Sesi Bauru quebra hegemonia no Paulista com dupla Diouf/Tifanny



O Sesi Bauru colocou um ponto final na longa hegemonia do projeto de Osasco no Campeonato Paulista feminino.

Na noite de segunda-feira, o time comandado pelo campeão olímpico Anderson Rodrigues venceu a segunda partida da decisão novamente por 3 sets a 2 e garantiu o inédito título estadual.

O Osasco/Audax, que buscava o sétimo caneco em sequência, chegou a ter match point no quarto set, mas não conseguiu fechar o jogo e forçar o golden set. Ainda assim valorizou demais a conquista do Sesi Bauru.

Um fato marcante na partida foi a formação com duas opostos utilizada mais uma vez. Anderson, em um momento de instabilidade da virada de bola com Palácio e Vanessa, colocou em quadra Tifanny, mantendo Valentina Diouf na saída de rede.

A substituição aumentou consideravelmente o poderio ofensivo do Sesi Bauru, com a dupla totalizando 39 pontos (22 da italiana), que já havia sido a maior pontuadora do jogo no José Liberatti.

Diouf no duelo com o bloqueio de Osasco (João Pires/Fotojump)

Uma opção muito interessante para a Superliga. É difícil para qualquer equipe nacional montar um sistema defensivo capaz de parar tamanha potência no ataque. O desafio para Anderson é conseguir equilibrar o passe, já que os adversários vão caçar no saque a oposto improvisada.

Se ele conseguir estabilizar a recepção com essa escalação, Fabíola terá sempre na rede uma atacante poderosa, um arsenal de bolas pelo fundo e pelas pontas.

Tifanny já mostrou, na temporada passada, que pode desequilibrar no quesito força. Certamente, com ela jogando bem, a polêmica por ser a primeira transexual a jogar na elite nacional brasileira voltará. Já Diouf conseguiu uma rápida adaptação na primeira experiência internacional fora da Itália.

E assim o Sesi Bauru pode incomodar bastante os favoritos Dentil/Praia Clube, Minas e Sesc na Superliga.

LEIA TAMBÉM

+ A corajosa entrevista de Douglas Souza

 



MaisRecentes

Douglas Souza desbanca Lipe e Tandara na escolha do melhor do ano



Continue Lendo

Atual campeão abre Superliga feminina com vitória. É o grande favorito?



Continue Lendo

Dentil/Praia Clube conquista a Supercopa. Mas tem muito a evoluir



Continue Lendo