Sada/Cruzeiro confirma favoritismo e é campeão



O último teste do Sada/Cruzeiro para o Mundial de Clubes do Qatar foi animador para sua torcida.

Neste sábado, o atual campeão da Superliga não deu chances para o Vivo/Minas, fazendo 3 sets a 0, parciais de 25-18, 25-16 e 25-20, na decisão do Campeonato Mineiro.

O título serve como combustível extra na tentativa de desbancar os europeus Trentino (ITA), Zenit Kazan (RUS) e Skra Belchatow (POL) na briga pelo status de melhor do mundo, entre 13 e 19 de outubro.

No Estadual de Minas Gerais, os cruzeirenses provaram estar realmente um patamar acima do Vivo/Minas, seu maior rival. As parciais da final mostram bem isso. Vale lembrar que nos dois jogos anteriores entre os dois o placar também foi 3 a 0.

Dentre os prováveis titulares na Superliga, o Minas não teve apenas o oposto tcheco Filip, contundido. Samuel começou jogando no setor. Já o time dirigido por Marcelo Mendez, que ainda não conta com o cubano Leal, usou a base bem conhecida com William, Wallace, Filipe, Maurício, Douglas Cordeiro, Rogério no lugar de Acácio e Serginho. E esse time titular, entrosado como poucos, pode fazer bonito no Qatar.



MaisRecentes

São Bernardo desiste do Paulista. Alerta ligado na Superliga



Continue Lendo

Brasil leva virada dos Estados Unidos em terceiro amistoso



Continue Lendo

Vaivém: Fronckowiak anunciado por clube polonês



Continue Lendo