São Bernardo desiste do Paulista. Alerta ligado na Superliga



O São Bernardo não irá mais disputar o Campeonato Paulista masculino.

O clube do ABC desistiu da participação. O Estadual, iniciado na última sexta-feira, previa o primeiro jogo do São Bernardo diante do Santo André, no sábado passado.

A Federação precisou fazer ajustes na tabela, agora com nove participantes. Como cada um fará agora oito jogos na fase de classificação, foi preciso mexer em mandos de quadra para que todos fizessem quatro jogos em casa e quatro fora.

A baixa também fará com que apenas uma equipe seja eliminada na primeira fase, já que oito dos nove clubes passarão para as quartas de final.

O abandono do São Bernardo também acende a luz de alerta para a CBV, já que o clube havia sido confirmado entre os 12 participantes da elite da Superliga para a temporada 2018/2019, em nota oficial no dia 30 de julho.

Segundo o regulamento da última edição, escrito em caixa alta e negrito, a punição para desistência é severa: “O CLUBE QUE SE INSCREVER E CANCELAR SUA PARTICIPAÇÃO, DESISTIR OU NÃO COMPARECER NA COMPETIÇÃO, ESTARÁ IMPEDIDO DE PARTICIPAR DE QUALQUER JOGO OFICIAL, AMISTOSO NACIONAL OU INTERNACIONAL, ALÉM DE RESPONDER PELOS PREJUÍZOS FINANCEIROS QUE CAUSAR A SEUS ADVERSÁRIOS, À CBV OU A QUALQUER DOS RESPONSÁVEIS PELOS PAGAMENTOS DAS DESPESAS DO CAMPEONATO, SEM PREJUÍZO DAS MEDIDAS DISCIPLINARES E JUDICIAIS CABÍVEIS“.

Sem São Bernardo, quem pode voltar à elite é o Juiz de Fora. Último colocado na Superliga passada, o time mineiro é, pelas regras, o primeiro a ser chamado para substituição. Anteriormente, o Copel Telecom Maringá, penúltimo, já havia conseguido manter-se na competição após a desistência do Canoas.

LEIA TAMBÉM

+ Brasil leva virada no terceiro amistoso contra os EUA



MaisRecentes

Danielle Scott é esfaqueada nos EUA. Irmã da ex-jogadora morre no ataque



Continue Lendo

Confira as primeiras transmissões da TV Gazeta na Superliga 18/19



Continue Lendo

Vaivém: Vôlei Renata terá cubano como reforço



Continue Lendo