Sobre o futuro de Jaqueline



A volta da Seleção Brasileira ao país, nesta manhã, após a conquista do Grand Prix deve acelerar o processo de decisão de Jaqueline sobre o futuro.

Nas últimas semanas, a jogadora recebeu sondagens de Brasília e do Minas. Anteriormente, já havia recebido proposta do Sesi.

Nos últimos dias, ouvi de algumas fontes que a Unilever poderia ser o destino da ponta na temporada 2014/2015. Mas a informação foi negada, esta noite, por Harry Bollmann Neto, supervisor do time, em conversa com o blog. Ele, que elogiou a performance dela no retorno às quadras após a gravidez, explicou que a montagem da equipe está completa.

Jaqueline pelo Rexona-Ades (Divulgação)

Jaqueline pelo Rexona-Ades (Divulgação)

Vale lembrar que Jaqueline já foi comandada por Bernardinho na equipe carioca (veja foto ao lado). Na temporada 2004/2005, ela trocou o então Finasa/Osasco pelo maior rival, após uma série de problemas físicos (duas lesões graves no joelho e um problema de circulação sanguínea na mão). Lembro bem daquele momento, pois era repórter do LANCE! em SP e já cobria vôlei. A continuidade da carreira foi até colocada em dúvida e ela perdeu, naquele período, chances de jogar o Mundial de 2002, o Pan de 2003 e a Olimpíada de Atenas, em 2004.

Pelo que jogou no último GP, a ponta seria um importante reforço para qualquer time que vai disputar a próxima Superliga. Pelo ranqueamento, ela tem portas fechadas apenas no Molico/Osasco (que já completou o limite de atletas com pontuação máxima, a mesma de Jaqueline) e no Sesi (que estouraria o total de pontos que um time pode somar).

Mas, como sabemos, pesa na decisão, além dos valores salariais, o desejo de ficar em São Paulo ou o mais próximo possível de lá. Como todos sabemos também, Murilo continuará jogando no Sesi e Arthur, primeiro filho do casal, possui apenas oito meses. Então a possibilidade de jogar fora do país é ainda mais remota.

(atualizado às 8h30): O ponta Murilo usou o Twitter para me dizer que Jaqueline já tinha todos os valores acertados com o Sesi, mas, como o time estourou a pontuação, o acordo não pôde ser sacramentado.

 



  • Paulo

    Em entrevista a Folha de São Paulo ela disse que temporada que vem (2015/2016) vai para o exterior com o Murilo, uma pena perdermos mais atletas as vésperas das Olimpiadas em casa.

  • Edu

    E ela insiste em falar que não a valorizam. O Brasil já tem poucos times e desde o começo das movimentações de mercado ela sempre ligou sua a ida a qualquer time a ficar perto da família. Nisso você já perde opções importantes. O sesi, time do seu marido, faz proposta e ela não aceita. E agora mais duas sondagens, vamos ver se aceita alguma. Será que só Osasco seria uma opção interessante pra ela? Fica parecendo.

  • hicham

    Acho a Jaqueline craque em todos os fundamentos.Tomara que ela ainda se acerte com algum clube aqui no Brasil a tempo de disputar a próxima superliga.Torço por ela sempre.Admiro todos deste blog pois sei que todos são fãs do nosso volei brasileiro,apesar de sermos todos diferentes e termos opiniões divergentes às vezes.Abraços à todos.

  • Edu (Real)

    Caro Daniel, a Jaque, como o colega colocou no comentário acima em entrevista a Folha ,disse que vai respirar com o Murilo e o Artur ares internacionais em 2015 pela situação precária do voleibol interno brasileiro.

    • Daniel Bortoletto

      o post é sobre 2014/2015. ela falou sobre 2015/2016, não?

      • Edu

        Prezado Daniel, a Jaque parece que deixou claro que não pretende integrar nenhum time brasileiro na atual temporada da Superliga 2014/15.Preferindo aguardar o encerramento do contrato do Murilo com o Sesi, no final da Superliga 2015, para tentar alguma coisa fora acompanhados do pequeno Artur.Mas pode surgir alguma coisa que a faça rever essa decisão como uma proposta tentadora de uma das equipes que ainda tem pontuação a gastar.Agora um registrinho mundano, relacionado ao vólei ,no terreno da amenidades.Quem apareceu semana passada no Canal Brasil num filminho da chamada fase da pornochanchada intitulado “Nos tempos da Vaselina” foi o nosso Radames Lattari ex técnico da seleção brasileira masculina e supervisor licenciado do vólei de praia da CBV por concorrer a um cargo eletivo.Uns 40 kg mais magro, mas já rechonchudinho e meio cabeludinho ainda, Radamés fez uma participação com poucas falas como ator naqueles filmes hoje pueris e pudicos , pela época, em que se revelava meia nádega e um canto de seio feminino em certas cenas.Não se comprometeu, manteve o nome real no personagem e frequentou por instantes a galeria da vergonha alheia.Experiencia de 35 anos passados registrada nas películas cinematográficas da cinematografia nacional.

        • É verdade que a Jaqueline via jogar nos Estados Unidos sem Murilo com, ela segue com sua mãe e seu filho, é isso? Porque estas bostas de times de São Paulo, não há impede de deixar que se vá. Já vi esta história, quando alguém do Brasil faz carreira fora, não volta mais, querem exemplos: Gisele Bündchen, Sônia Braga, Carlos Alberto Riccelli e Bruna Lombard, Carmem Miranda, entre outros, não as deixem ir.
          Outra coisas, as americanas são fáceis de aprender então vão aprender como a Jaque trabalha e nunca mais é que nós pegaremos elas.

  • Diogo

    Daniel ñ existe a possibilidade por exemplo dela ir pra Osasco(ñ com um salário normal) treinar com a equipe durante a Superliga e jogar as competições q ñ tem ranking como Paulista, Copa Brasil, Top Volley e com a presença dela nesses torneios o time certamente conseguiria uma vaga tbm no Sul americano e dps no Mundial com ela jogando ambos os campeonatos??Pra mim seria uma opção boa para os 2 lados, vc q tem um contato + direto com as partes podia até dar essa dica a eles 😉

  • klaus

    Daniel ,não tem nada a ver com o post, mas é interessante comentar à respeito da audiência final do vôlei.Mesmo sendo exibido em pleno domingo de manhã e sem muitas chamadas, o vôlei teve 8 pontos no ibope e a fórmula 1 teve somente 7,4.Foi bem demais o nosso vôlei campeão.Aliás, vale comemorar ,pois esse ano a Globo abriu mão da Sessão da Tarde e do Globo Rural para passar vôlei.Grande avanço.

  • Powhitchys

    Olha aí galera… Gostaria de ver mesmo a Jaque reforçando a equipe do Minas, Já tem a Walewska, Lia e Jú Nogueira, agora acertaram com a Carol Gattaz, queria ver a Jaque também nesse time. Aí eu acho que faltaria só mais uma levantadora melhorzinha e então teremos mais uma equipe um pouco mais forte para essa temporada!!!

    • Paulo Torres

      E tem a Carla, que ainda é jovem (22 anos, acho) e tem bola pra chegar a uma seleção brasileira em breve.

      Além da Carla e da Val, que certamente srerão titulares, a Maiara (ponteira) e a líbero Laís têm um grande futuro pela frente. Espero que tenham tempo de quadra e aproveitem a temporada ao lado de jogadoras experientes.

  • Luiz

    Mas estazinha ai é sempre um problema. Os times fecharam as portas pra ela porque ela é MERCENÁRIA e fica fazendo transações por de trás dos panos. Quando quis jogar no Sesi há dois anos atrás, fez tudo na surdina, ia deixar o Osasco, mas quando viu que o time do Sesi era fraco voltou atrás e teve a cara de pau de desmentir.

    E além disso, ela está se queimando por causa dos vários pedidos de dispensa; hora pra casar, hora pra ter filho, hora pra completar a mudança da casa (PASMEM), hora pra ir botar o filho pra dormir. E ainda se diz mulher de garra. Tantas mães do vôlei – Virna, Paula, Isabel etc – sempre rodaram o mundo cumprindo seus horários mesmo com filho pequeno em casa, mas Jaquinha não, tem que ser especial. Por enquanto, só O Zé Roberto atura, mas como nos últimos anos este senhor também tem adotado um comportamento estranho, ele logo vai dar um jeito nesta situação, se ela parar de render vai tomar um pé na traseira.

    As pessoas fingem que não sabem das coisas. Jaqueline está queimadissima nos Clubes. É só ver o Osasco preferindo uma Mari toda quebrada a uma Jaquinha ainda jogando competições internacionais.

    • Carlos

      Até porque a pontuação e o salário das duas é o mesmo né? Jaque bicampeã olímpica e futura campeão mundial, Mari retrato de uma seleção amarelona.

      • Ca

        Aham Carlos. O tempo da Mari já passou, mas desmerecer a jogadora ai já é demais. Vamos parar com esse fanatismo insano por determinadas jogadoras. Cada uma teve seu momento e devemos respeitar. Mari é campeã olímpica em 2008 jogando muito, muito bem. E com a “Jaquinha” Bí campeã olímpica sentadinha no banco olhando ela e Paula Pequeno brilharem. Paula e Mari já tiveram seus momentos, passou, agora é a hora da Jaqueline. E libera os números da Mega Sena já que você é vidente.

        • Paulo

          E enquanto Jaque brilhava em Londres, Mari no banco… DO BAR.

      • Daniel_Sam

        Não caia nessa, o comentário dele abriu portas para comparações entre as duas, mas são jogadoras de talentos bem diferentes, porém ambas muito talentosas.

        No último post sobre a Mari(seu retorno ao Osasco), não teve murmuração de fã de outras jogadoras. Mas é claro que os fãs “viúvos”(MORRI COM ESSA EXPRESSÃO QUANDO LI OUTRO DIA, rsrsrsrs) vão vir sempretentar diminuir as estrelas que ainda estão na seleção. (Vide os comentários a respeito da nossa maior Lenda comprovada dentro de quadra: SHEILA)

        Nós é que não podemos cair nessa, vamos responder sem trocar farpas, ou ignorar.

        PS: um outro internauta(Diogo), discordou de mim em outro post e eu dele sobre o potencial de Claudinha e Carol Albuquerque, mas em momento nenhum ofendemos um ao outro ou denegrimos uma das duas levantadoras.

      • Meu caro Carlos, colocar nas costas da Mari, até então uma menina, o fracasso de 2004 é uma covardia.Como seria covardia responsabilizar a Jacqueline pela derrota de 2006, quando na final do mundial, empate no tie break em 13×13, ela leva um toco da levantadora Akulova, 1,80, seis centímetros menor do que ela.Outra coisa, a Mari se machucou gravemente defendendo a nossa seleção em 2010, no grand prix, véspera do mundial. Ficou praticamente um ano parada, não conseguindo mais recuperar a sua foma desde então. Sua posição de origem era oposta,foi jogar de ponteira para suprir um carência, segundo o próprio Zé Roberto, na posição 4, quando não havia jogadoras com seu potencial e altura. Ou seja, sempre se sacrificou para defender as cores do nosso país.

        • Ne

          Caro amigo, as pessoas tem memória curta. Vide alguns aposentando a Sheila. As pessoas não entendem que vida de atleta são momentos. Mari e Paula tiveram seus momentos. Nos últimos campeonatos Jaqueline teve seu momento. O que me deixa triste são pessoas que se dizem torcedores de vôlei mas na verdade são torcedores insanos e fanáticos (como disse alguém acima) de determinadas jogadoras ficarem diminuindo atletas que já fizeram tanto pela seleção. Claro cada um torce pelo ídolo que quiser, mas pra que desrespeitar um outro atleta ou outra pessoa só porque torce para uma jogadora diferente. Quanto a contrato, ou onde ela vai jogar isso só diz respeito a ela, o que não pode é torcedores ficarem culpando outras atletas e até mesmo os clubes pelo fato dela estar sem clube no momento.

      • Rodrigo Coimbra

        Acho que vc está enganado meu caro… Mari junto a Paula Pequeno formaram a melhor dupla de ponteiras da seleção mais vitoriosa e imbatível, e olha que a Fabiana nem era tão efetiva no ataque quanto hj e a Thaisa era banco. Não fale asneiras meu amigo, em Pequim 2008 a seleção brasileira amarelona que vc citou perdeu apenas um set na final, humilhou as outras seleções, sem chances aos adversários. Muito cuidado com o que fala!!!!

    • Daniel_Sam

      A Jaque tem uma afinidade enorme pelo clube, pela torcida, pelas jogadoras e pelo treinador do clube.
      E a Mari não está valendo 7 pontos, desta forma o clube não precisa optar entre um adas duas, ou seja, o clube não prefere ou uma ou outra. ela foi preterida pela dupla Thaísa e Dani Lins.

    • Samuel

      O Osasco preferiu uma Dani Lins à uma Jaqueline. Esqueceu o ranking? Mari além de uma excelente jogadora (e vai calar a sua boca), é muito querida no clube, coisa que a Jaqueline já não é. Osasco preferiu uma Thaísa e Dani, e foi muito feliz nas escolhas. Palmas para o Osasco, e lamentações pra você.

    • michel

      Luiz acho você muito do recalcado com a Jaque(que é um mulherão de 186m-é craque de bola e casada com o Murilo que é um baita jogador e bonito também) Você é um ninguém que na verdade gostaria era de estar no lugar dela-mas você é somente um simples desconhecido e que nunca chegará aos pés dela, seu invejoso.Ela é craque e tem recebido propostas até do exterior.Se ligue e faça comentários mais inteligentes…Quem é você para saber o que se passa nos clubes de volei-acho que você mal deve sair da sua casa pois nem deve ter um dinheiro para pegar um taxi ou circular. você não sabe nada de volei pois na maioria das vezes só faz comentários vazios e sem fundamento.

      • Luiz

        kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

        Eu sei é de MUITA coisa, santa. Coisa que se eu falasse aqui o Daniel teria que me censurar. Algo do tipo: um jogador campeão mundial de vôlei, na ultima liga mundial se apaixonou pelo levantador dos EUA, e vivia perseguindo o menino na Itália durante a fase final e agora vive perseguindo o menino no twitter, o menino nem da bola pra ele. O levantador dos EUA é hétero e tem namorada. kkkkkkk Dei uma de Leo Dias e Fabiola Heipert. Por exemplo, se eu pudesse revelar o nome deste jogador seria censurado. Eu sei MUITOOOOOO, mulher. Falo com os jogadores americanos, italianos, e alguns cubanos quase todos os dias. Do Brasil, tirando os de seleção (feminino e alguns masculino) também falo com gente pra caramba. Eu é que te pergunto: Quem é vc na fera, sua mexerica de quinta?

        E fique calminha, tia, porque sua atitude é exatamente a que eu espero, ou seja, você está exatamente onde eu queria. heheheheheheheheheh. Até a próxima.

        • michel

          Luiz prá mim você continua o mesmo insignificante de sempre e além do mais muito mentiroso.Imagina se um lixo feito voce vai ter contato até com jogadores estrangeiros.Voc~e esta enganando a si mesmo-pois ninguém acredita no que você escreve aqui.SE TOCA e tenha desconfiometro.E essas fofoquinhas desnecessárias sobre o seu mundinho FÚTIL como você-somente interessam á você mesmo que não deve ter ninguém e é um mau- amado mesmo.Você perde seu tempo com essas fofocas infundadas(criadas na sua imaginação só).Você pensa que é alguém importante,mas não é NADA.Limite-se a falar de vôlei e faça comentários que realmente acrescentem alguma coisa de positivo á esse blog tão conceituado do Daniel-coisa que você NÃO faz.Essas fofoquinhas mentirosas que você faz só interessam a você mesmo.

          • Luiz

            kkkkkkkkkkkkkk

            Tem gente que é demente mesmo. Minha querida vc não sabe quem eu sou. E olha que eles falam. E COMO FALAM!

            Mas, continue com sua agressão a mim. Eu estou adorando.

        • michel

          Que pessoinha mais vazia e pobre mesmo.Essas invenções suas guarde só prá você.Esses jogadores estrangeiros e gabaritados não perderiam o tempo deles para conversar com um rídiculo pão-com-ovo feito você.MENTIROSO é o que você é.

          • Luiz

            Ai… ai. Partiu meu coração.

            Invenção????????????? kkkkkkkkkkkkkkk

            Eu estava falando de vôlei, mas partiram pra agressão. Já disse que eu gosto de causar, ainda mais aqui neste blog que tanto gosto. Uma pimentinha é sempre bom. Agora, te digo uma coisa: posso ser qualquer coisa; chato, encrenqueiro, gay, doido, língua solta, inconveniente, indecente, demente, mas…. MENTIROSO eu não sou.

            Beijo, e continue me respondendo e levantando meu ibope pessoal. ADORO.

  • Iuri

    SESI é muito incompetente! Como que estoura os pontos antes de fechar com a Jaqueline?!?!?! Pelas minhas contas, Murilo está coberto de razão. Sesi soma 39 pontos, com a Jaque iria pra 46, o que não é permitido…

  • Fernando Adilio

    Engraçado…
    Ela acha um absurdo ter pontuação máxima, mas quando os clubes oferecem salários, ela acha muito baixo.
    Oi? Se vc não se acha digna de valer 7 pontos, então pq quer um salário de 7 pontos?
    Ela é muito incoerente e arrogante… Quem a conhece, sabe que ela é Uó.

  • Mari

    E o pior que o Sesi só fechou com ponteiras mais oh menos…kkkk….eles acham com certeza que sem a Dani Lins eles vão ganhar alguma coisa?? Não dou 1 mês pra Carol Albuquerque desbancar a Claudinha. Outra coisa, o Osasco preferiu a Thaisa e a Dani Lins mas vai continuar com o passe b. A cubana que eles contrataram tem um passe sofrível, a Mari é de lua, tem dias q acerta e tem dias que é um horror…coitada da Camila Brait vai ficar sobrecarregada com essas ponteiras. Era melhor ter dispensado a Thaisa e ter contratado a Jaque, mas eles sabem o que fazem, né? O problema é muito maior…se chama ranking….enquanto isso existir vão ter mais jogadoras indo embora.

    • Mário

      Desculpe, Mari. Mas dispensar Thaisa pra ficar com Jaqueline? Não dá, né? Pense o que seria da seleção sem as melhores meios do mundo e dependendo desta ponta pra fazer a função básica de uma atacante (sem o que nenhum time ganha qualquer jogo), que seria botar a bola quadra do adversário? Não, realmente seria muita burrice do time. Thaisa é fundamental na seleção. Imprescindível para o Clube. Decisão racional e certeira do Osasco. Aliás, seria o mesmo que o SESI, na superliga passada, ter contado com Jaqueline e dispensado Fabizona….jamais chegaria onde chegou. Então, definitivamente, não dá!

      • André

        ÔÔÔÔ, cidadão?! Sabes de volei? Ja ouviu falar de fundamento? Sim?!! Qual o primeiro? Sabes?
        Olha só, TUDOOOOOOOOOO numa partida de volei, começa pelo PRIMEIRO FUNDAMENTO, chamado…. PASSE!!!!! Quem passará pra a gigante, e uma das melhores centrais do mundo atacar no Osasco? Carcaces? Mari??????????? rsrsrs Ta brincando né?!!! Fala a verdade!!!rs Principalmenteeeeeee no caso de uma central, que só ataca, principalmente no feminino, com passe AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA. Sabe né?! Passe A, é passe na mãooooo, sem precisar “deslocar” a levantadora do lugar, ok?!!! (#sóexplicando)
        Massssss, o caso nao seria trocar Thaisa por ninguem.. Acho que esse tal de ranking um “tiro no pé” da própria CBV. Perder Sheila, Garay, possivelmente Jaqueline(Att. Até entao, só TITULARES DA SELEÇAO BI OLÍMPICA, ok?!!!), entre outras, por conta de um tal ranqueamento?!! Isso sim, é sem fundamento!!! Lamentável!!! Outra coisa, vc diz que a Jaque nao bota bola no chao, foi isso mesmo?!! Ah… Tais brincando de novo né?!! Caríssimo, só uma informação bem recente, entre tantas outras: Jaqueline pontuou mais que Garay nesse Grand Prix, sabia??? Nao? Procura saber….
        Se fala muito nesse site. E sabe-se muitooooooo.. Pouco!

        Ahhhh,

        Só mais um “detalhe”;
        Antes do GP, Brasil(sem Jaque) 0, EUA, 4. (amistosos)

        No GP, nos dois jogos, (com Jaque), Brasil sobrou nos dois, 3 a 0.
        Coincidência????rsrs
        Sem mais..

  • Isa

    Olha se o que está ali é verdade, não dá pra entender porque o SESI acerta valores e tudo mais para a contratação da jogadora e só daí percebe que não tem pontos suficientes para contratá-la.
    A Jaqueline superou muitas coisas na vida dele, trombose na mão, contusões sérias no joelho, lesão na coluna vertebral, e tem os que dizem que ela não tem garra.

    Quanto a questão do filho…sem comentários…Jaqueline jogou um Grand Prix impecável, com o filho em casa…então beeeeeeeeeeeeem menos…isso é coisa de gente que não gosta da jogadora!!

    Osasco não preferiu a Mari…Mari vale menos que Jaqueline, mesmo Jaqueline estando há um ano parada…isso já diz muito…

    Fato é que o técnico da seleção está disposto a treiná-la sozinho, se a mesma não conseguir um clube…
    Isso já mostra o quão boa ela é e quão indispensável também!

    • Daniel_Sam

      Foi a coluna cervical e não a coluna vertebral !

      Não vamos inventar coisas gente.

      Mas eu tbm sou curtidão da Jaque e concordo com tudo que vc escreveu.

      • A cervical faz parte da coluna vertebral, para quem não sabe.

        • Daniel_Sam

          Sérgio, não quero ofendê-lo, mas se informe melhor, pois a nossa espinha dorsal, é formada por 33(eventualmente 32 ou 34 vértebras). Cada vértebra possui basicamente um corpo mais largo , com o formato de um segmento transverso curto de cilíndro, situado na parte anterior da vértebra (exceto na primeira vértebra cervical que não possui corpo vertebral, o atlas), e afirmar que uma pessoa quebrou a coluna vertebral e voltou a andar é errado, se um ser humano quebrar(fraturar) uma coluna vertebral ele não voltará mais a andar, e não é o caso da Jaque, ela fraturou a coluna cervical.

          • Afonso RJ

            Daniel_Sam: Desculpe mas você está errado. Coluna vertebral é o termo genérico. Os segmentos seriam cervical (7 vértebras – o mesmo número que a girafa, só que as dela são BEM maiores), torácica (12), lombar(5) e sacra. Da mesma forma, uma fratura vertebral, pode ser realmente bastante grave, a ponto de ofender a medula e sendo até fatal ou deixando a pessoa tetraplégica (ex: no caso de fratura do axis em C2), ou pode ser uma fratura sem maiores consequências (geralmente fraturas apofisárias), como no caso recente do Neymar durante a Copa.

          • Daniel_Sam

            Foi exatamente isso que eu quis dizer, o termo coluna vertebral é genérico, e a fratura da Jaque foi na cervical que não possui nenhuma vértebra.
            Mas obrigado pelo esclarecimento, gosto de diálogos assim, com respeito.

        • Luiz

          Ai que saco! To mundo entendeu que aquela chata fraturou a coluna. Deixa de ser chato. E todo mundo sabe que ela tirou bastante proveito disse. Apareceu em tudo que foi lugar. Acho que nem foi tão grave assim, aquela fingida!

  • Junior

    Daniel, é real a possibilidade da Jaqueline ir para o Brasília Vôlei mesmo?

    • Rodrigo Coimbra

      O Brasília ta precisando é de uma boa oposta, o time do Sérgio está cheio de ponteiras boas, vide PP4 Erika e Michele Pavão, caso a fonte seja verdadeira será o equívoco!

  • Valdir

    Essa história do futuro clube da Jaqueline já encheu o saco faz tempo. Ela fala que as coisas estão ruins, mas com a quantidade imensa de impecílios que ela impõe, óbvio que não vai fechar com clube nenhum. Sempre foi chorona, dão muito destaque na mídia pra ela.

    Sobre jogadores indo pro exterior, se o mercado aqui está ruim, tem mais é que ir mesmo, faço fé. Além de ser bom financeiramente para os jogadores, é bom para o nível técnico deles também (se forem jogar em campeonatos fortes, claro, não na Coréia né).
    O nível da Superliga cai ano a ano, é bom que os atletas da seleção joguem na Russia, ou na Turquia no feminino, Azerbaijão, pra melhorar sempre tecnicamente (e ainda faturar uma grana, afinal é a profissão deles).

  • Rodrigo Coimbra

    A Jaqueline gosta de uma conversinha, nunca vi igual… É indiscutível o talento dela, mas é complicado esse marketing todo.
    Sobre a Mari e Jaque, vcs verão a temporada que a Mari fará totalmente recuperada, a Jaqueline é insuperável no fundo de quadra mas quando chega na rede, é sofrível, ainda mais se for depender dela pra virar!!!

  • Aline B.

    Ué, Osasco ficou DUAS temporadas dependendo da Jaque pra virar bola e fez o papel dela perfeitamente. Uma a Thaisa ficou dando show e barraco, não jogou nada (2012) e na outra a Sheilla tava com preguiça, ela e Garay quebraram tudo e levaram o time pra final.
    E no GP desse ano foi a maior pontuadora do time, ou seja, ficar presos no passado é uma coisa, olhar pro presente é outra bem diferente…

    Acho complicadissimo questionar sobre as escolhas de vida e profissional dos outros. Mas como mulher entendo uma coisa, ter um filho com 7 meses e ir pra outro país é muito complicado, ainda mais quando deixa o marido e familia aqui, seria ate um ponto egoista. Mas é óbvio que ninguem pensa nisso. São profissionais, mas são seres humanos com vida fora das quadras. Pra mim, depois do acidente do Pan ela repensou suas prioridades….Não ta errada, porque querendo ou nao, a vida é curta e em questao profissional, voltou para o GP e cumpriu o papel dela em grande estilo, sem ninguem ter um “a” pra falar.

    E o Minas não tem condições de bancar jogadora, acordem.

    • Junior

      Esse patrocínio do Minas ta desembolsando uma grana viu.

      Trouxe Walewska que não é uma atleta barata, fechou com Gattaz, e quer Ana Tiemi e Herrera.
      Dentre as propostas feitas para a Jaqueline no Brasil, sem dúvidas a do Camponesa/Minas é a melhor financeiramente.

  • michel

    Porque meu comentário em resposta ao Luiz ainda não foi publicado? Esse internauta tem inveja da Jaque que é bonita ótima jogadora e ele é um nada mesmo, que só posta comentários inúteis aqui.

    • Daniel Bortoletto

      devagar, meu caro. Ninguém aqui é máquina pra aprovar em tempo real todos os comentários

    • Mister Vôlei

      Por que o meu comentário não foi publicado, kkkkk?
      Daniel voçê tem é mais que barrar esses barraqueiros que só fazem comentários inúteis e que só sabem ofender os outros por discordarem de sua opinião pois caso contrário daqui a pouco esse blog vai está igual aquele “famoso blog” onde os comentários não tem limites.

      • Billy

        Mister- e quém é você para querer sugerir se o comentário do Michel deve ou não ser publicado? Limite-se aos seus simples comentários que nada agregam de positivo à esse blog. E você diz que daqui á pouco este blog vai estar igual aquele famoso blog-blog este que você também costuma ir lá e comentar vaziamente como faz aqui.Não se intrometa e nem dê pitacos nos comentários alheios e cuide da sua vidinha.-Prá isso já existe a MODERAÇÃO aqui.Você não concorda? Problema seu… Visualizando melhor os seus simples comentários cheguei à conclusão que você pouco ou nada entende de vôlei mesmo.

    • Afonso RJ

      Meu caro michel: permita-me uma sugestão. Simplesmente IGNORE esse tipo de comentários. Tem gente que nem por um minuto pensa em opinar ou comentar. Só quer aparecer. E é fácil. Basta falar mal, denegrir ou ser sarcástico com essa ou aquela jogadora ou técnico, falar mal da seleção ou de um torneio qualquer. De pronto, aparece logo um monte de gente disposta a defender o ofendido, e forma-se o bate-boca, que rende réplicas e tréplicas cada vez mais sarcásticas, provocativas ou mesmo ofensivas. Pronto. Melhor do que colocar uma melancia no pescoço. Repare só no número de respostas que esse comentário gerou. Na minha opinião, esse tipo de gente e esse tipo de comentário não valem o esforço e devem ser solenemente IGNORADOS. Assim, vendo que não consegue atenção, que é o que essa gente quer, acaba desistindo e migrando para outros blogs mais afeitos a esse tipo de baixaria. Guarde suas energias para quem eventualmente você discorde, mas que opine com educação e embasamento. Abraços.

      • michel

        Afonso RJ você tem toda razão.Vou procurar não perder mais tempo com ele .Me desculpe se também escrevi coisas de baixo-calão e obrigado por me responder e tomar as minhas dores. Você sim é um internauta sensato e do bem e que entende de volei realmente. Mais uma vez o meu muito obrigado á você Afonso e vamos procurar falar só de vôlei que é uma paixão de todos nós jogadores e fãs de modo geral. Gosto muito deste blog do Daniel .Tudo de bom prá você.

      • Luiz

        OXente! Descobriu a pólvora! Eu digo isto desde o primeiro dia. Só quero aparecer.

  • Bem eu fiquei vi notícias que correm nos bastidores que estão revendo a pontuação dela assim ficaria viável ao molico contrata-là!!alguem mais ficou sabendo disso?

  • Naty

    Tem comentário que é melhor nem ler mesmo…..a jogadora é bicampeã olímpica, tem um filho, volta super em forma, jogando muito e não tem o direito de exigir um salário à altura? Queria ver se fosse com vocês…..
    Atleta tem vida curta e tem mais é que ganhar dinheiro mesmo enquanto pode….
    Fico triste em ver esse comentários, pois não é assim que devemos tratar os nossos esportistas, que largaram tudo e arriscaram numa carreira que não tinha garantias nenhuma….e quando chegam no topo, são tratados como mercenários, nojentos, etc….só brasileiro mesmo…..

  • Fernando

    Acho surreal a Comparação insistente de umas pessoas entre a Mari e Jaqueline.

    A Mari não roubou a vaga da Jaqueline, acontece que ela está lá pra suprir a Jaqueline, pois, o time optou pela Dani Lins que vale 7 pontos.

    A Mari sofreu uma lesão séria em 2010, ficou 2011 se reabilitando, em 2012 sofreu outra lesão no Fenerbahce e em 2013 voltou pro Praia Clube e demonstrou recuperação e potencial.

    é nessa recuperação que o Luizomar está apostando, tudo isso durou 03 anos na vida da Mari.
    o mesmo já aconteceu com a Jaqueline, felá ficou de 2002 até início de 2005 se recuperando.

    Estão querendo aposentar a Mari antes do tempo. Povo nao tem visão.

    • Luiz

      Quer casar comigo?

      • Carlos

        Vai caçar o que fazer.Ninguém quer casar com você-pois você deve estar numa pior e com certeza deve ser muito feio.Aqui é um blog de VOLEI .

        • Luiz

          Se você não entendeu que isso foi uma brincadeira, realmente precisa de um tratamento! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

          Feio? eu? Ahammmmmmmmm. Beijo, sua linda.

          • Fernando

            Não briguem senhores 🙂

  • Quero respostas para saber se é verdade que Jaqueline Carvalho vai mesmo jogar em um time lá nos USA, vi isto hoje numa revista americana que meu irmão que mora lá havia me mostrado, as musas do mundial de voleibol VIP UP-USA. Disse mais que ela vai sem o Murilo e ainda levará a tiracolo sua mãe e o Artur ficará até abril/2016 e Murilo seguiria em abril/2015 para jogar também lá, isso quer dizer que ADEUS 8/8, ADEUS bons jogadores, talvez nunca mais volte e ARTUR será com certeza jogador de voleibol americanos, todos ficam lá, ninguém volta, a não sei de férias.

  • vinicius

    acho que a jaque deve ir para o Rio de Janeiro dai é claro que o Rio de Janeiro vai ser campeão……..VAI RIO…..OLE OLE OLE OLA RIO DE JANEIRO VAI GANHAR!!!!!!!!!

MaisRecentes

Apenas Lebes/Canoas faz o dever de casa na rodada



Continue Lendo

Um líder por pontos ganhos. Outro por pontos perdidos



Continue Lendo

Camponesa/Minas quebra longa invencibilidade em Osasco



Continue Lendo