Rússia segue na frente. Americanas batem China e se recuperam



A terceira rodada da Copa do Mundo foi marcada por vitórias óbvias das seleções mais fortes e pela recuperação das americanas após o revés diante da Sérvia.

A Rússia, única invicta, fez 3 a 0 no Quênia, parciais de 25-16, 25-21 e 25-21 e agora soma oito pontos na classificação geral. Kosheleva anotou 16 pontos, enquanto Goncharova atuou apenas na primeira parcial, fazendo quatro.

Os Estados Unidos se recuperaram em grande estilo, derrotando a China em sets diretos, parciais de 25-23, 25-17 e 25-23. O time de Karch Kiraly agora soma sete pontos, mesmo número do Japão. O time da casa não teve dificuldades para superar Cuba também por 3 a 0. As chinesas pararam nos seis pontos, ficando ao lado de Coreia (passou pela Argélia) e República Dominicana (derrotou a Argentina).

As americanas mantiveram o mesmo time-base da véspera (Glass, Lowe, Hill, Larson, Harmotto, Akinradewo e Banwarth). E a recuperação se deu pela melhoria no aproveitamento de ataque. A oposto Lowe terminou o duelo com 57,6% e 16 pontos, pouco acima de Hill (54% e 14 acertos). Pelo lado chinês, o esperando, com Ting Zhu liderando a equipe com 17 pontos.

Por fim, a Sérvia, que soma cinco pontos, pegou o Peru, a primeira moleza na Copa, e cumpriu a obrigação de vencer por 3 a 0.

Nesta terça-feira, os times folgam e se deslocam para outras cidades. Na quarta, o melhor jogo será China x Coreia. Já os demais grandes vão passear: Rússia x Argentina, EUA x Peru, Japão x Quênia, Sérvia x Argélia.

Vale lembrar que as duas primeiras colocadas garantirão vaga na Rio-2016.

 

 



MaisRecentes

Dentil/Praia Clube confirma presença no Mundial



Continue Lendo

Seleções disputarão amistosos pelo país antes dos Mundiais



Continue Lendo

O adeus do genial genioso Ricardinho



Continue Lendo