Sem Alisha Glass, Ana Cristina resolve contra Macaé. E na semi?



O Vôlei Futuro está nas semifinais da Superliga Feminina, após derrotar pela segunda vez o Macaé, nesta quinta, por difíceis 3 sets a 1, parciais de 25/19, 24/26, 32/30 e 25/18, fora de casa.  E quem saiu de quadra com um largo sorriso no rosto foi a levantadora Ana Cristina.

Ela foi eleita a melhor em quadra e dá mostras que pode, sim, substituir a americana Alisha Glass, que lesionada já voltou para os Estados Unidos e está fora da competição.

Pela força do elenco comandado por William Carvalho, Ana Cristina já foi chamada por um leitor do blog de patinho feio. Não tem o cartaz das selecionáveis Paula Pequeno, Fabiana, Joycinha e Sykora, além da talentosa atacante Tandara. Assim, ao lado da central Andressa, a levantadora busca um lugar ao sol.

Muitos torcedores do Vôlei Futuro escreveram aqui, durante a Superliga, e deram moral para Ana Cristina. Até no bate-boca que teve com Paula Pequeno ela ganhou respaldo. E parece que, amadurecida, vem crescendo na hora certa.

Para ter chance de superar o Sollys/Osasco, que conta com o grande reforço de Jaqueline, o Vôlei Futuro vai precisar de sua levantadora no ápice, principalmente na parte mental. Saber distribuir a bola entre todas as atacantes, ler o pesado bloqueio de Thaisa e Adenízia e ter liderança em meio às companheiras selecionáveis são as obrigações. Será um verdadeiro teste de fogo para Ana Cristina.



  • Wesley

    Sabemos das limitações da nossa levantadora,mas tambem não podemos negar que ele está segurando um rojão daqueles com superação e muita garra(isso Ela já provou ter de sobra) confio no conjunto do Volei Futuro, estamos crescendo na hora certa, mas ainda acho que está mais facil o masculino chegar a inédita final que nossas meninas.Mas o Osasco que se cuide Paulo Pequeno fica ENORME nesses momentos. Força Volei Futuro.

  • Foi um jogão. Pena que a equipe do Macaé não aproveitou para matar, nas diversas vezes que teve no terceiro set. Provavelmente a partida teria outros desdobramentos.
    Parabenizo também as aguerridas meninas (meninas mesmo pois são muito novas) do Macaé, por jogar em igualdade com a forte equipe do VF.
    A equipe do VF vai ter que jogar muito mais com o experiente e forte grupo do Osasco. Estarei torcendo para termos uma nova equipe no cenário feminino na ponta. Parabéns VF.

  • Celso

    Ontem no jogo contra o Macaé quem me decepcionou foi a Tandara. Errou muito, foi bloqueada inúmeras vezes pois não pensava o jogo e tudo era na pancada. Ana Cristina melhor do jogo, tudo bem, mas não foi a melhor jogadora. Joicinha deu um show e Sykora pegou muito

  • Vitor

    Ana Cristina é limitada e já desmonstrou isso várias vezes durante essa Superliga. Mas nessa reta final, ele vem atuando muito bem. Talvez tenha percebido que ser ‘apenas mais uma’ seria melhor que ser ‘A’ jogadora. A bola de tempo com a Fabiana que sempre foi o maior desafio dela, esteve muitíssimo bem contra Macaé. E mais do que confiança, ele vem passando segurança. A confiança da levantadora em Joycinha vem sendo um dos destaques. Um atacante um tanto quanto irregular vem sendo constantemente a maior pontuadora dos partidas do time de Araçatuba e se tornou a bola de segurança. Mesmo com Paula e Fabiana na rede, Joycinha surge sempre como uma excelente opção pelo fundo.
    Ana Cristina cresceu e junto levou Joycinha. Tandara que antes brilhava sozinha, ganhou a companhia de Fabiana, Paula, Joycinha e até Andressa na hora de decidir. Bom pro Volei Futuro, bom pra Superliga. A semifinal paulista promete mais que a outra.

    • OW

      Vitor, vc não entende nada de volei, não adianta encher a bola da Ana Cristina. A bolinha dela é muito curtinha cara, ontem mesmo ela errou muito, este William é uma panaca eleger esta jogadora como a melhor da partida. Infelizimente este time não passa das semifinais, porque não tem levantadora, não adianta ter a Paula, Joycinha, Fabizona, Tandara e a excelente Sykora, se não tem uma levantadora a altura deste timaço, que segurança ela passa, se ela erra muito.

      • Vitor

        Cara(?), também acho a Ana Cristina limitadíssima como postei ali. Se o time vai passar das semifinais ou não, ou não sei, mas que nos dois jogos a Ana Cristina foi bem, isso é inegável.
        Se eu entendo de volei ou não, eu não. Mas o dono do blog entende e MUITO e ele fez um post sobre o assunto.
        O jogo dela cresceu na reta final. Isso não significa que eu ache ela boa levantadora e queira ela no meu time. Mas se o Volei Futuro deixar de passar para as semifinais, não será só culpa dela. A Paula errou 10(DEZ!) saques contra o Macaé. Imagina isso em uma final contra o Unilever, por exemplo.. seria imperdoável. Mas aí a culpa é só da Ana Cristina, né ?
        Enfim, concordo com você sobre ela ser fraca. Mas em um eventual queda nas semifinais, a Ana Cristina não seria a única responsável como você colocou ali.
        Abraços

MaisRecentes

Semana positiva das Seleções adultas



Continue Lendo

Coluna: O polêmico teste na regra do vôlei



Continue Lendo

Vaivém: Mais estrangeiras na Superliga?



Continue Lendo