Sada/Cruzeiro vence duelo brasileiro de virada no Sul-Americano



O primeiro confronto entre Sada/Cruzeiro e Funvic/Taubaté, pelo Sul-Americano, terminou com vitória mineira.

Ontem, na casa do rival, os cruzeirenses viraram e fecharam o duelo em 3 a 1 (20-25, 25-20, 25-19 e 25-23). Triunfo que coloca o time na semifinal e certamente como primeiro colocado, já que hoje a partida será contra os fracos bolivianos do San Martin.

Leal, com 16 pontos, liderou o Sada. O canadense Winters, que entrou no segundo set, também teve bom desempenho, terminando com 12 acertos. Pelo lado do Taubaté, Lucarelli anotou 16.

O canadense Winters se destacou/Douglas Magno Divulgação

O canadense Winters se destacou/Douglas Magno Divulgação

E explicação do levantador William reforça o ponto que levantei dias atrás na apresentação da competição: a experiência mineira em decidir está fazendo a diferença.

– Temos um time muito experiente e muito frio, capaz de lidar bem com esses momentos de adversidade. E acho que isso acontece porque sabemos da nossa capacidade de virar o jogo. Então o time está sempre tranquilo, com a cabeça boa, é difícil ver esse pessoal perder a cabeça. E hoje demos mais uma prova. Com toda essa pressão aqui, diante da torcida deles, mostramos a nossa força. Acho que tiramos uma boa lição, mas temos que focar em entrar fortes desde o início. Vamos encarar um dos times argentinos agora, e os dois são muito fortes. A vitória de hoje nos dá uma confiança a mais por ter vencido este jogo e nos faz acreditar que temos possibilidade de buscar o tricampeonato.



  • Edu

    Se tentou fazer a transmissão via You Tube.Parecia que se jogava no Alaska durante uma tempestade de neve.Vergonhoso.Não tem sentido a promoção desse campeonato em Taubaté.Os jogos ,em sua maioria, sem público e com repercussão próxima de zero.Quando o dono do Sada promove o campeonato mundial e sente que o Sportv não vai dar muita bola ele repassa imediatamente para a ESPN não se importando com as consequências com o maior grupo de comunicação brasileiro.Mas ele é uma das maiores fortunas de MG e esse campeonato sulamericano tem muito dinheiro público envolvido na sua promoção.Em Taubaté, nem tentaram uma via pelo Band Sports mesmo com uma afiliada na cidade pertencente a família dona do grupo Band.Outra noticia aventada , no caso das transmissões por televisão, e que a FIVB vai fazer o teste do jogo de uma hora e cinquenta no pré olímpico asiático.Já afirmei somente o Futebol Americano tem grade fixa na televisão aberta dos EUA durante o campeonato inteiro.Nos anos setenta havia o hockey no gelo, nba, basquete universitário, soccer, beisebol. Todos nas então 3 redes abertas.Paulatinamente foram se retirando da grade por interesses comerciais maiores e se movendo para as fechadas.O que vai garantir o voleibol na televisão aberta dos EUA, maior preocupação e objetivo dessas sondagens de redução de tempo, e o respaldo comercial que isso agregará.Eles fazem a transmissão da final dos chamados majors(os quatro mega torneios de golfe com premiação ao vencedor de 5 milhões de dólares) pelas redes abertas.São mais de sete horas de transmissão continua.Razão, o golfe e o terceiro esporte mais praticado pelo homens nos EUA e com o maior público dito de maior poder aquisitivo.Voltando ao volei não existe equipe no Brasil, nem mesmo o Taubaté jogando em casa, capaz de retirar esse título do Sada.

    • Billy

      Edu é cultura.Parabéns por se manter sempre bem informado Edu.Realmente o DESCASO com o vôlei aqui no Brasil está de lascar(às vezes).Abraços…

MaisRecentes

Dia de aplaudir o Zenit Kazan



Continue Lendo

Praia x Minas e Sesc x Vôlei Nestlé. Quer mais?



Continue Lendo

Agora líbero, Murilo volta a ser relacionado após 8 meses



Continue Lendo