Seriedade é tudo



O 3 a 0 do Brasil sobre o Canadá era uma obrigação, uma questão de tempo. Mas a forma com que o placar foi construído mostra foco e respeito a um adversário sabidamente mais fraco.

Na manhã desta quinta-feira, em Trieste, a Seleção feminina voltou a ter as titulares em quadra e demonstrou seriedade e concentração acima da média para cumprir, com êxito, a tarefa de conquistar a terceira vitória no Mundial sem perder sets e, de quebra, garantir com duas rodadas de antecipação a vaga para a segunda fase.

As parciais de 25-14, 25-8 e 25-18 explicam melhor como o time jogou sério, sem dar chances para o azar. Pouco conhecidas no cenário internacional, as canadenses tinham um pouco deste fator surpresa como arma no início do confronto. Mas rapidamente o Brasil encaixou seu jogo para ter um domínio absoluto desde o início. E tentou manter o pé no acelerador quase o tempo todo, como mostrou no segundo set quase impecável.

Jaqueline (16 pontos), Sheilla (12) e Fabiana (11) foram as maiores pontuadoras do duelo. Do restante da base titular, ainda sinto Thaisa e Garay, jogadoras importantes em outros momentos deste ciclo olímpico, um pouco presas na competição.

Agora, a fase de testes e treinamentos de luxo acabou. Para os duelos com Turquia e Sérvia, sábado e domingo, será preciso bem mais do que seriedade e concentração, armas imprescindíveis contra rivais muito fracos. E como é muito importante levar a pontuação máxima para segunda fase (comissão técnica/jogadoras sabem bem disso), é tratar os dois duelos contra as europeias como as duas primeiras finais do Mundial.

 



  • Billy

    Realmente o Brasil jogou muito bem hoje e a vitória foi merecida.Hoje ao ínvés de ir ao ginásio de Limusine,eu resolvi inovar e cheguei lá de HELICÓPTERO(apesar do hotel 5 estrelas em que estou hospedado ser perto do ginásio).Ao adentrar no ginásio fiquei bestificado em como as pessoas presentes me adoram,pois o ginásio inteiro parou só para me recepcionarem à altura que eu mereço(é lógico-pois não é sempre que uma pessoa tão ilustre como eu comparece lá).Adorei a vitória do Brasil frente ao Canadá.Morram de inveja LUIZ e Stéphane de mônaco(não sei aonde que essa tapada arrumou esse apelido que não combina com a pobreza dela) Abraços…

    • Fernando

      Rindo aqui, a criatividade de vocês tá bem aguçada.

    • Stéphanie de Mônaco

      Vitória merecida, claro jogando que esses timecos de quinta, a obrigação é vencer mesmo, e muito bem!Do jeito que você escreve mal, analfabeto, deve ter feito telecurso e se formado no supletivo, se é que se formou.
      Deve estar com o nome mais sujo que pau-de-galinheiro no SPC e no SERASA. Não tem crédito nem nas Casas Bahia.
      Quer aparecer, mas é tão pobre que sequer tem grana pra comprar uma melancia “a prazo” para pendurar no pescoço.
      A sarjeta te persegue, DNA de suburbana na veia! Pobre de espírito e de grana. Mal sabe escrever meu nome, semi-analfabeta.
      É Stéphanie com i e Mônaco com letra maiúscula analfabeta funcional de uma figa, claro que você não deve sabe nada de Francês, a língua das pessoas de estilo e podres de ricos!
      Eu debocho em Francês, pena que você não vai entender, sua pobre:
      Je suis désolé, mon cher!
      Pleure! Parce qu’il technique est moins douloureuse!!!

  • Arlindo

    Como todos disseram, a Bulgária era a pior estreia possível pro Brasil: um time que a Seleção jogou pouco e ainda tinha a ansiedade de primeiro jogo.
    Passado isso, vieram os dois jogos de treinamento.

    Nesse meio tempo, a Bulgária roubou um ponto da Sérvia e dois pontos da Turquia, vencendo o jogo no tie-break! Se o Brasil ganhar os seis pontos, já está praticamente classificada entre as 6, já que depois tem a Tailândia e Holanda do lado de lá e Bulgária, Sérvia e Turquia podem tirar pontos dos EUA e Rússia pela classificação.

    Enquanto isso no Grupo D: o que é o Azerbaijão abocanhando a vaga de Porto Rico? rs

    A segunda fase vai ser bem mais emocionante! =)

  • Elcio

    Sei que muitos não vão concordar comigo, mas será que nem sendo brasileiro o presidente da FIVB eles conseguem exibir uma bandeira do Brasil oficial??? Na Itália, assim como na Polônia estão exibindo uma bandeira com menos estrelas e todas do mesmo tamanho. Reconheço que a grande maioria dos brasileiros nem sabem o que é uma bandeira, mas um órgão internacional como a FIVB tem por obrigação mostrar respeito por um dos símbolos do país. Aparentemente um tal Ary Graça só está preocupado com o quanto e quando de dinheiro vai cair no seu bolso. Uma VERGONHA!!!!

    • Alex Lima

      Boa!!!! Tinha reparado no mundial masculino, mas não tinha prestado atenção que continua no feminino. Bom… Falta de respeito no mínimo!!

  • Alex Lima

    Eu vejo a seleção feminina mais leve do que a masculina. E olha que o peso de um título mundial e bem maior!!! E nem por isso a seriedade fica menor. Mas agora a coisa fica feia!!! Pra variar, além de mais um campeonato chato, lento, abarrotado e extenso… A FIVB novamente deixando a seleção da sede em vantagem. Porém a Itália feminina está bem longe da Polônia masculina. E a torcida tb!!! Força pras meninas do Brasil… Pq a batalha será árdua.

    • Fernando

      Alex, grande coisa a seleção da Itália ser benificiada neste mundial.

      conforme vocÊ disse, a situação delas é bem diferente da Polônio no Masculino, mesmo beneficiadas elas não tem potencial e nem força pra bater de frente com outras seleções (Brasil, Russia e EUA), o máximo que elas conseguirão com muita sorte é vencer uma (China, Turquia, Servia) e chegar na Semi…nada além disso.

      • Fabrício

        Sinceramente, não coloco a China inferior a EUA E Rússia, não!

        E o Brasil também não está tão bem assim que dá pra afirmar que já ganhou. Na teoria e pelos títulos conquistados, as brasileiras são favoritas. Só na teoria. Ponto.

        Jogo é jogado. E a Itália com jogadoras experientes, principalmente a levantadora, pode ser perigosíssima! Ainda mais jogando em casa.

MaisRecentes

Joelho afastará Gabi das quadras



Continue Lendo

As primeiras transmissões da Superliga na TV



Continue Lendo

Vaivém: Thaisa jogará a Superliga



Continue Lendo