Sesi, Sollys/Nestlé e Seleção juvenil: triplo 3 a 0



– Pelo Sul-Americano masculino de clubes, o Sesi conquistou sua terceira vitória. Desta vez, o batido foi o Universidad Católica, do Chile, por 3 sets a 0 (25/10, 25/19 e 25/14). Neste sábado, o time dirigido por Giovane folgará e fará a decisão da vaga para o Mundial de Doha contra os argentinos da UPCN, no domingo, às 18h30, com transmissão pelo SporTV. A boa notícia para o torcedor do Sesi foi a estreia de Rodrigão. O central foi bem e terminou como terceiro maior pontuador, com 11 pontos. Murilo terminou com 13, um a mais do que o oposto Wallace.

– Na abertura do Sul-Americano feminino, o Sollys/Nestlé não tomou conhecimento do inexpressivo Universitário San Francisco Xavier, da Bolívia, com parciais de 25-11, 25-6 e 25-10. Mesmo desfalcado do time-base, que está na Coreia com a Seleção, o time de Osasco é amplo favorito no torneio. Neste sábado, o duelo será contra o Sport Club Venezuela (PAR), às 17h30, no Ginásio José Liberatti.

– Já na primeira rodada da segunda fase do Mundial juvenil masculino, no Rio, a Seleção Brasileira, em sua melhor partida na competição, bateu a Sérvia com parciais de 25-16, 25-19 e 25-21.
Neste sábado, o time verde-amarelo volta ao Maracanãzinho para enfrentar a Argentina, ainda invicta na competição, às 18h30. O ponta Lucarelli novamente foi o maior pontuador da partida, com 18 acertos. Lucas Lóh, da mesma posição, marcou 13 vezes.



  • Fernando

    Brasil fez bonito hoje e nao deu a menor chance pra Sérvia. Mais atentos na defesa e no block, Brasil pressionou o tempo todo, ótimo jogo dos garotos. Agora é entrar com essa mesma postura contra Argentina, que vai ser jogo complicadíssimo.

    Pra quem já dava como certa a derrota pra Sérvia, essa foi uma bela resposta. Mas precisa manter essa postura.

    • Realmente o BRASIL que venceu hoje o forte time Sérvio não foi o mesmo que penou na fase de classificação. A mudança de atitude e de postura mudou da ÁGUA para o VINHO. Parabéns garotos pela EVOLUÇÃO, destaque especial para LUCAS LOH que foi o jogador mais completo da partida, que foi MUITO BEM tanto OFENSIVA como DEFENSIVAMENTE e para o levantador VITOR que fez uma partida bem melhor que as anteriores.

      • Fernando

        Vitor foi bem mesmo. Nem parecia aquele levantador péssimo dos primeiros jogos.

        • Fernando

          O ponto forte dessa seleção é o passe. Eles podem pecar em outros aspectos, mas percebo desde os primeiros jogos ,que não foram bons, que os ponteiros e o líbero passam na mão o jogo todo. Já a defesa deixa a desejar.

  • Afonso (RJ)

    Surpreendente essa vitória da seleção masculina juvenil. Comecei a assistir ao jogo, e percebi que os brasileiros chegaram na frente do placar na primeiro e segundo tempos técnicos, mas confesso que não levei fé, e não tive saco de ficar assistindo nas condições da transmissão (câmera fixa no fundo de quadra e sem placar). Aparentemente a seleção vem subindo de produção vertiginosamente depois daquele fiasco de 40 erros contra o Japão. Vou continuar torcendo, mas confesso que cada vez fica mais difícil acompanhar as transmissões. Vou guardar minhas energias para as meninas.

  • o SOLYS NESTLÉ atuou com a levantadora Karine, as ponteiras Jaqueline e Silvana, as centrais Larissa e Bia; a oposta Ivna e a líbero Camila Brait. Luizomar optou por linha de passe FORTE, visto que preferiu escalar SILVANA a JU COSTA como ponteira. Vale lembrar que o time ainda vai ficar muito mais forte com a volta de THAISA, ADENÍZIA, TANDARA e FABIOLA, que no momento disputam o GP. IVNA e TANDARA são duas jogadoras MUITO VERSÁTEIS que atuam como coringas tanto como PONTEIRAS-PASSADORAS como OPOSTAS. Com isso LUIZOMAR tem opções de se apresentar com uma LINHA DE PASSE MUITO FORTE, ou com um PODERIO DE ATAQUE espetacular dependendo das peças que queira usar.

  • Essa verdadeira “SELEÇÃO” que o SESI formou ainda vai dar muito o que falar, não vejo a hora de o MUNDIAL começar, gostaria muito de ver uma final SESI X TRENTINO.

  • Diogo Márcio

    Destacar a Jaqueline que marcou vários pontos com seu saque viagem e foi a maior pontuadora com 17 pontos. Mesmo o Universitário sendo um time fraco, as mais jovens foram bem…. Karine, Bia, Silvana, Ivna ;D Parabéns para o time do Sollys!

MaisRecentes

O novo conceito da FIVB para 2018



Continue Lendo

Apenas Lebes/Canoas faz o dever de casa na rodada



Continue Lendo

Um líder por pontos ganhos. Outro por pontos perdidos



Continue Lendo