse ano, enfim a coisa ta feia demais para os campeonatos estaduais.

  • Carlos Eduardo BH

    Preocupante o início de campeonato mineiro feminino do Usiminas/Minas. Acabei de ler aqui no site da FMV(Federação Mineira de Vôlei) que o Usiminas/Minas perdeu de 3×0 para o Banana Boat/Praia Clube 25/20, 25/17 e 25/21. Acorda Minas. O Praia ganhou os 2 jogos (3×1 contra o Mackenzie na sexta-feira) e ganhou do Minas hoje. O BMG/Mackenzie ganhou uma e perdeu outra e o Usiminas/Minas perdeu as 2. De acordo com site da FMV o segundo circuito vai começar no dia 30/09 e termina no dia 02/10 na arena vivo na Rua da Bahia.
    30/09 (Sexta-Feira) – 20 horas Usiminas/Minas x Banana Boat/Praia Clube
    01/10 (Sábado) – 16 horas Banana Boat/Praia Clube x BMG/Mackenzie
    02/10 (Domingo) – 11 horas Usiminas/Minas x BMG/Mackenzie
    Vamos lotar a arena e empurrar o Minas galera!!
    Obrigado pelo espaço Daniel. Seu blog é o melhor do Brasil.

MaisRecentes

Os seis jogos finais do turno da Superliga masculina



Continue Lendo

Os duelos da Copa Brasil feminina



Continue Lendo

Lances do clássico Vôlei Nestlé x Sesc



Continue Lendo