Sada/Cruzeiro vence clássico do futebol e volta à liderança



No clássico do futebol, deu o favorito do vôlei. O Sada/Cruzeiro passou pelo Corinthians/Guarulhos por 3 sets a 0 (37-35, 27-25 e 25-20), na noite desta terça-feira, em Contagem, e reassumiu a liderança da Superliga masculina.

A partida atrasada da primeira rodada do returno deixou os 12 participantes da competição com o mesmo número de jogos: 13. E o Cruzeiro agora com 34 pontos, um a mais do que o Sesc. Na sequência aparecem Sesi (31) e EMS/Taubaté (28). E a promessa de briga boa pela ponta na sequência do segundo turno.

A vitória do Cruzeiro foi valorizada pela boa atuação do Corinthians. Nos dois primeiros sets, os paulistas conseguiram equilibrar as ações, apesar da quantidade exagerada de erros de saque (e vários deles não-forçados). Em duas ocasiões (uma delas com set point), Alexandre Stanzioni fez substituições pontuais para aumentar a estatura da rede e os sacadores falharam. E contra um time como o mineiro isso é fatal.

Os gringos Uriarte e Simon em ação (Renato Araújo Divulgação)

Ao fim dos três sets foram 27 pontos dados pelos corintianos em erros de saque. Um exagero! O Cruzeiro, conhecido pela potência do serviço, errou 22 vezes. Só é preciso ponderar a maior quantidade de jogadores do time de Marcelo Mendez com liberdade para um saque forçado e de risco: Leal, Simon, Evandro, Filipe…

Autor de 15 pontos, Leal foi eleito o melhor em quadra e ganhou o Troféu VivaVôlei Cimed. Rivaldo veio na sequência com 14.

– Tivemos uma sequência de jogos pesada nos últimos dias e foi muito importante conseguir esse resultado hoje. A gente não tem que pensar em ficar em primeiro, ficar pensando somente na liderança, temos que pensar em melhorar nosso jogo. Para mim nós estávamos jogando um pouco abaixo, cometendo muitos erros, principalmente no saque, no contra-ataque, então temos que focar nisso primeiro, em tratar de jogar bem sempre. Acho que o passe e o ataque funcionaram muito bem hoje e pouco a pouco vamos retomando, voltando a jogar bem – analisou o cubano naturalizado brasileiro, que errou apenas um dos 18 ataques que tentou.

A derrota deixa o Corinthians com 19 pontos, em sexto lugar, empatado com o Lebes/Canoas, e um à frente do Vôlei Renata. Desenha-se uma disputa acirrada entre o trio no restante do returno. Em quinto com 25, o Minas abriu uma vantagem confortável.

 



MaisRecentes

Vaivém: Fronckowiak anunciado por clube polonês



Continue Lendo

Entrevista Skowronska: “Estou apaixonada pelo Brasil”



Continue Lendo

Duelo entre pai e filho pelo Campeonato Paulista



Continue Lendo