Saiu o ranking feminino



Dani Lins, Sheilla, Fernanda Garay, Jaqueline, Thaisa, Fabiana, Natália e Tandara. Estas são as jogadoras com ranqueamento máximo para a Superliga 2015/2016.

Em comparação com a temporada, a lista tem uma jogadora a menos: Juciely, que passou de sete para seis pontos.

Algumas jogadoras importantes também “subiram” no ranking: Bia, do Sesi, passou de cinco para seis pontos, mesma situação de Gabi e Fabi, campeãs pelo Rexona-Ades.

Entre os maiores saltos estão o de Bárbara, central que atuou como oposto do Sesi em parte da temporada, e o de Léia, líbero do Pinheiros. Elas passaram de 2 para 4  pontos. Entre as revelações, Ana Paula, do São Caetano, que não era ranqueada, agora tem dois pontos. Mesma situação da levantadora Naiane, do Minas.

 



  • Leandro

    Juciely já valia 6 antes, é apenas um erro que está no ranking que a Juciely valia 7 pontos.

    • Marcod

      Exato, a única 7 do Rexona era a Natália.

  • dudu

    juciely nunca foi de 7 pontos

    • Daniel Bortoletto

      então a planilha do ranking está errada

  • Michel Pereira de Oliveira

    Daniel, liberado o ranking, já se tem notícia em relação ao número de jogadoras com pontuação 7 que cada equipe pode ter? Continuarão sendo 02 ou voltarão a ser 03 (algo cogitado nos círculos de vôlei)?

    • Daniel Bortoletto

      apenas duas

      • Walber

        DAniel,

        Vc sabe se foi cogitado de abandonar o ranking?

        abs

        • Daniel Bortoletto

          acho difícil isso ser unanimidade para acabar, Walber

  • dudu

    outra injustiça é a Fabiola não ter sido ranqueada como jogadora de 7 pontos…….por toda a temporada que ela fez na Russia!

  • Aline

    Esse RANKING RIDICULO, sou e SEMPRE FUI CONTRA!!!
    TANDARA GRAVIDA COM 7 PONTOS??? Piada???
    JAQUELINE GRAVIDA PASSOU PELO MESMO PROBLEMA RIDICULO DE TER 7PONTOS,e ficou umTEMPAO sem time!!! Acabem com esse ranking horroroso,por favor!!!

    • Kaio

      Você leu alguma release no site da CBV sobre o ranking? O feminino só ganhou espaço na mídia porque foi divulgado nas redes sociais, o masculino foi publicado a semanas e ninguém fala nada, a CBV decidiu fingir que ele não existe.

    • “Doidinha por vôlei”

      Certíssima Aline! Este ranking hoje não serve para nada. Têm de acabar com ele sim. Ele foi elaborado na época do Nuzman, em 1991/1992. Perfeição não existe, mas,o texto original equilibrava sim as equipes. Agora depois que a CBV do Ary Desgraça politiqueiro barato, com seu puxa-saco e capacho de porta de buteco, um tal de Renato Davila que manda na Superliga até hoje, permitiu que principalmente o Osasco e o Rexona mexessem no rNking sempre em benefício próprio, acabaram com ele. Virou um colcha de retalhos. Concordo contigo Aline. O RANKING tem de ACABAR SIM! Ou então peguem o original de 1991/92, se é que ele ainda existe. Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Iuri

    Jucy nunca foi 7 pts. Ano passado só uma parte das campeãs de Londres eram 7 (acho que entre 8 ou 9 delas).

    • Daniel Bortoletto

      erro da planilha da CBV, Iuri

  • Alan

    Daniel,

    Por confiar mais em você do que em outros, gostaria de saber se você tem alguma informação sobre a renovação da Thaísa em Osasco, bem como a manutenção de Camila Brait, Adenízia e Dani Lins. Alguns sites internacionais, mencionam que a Polina Ralihmova recebeu propostas de times brasileiros. Você sabe algo sobre isso?
    Monique realmente fechou com o Rexona?
    São várias informações veiculadas por outros sites e blogs, mas confio apenas em você, por ser sensato e divulgar apenas o que é certeza.
    Obrigado.

    • Daniel Bortoletto

      vou tentar escrever um post sobre o Molico mais tarde

      • Alan

        Ansiedade para saber novidades. O site melhor do vôlei acaba de publicar na página sobre o mercado feminino que a Marjore, Gabi e Carcaces renovaram com o Osasco. Mais cedo, outro blog sobre vôlei cravou a permanência da Thaísa. Vamos ver o que você nos traz de novidades.
        Obrigado pela atenção.

  • LEO

    Lembro que Tandara fez uma temporada espetacular em 2013 pelo Sesi e não era ranqueada com 7 pontos, até que Bernardo disse que ela tinha que ter essa pontuação, pois fazia em média 30 pontos por jogo. Gabi fez uma temporada excelente pelo Rexona, decidiu vários jogos e não recebeu pontuação máxima, ou seja, não há critério lógico para se definir as tops!

    • Kaio

      Há sim, qualquer atleta que se destaque e seja selecionável vale 7 pontos, com exceção das que jogam pela Rio.

    • Fernando

      Claro que há critérios, sim. O interesse próprio e oportunismo, é para isso que esse ranking serve, manda quem pode, caso do (Bernardinho), que decide qual pontuação dar às jogadoras.

    • Iuri

      Vai fazer diferença Gabi ser 7 ou não pro Rio??? Coragem vcs…eles iriam manter duas de 7 de qq forma (Gabi e Natalia). O time nao precisa de um monte de estrela pra ser campeão..já provou isso várias vezes..incontáveis vezes

      • Kaio

        Não faz diferença para o Rio, mas faz para as outras equipes, o tal ranking não serve para equilibrar a competição?

      • Fernando

        Iuri acho que você não entendeu o contexto do critério, o Kaio entendeu muito bem!

      • Marcelo

        Engraçado que menos com toda essa auto-suficiência o Bernardo passou uma Superliga inteira chorando e o Bollmann idem durante a reunião de discussão do ranking.

  • MRE

    Daniel, alguma informação sobre o futuro da Fabiana?

  • Fernando

    Pretensioso esse Ranking Ridículo.

    Beneficiando o Rio de Janeiro como sempre, a Gabi já é uma realidade há o quê ? No mínimo as duas últimas temporadas, é atleta de seleção, e foi nada mais nada menos que a maior pontuadora da superliga e além disso foi a melhor atacante em eficiência, e a menina vale só 6 pontos?

    Ela deveria valer 7 pontos e assim o Rio já estaria com suas duas jogadoras limite (Natália e Gabi). Critérios bem duvidosos esses, que fazem esse ranking perder toda credibilidade.

    • Thiago

      E colocar a Gabi como 7 iria fazer qual diferença para o Rio? Até onde imagino o Bernardo jamais pensou em contratar alguma das outras jogadoras com pontuação máxima. Muito mimimi… Este ranking existe para nenhum patrocinador maluvo sair querendo contratar a seleção brasileira e ganhar a SL na marra, a é esqueci isto já aconteceu e o Osasco perdeu…

      • Fernando

        Caro Thiago, o ranking serve para pontuar as jogadoras e equilibrar a superliga, incentivar a competitividade etc, basta ler o regulamento.

        Preza-se pela imparcialidade, a Gabi no Rio ou não, ou mesmo que ela fosse jogar na China, nada justifica a maior pontuadora e melhor atacante da competição e jogadora de seleção ser pontuada com 6 pontos.

        • Thiago

          Você disse exatamente a mesma coisa que eu em relação ao ranking, serve para equilibrar e nenhuma empresa maluca querer ganhar na marra. Falam da Gabi, mas tem campeã Olímpica, com sérios problemas de equilíbrio emocional, que já cansou de ser líder em estatística também, que ainda é 6 e ninguém fala nada… Perseguição ao Rio…

  • Neide

    Cumulo da insensatez e da crueldade por uma jogadora gravida com 7 ptos. Prejudicaram a Jaque e,agora,Tandara.Tandara nao rendeu o suficiente nos play-offs, tanto que foi pro banco ja devido a gravidez. Quem vai investir numa jogadora de 7 ptos gravida? Apoio a extincao do ranking!

  • icaro

    Ranking tosco, ridículo e sem necessidade!

  • wms

    Curioso a pontuação da Gabi (do Rio) não ser 7 pontos, o pessoal que faz o ranking não acompanhou a superliga? Mais curioso ainda é a pontuação da Tandara ser 7 pontos, será que o pessoal que faz o ranking viu a queda de produção dela (e soube da gravidez) ou viu a complicação que foi o caso da jaqueline?

MaisRecentes

O novo conceito da FIVB para 2018



Continue Lendo

Apenas Lebes/Canoas faz o dever de casa na rodada



Continue Lendo

Um líder por pontos ganhos. Outro por pontos perdidos



Continue Lendo