Superliga masculina deve confirmar finais em melhor de cinco jogos



A Superliga masculina deverá ter playoffs mais longos na temporada 2018/2019.

Os participantes e dirigentes da CBV se reuniram, nesta quarta-feira, para definir o regulamento. E, na votação, aprovaram melhor de cinco jogos nas finais e semifinais, com série em até três partidas nas quartas.

O martelo não foi batido pois os clubes pediram um dia a mais para amadurecer a decisão, após conversa com os treinadores e atletas. Na mesa ficou outra possibilidade de fazer os playoffs com três jogos nas quartas e na semifinal, e com cinco apenas na decisão.

Na reunião da Superliga feminina, na terça-feira, os clubes e a CBV definiriam o regulamento com séries em até três jogos em cada fase do playoffs.

Segundo Renato D´Ávila, superintendente da CBV, a tabela oficial final será divulgada em breve.

– Temos ainda uma fase para afinar a tabela e o regulamento, mas em aproximadamente 15 dias teremos condições de publicar essa tabela e os confrontos iniciais para o público de um modo geral. Estamos satisfeitos de cumprir mais essa etapa e na expectativa pela Superliga Cimed, que está se aproximando.

Sesi e Sada/Cruzeiro decidiram o título da última Superliga (Karen Griz/Divulgação)

O masculino também chancelou decisão tomada pelo feminino sobre a premiação individual, agora por posição, e não mais por fundamento. Desta forma, será formada a seleção do campeonato, com o melhor levantador, os melhores ponteiros, centrais, o melhor oposto e o melhor líbero. Além disso, serão premiados o melhor jogador de cada final, com o Troféu VivaVôlei, e o melhor atleta da competição.

São Bernardo, que desistiu de participar do Campeonato Paulista por problemas financeiros, participou da reunião e assim encaminha presença na competição nacional. Além do time do ABC, estiverem presentes representantes do Sada/Cruzeiro, Sesi, EMS/Taubaté, Sesc, Fiat/Minas, Vôlei Renata, Corinthians/Guarulhos, Maringá, Ponta Grossa/Caramuru, Vôlei UM Itapetininga e Ribeirão Preto.

LEIA TAMBÉM

+ Playoffs em melhor de três jogos na próxima Superliga feminina



MaisRecentes

Quem fica com as últimas vagas na Superliga masculina?



Continue Lendo

Giovane encaminha manutenção do vôlei carioca na Superliga



Continue Lendo

Basta! Nada justifica ameaças de morte



Continue Lendo