Sul-Americano começa e termina hoje



Dentil/Praia Clube e Rexona-Sesc disputam hoje, às 19h, em Uberlândia, o título continental e a vaga sul-americana no Campeonato Mundial feminino de Kobe (JAP).

Não levem em consideração o que os dois times brasileiros fizeram até aqui, já que o baixíssimo nível técnico dos outros adversários impede qualquer análise mais precisa do desempenho coletivo e individual. 25-2, 25-6, 25-10 não são parciais dignas de um torneio profissional de expressão.

Roberta no levantamento  pelo Rexona (William Lucas)

Roberta no levantamento pelo Rexona (William Lucas)

Em jogo, além do título e da vaga, um tabu: as cariocas superaram as mineiras em várias decisões recentes: Superliga, Supercopa… Parece existir um certo bloqueio do time do Praia em momentos de decisão contra o Rexona. Desta vez, em casa, o time de Ricardo Picinin tem a chance de acabar com o incômodo jejum e dar o passo que falta no projeto: conquistar um grande título.

Para as comandadas por Bernardinho, que lideram a Superliga com folga, nova conquista só reforçará a condição de projeto mais vitorioso do vôlei brasileiro em todos os tempos.

Apostas?



  • Michel Pereira

    As cariocas superaram não apenas em decisões recentes, salvo melhor juízo, o Praia nunca venceu o Rio em uma partida válida. Independente do resultado espero que seja um jogo digno e que o Praia não fique apagado e apático como nas últimas vezes [pra começar, analisando os últimos confrontos, Michele nem devia ser relacionada, ela sempre deita contra o Rio; enquanto a gêmea Monique mita nesse clássico]

MaisRecentes

Os duelos da Copa Brasil feminina



Continue Lendo

Lances do clássico Vôlei Nestlé x Sesc



Continue Lendo

Coluna: O maior desafio do Sada/Cruzeiro no Mundial



Continue Lendo