Sada/Cruzeiro 3 x 1 Vivo/Minas



A virada do Sada/Cruzeiro por 3 a 1 sobre o Vivo/Minas demonstrou dois times com espíritos completamente diferentes em quadra.

Enquanto o time da casa saiu atrás e não se descontrolou, o rival minastenista se abalou após o empate e virou presa fácil nos dois sets finais. As parciais de 25-17 e 25-16 não refletem o que se esperava desta série semifinal.

Uma das principais virtudes cruzeirenses, além do equilíbrio emocional, foi conseguir quebrar o passe do Minas e fazer Marcelinho correr atrás da bola. Assim, passou a deixar os ataques mais previsíveis.  O bloqueio então deitou e rolou. Foram 12 pontos do Sada/Cruzeiro e apenas quatro do Vivo/Minas.

Wallace, com 18 pontos, foi o maior anotador do duelo. O Viva Vôlei ficou com Acácio, que fez 11. O tcheco Filip fez 12 para o Minas.

Para o segundo jogo, na Arena Vivo, ter os nervos no lugar fará novamente a diferença. Para os dois lados.

Nota triste foi a pequena confusão mostrada pela TV, que necessitou de intervenção da polícia. Segundo o SporTV, torcedor do Cruzeiro teria cuspido no banco de reservas do Minas. Se foi isso mesmo, uma total falta de educação.



MaisRecentes

São Bernardo desiste do Paulista. Alerta ligado na Superliga



Continue Lendo

Brasil leva virada dos Estados Unidos em terceiro amistoso



Continue Lendo

Vaivém: Fronckowiak anunciado por clube polonês



Continue Lendo