Rodada sem transmissão de TV irrita atletas



A segunda rodada da Superliga masculina acontece nesta quita-feira e nenhum dos seis jogos terá transmissão pela TV.

O fato irritou os atletas, que usaram o Twitter, nesta manhã, para reclamar do fato.

O central Gustavo, do Móveis Kappesberg/Canoas, foi o primeiro a reclamar:

“Rodada da Superliga sem transmissão é o cúmulo do descaso com o nosso voleibol.  Até quando os clubes vão agüentar isso? E nós?? Ea í Sportv, Esporte Interativo e CBV, transmissão boicotada nesta rodada?? Não dá pra acreditar!!  Fico realmente decepcionado! Repito: Enquanto os clubes não se unirem e exigirem seus direitos será sempre assim. #Descaso”, escreveu o jogador.

Logo, ele ganhou apoio de vários outros:

“Tem reprise da Série D do Brasileirão…”, ironizou Lucão, central do RJX.

“O que adianta propaganda dizendo que o vôlei é o esporte que mais da medalhas ao Brasil, se na hora “H” eles não reconhecem esse grande fato”, escreveu Vini, central do Vôlei Futuro.

O levantador William, do Sada/Cruzeiro, também comentou sobre a ausência de transmissão nesta quinta.

“Para isso acontecer alguém aceitou”.

Essa indignação faz muito bem. Jogadores, não fiquem apenas no discurso. Vocês têm o poder nas mãos e devem usá-lo. E já passou de hora de terem voz nas decisões.



  • leoo

    Enquanto isso eles ficam transmitindo reprises e mais reprises de programas idotas como aquele “fora do eixo” que repete a mesma matéria umas 200 vezes, ou então ficam numa mesa redonda discutindo o “SEXO DOS ANJOS” ou então jogosde futebol da série C reprisados trocentas vezes…

    Primeira ZEBRA do campeonato!!! Como pode uma equipe como a do Usiminas perder para as jovens recem saidas das fraldas do inexperiente time de Sao Caetano??? Jogadoras do nivel de Claudinha,Tassia,Lia,FeIsis,Barbara Bruch,Thais Barbosa e Thaisinha nao poderiam ter dado esse mole! Sera q a culpa tbem nao e’ do tecnico? Enfim resta parabenizar as novatas de Sao Caetano, que apos levarem uma surra do Unilever deram a volta por cima e proporcionaram a primeira ZEBRA do campeonato logo na segun.da rodada contra o Usiminas.

    • tete

      Depois desse vexame de perder para o São Caetano o Usiminas tem obrigação de vencer o São Bernardo que é um dos lanterninhas do campeonato e até agora vem de 2 derrotas… Sinceramente não dá para entender como o Usiminas perdeu para o time mais jovem do campeonato, o elenco atual do Usiminas conta com jogadoras experientes que não poderiam passar por esse tropeço. Será que esse técnico Jarbas não consegue por esse time para jogar?

      • Volleyball Motorsports

        O Sollys não se deixou ser surpreendido pelo Vôlei Amil?

        • cleverton

          Vale lembrar que o sollys estava desfalcado de duas de suas principais ateltas. Com o time completo, foram 4 vitórias para Sollys. Portanto foi uma bela vitória mas nao tem nada para se gloriar

      • volei bhz

        Dá pra entender sim. o treinador é o pior do Brasil.
        O cara dá instrução errado o tempo todo e quando o time tá jogando um pouco melhor, parece que ele faz de proposito e mexe errado.
        Isso está acontecendo há varias temporadas e a diretoria do Minas FINGE que não enxerga.
        Fica difícil pra torcida aparecer no ginásio.
        Não lembra qual temporada, mas estavam no mesmo time: Fabiola, Fernanda Garay, Taisa, Juciely, Michele Daldegan e outras que não me lembro que hoje são titulares de suas equipes.
        Dizem que o proprio tecnico boicotava essas jogadoras e muitas não renovaram contrato por causa dele.
        Vamos fazer campanha, FORA JARBAS!!!!

  • Josiane

    Reclamar no twitter é ‘fácil’. Menos mimimi, mais ação!

    • Marco Túlio

      Q q os jogadores deveriam fazer então?

      Ficar sem jogar? Dar porrada no Ary Graça?

      O mimimi é seu de falar só reclamar e nem falar oq poderia ser feito…

  • Emanuella

    Eles tem que pressionar a CBV e vender os direitos de transmissão para outras emissoras. E na internet, será que ninguém tem interesse nisso??? Bem que o portal Terra podia comprar os direitos de internet, melhor do que campeonato alemão de futebol.
    Chega de deixar a globo mandar em tudo. De que adianta vender os direitos para a globo se os caras só transmitem 1 jogo no ano todo, vende para a Record ou a Band e exige pelo menos um jogo por rodada ao vivo.
    CBV devia ser a responsável pela captura e transmissão e só vender os direitos, trabalhavam com equipes menores e podiam vender para veiculo diferentes, internet, tv e com diferentes emissoras.

    • Felipe Lima

      A Globo sempre terá preferência para as transmissões pelo fato de ter audiência bem maior que as concorrentes (maior visibilidade, mais propaganda dos times), e isso pesa muito quando vão fechar o acordo. E, sinceramente, tenho minhas dúvidas se as outras emissoras fariam diferente no trato.
      Aí fica difícil.
      Quanto À CBV tomar pra si a captura e transmissão de imagens, creio que ficaria custoso montar esta estrutura, encarecendo no repasse para os veículos. Não vejo como interessante essa proposta.

  • Mayara Sales

    Concordo que é preciso procurar outras emissoras. O campeonato já é curto, tem um calendário péssimo e poucas transmissões. Ser o esporte coletivo mais vitorioso do Brasil não significa nada para a Rede Globo e a CBV é submissa. Procurem a Record ou a Band. O ibope dessa emissoras iria aumentar, com certeza!!!

  • meyre

    Acho o fim da picada a programação do sportv, recheadas de programa relacionadas ao futebol , serie B,C,D,ETC..
    Ja cansei de mandar emails para eles, reclamando.
    Não tem um programa voltado para o voleibol. Triste.

  • Afonso RJ

    O jogo Amil x Unilever foi reprisado duas vezes. Uma às 3 e outra às 5 da manhã. Parece de propósito para ninguém ver.

    Mas temos que convir que quem dá mesmo ibope é o futebol. Parece novela da Globo: o público está tão viciado que é audiência cativa. Então, é um tal de jogo da série C, campeonatos estrangeiros com jogos total e absolutamente inexpressivos, e o que é pior: passam até pelada, como aquela excrescência patética que é o tal de “showbol”. Fica todo o mundo assistindo feito uns zumbis, sem o menor resquício de espírito crítico. Isso sem falar nas indefectíveis “mesas redondas” com discussões intermináveis sobre a cor das chuteiras do Messi ou o novo corte de cabelo do Neymar. E vai por aí a fora.

    Some-se a isso o fato da Globo ser grande financiadora da CBV – se não for a maior – e eles vão mesmo deitar e rolar. Vão fazer simplesmente aquilo que vá de encontro aos seus próprios interesses, mesmo que seja em detrimento dos interesses dos clubes ou da própria CBV. Afinal, estão pagando para isso.

    Por exemplo: colocar microfones nos árbitros ou mostrar ao vivo as instruções dos técnicos durante os pedidos de tempo. Antes, isso era opcional, e como muitos técnicos se recusavam a permitir essa invasão, agora foram obrigados por contrato a permitir as filmagens. Particularmente acho isso um absurdo, uma total invasão de privacidade. E os comentaristas e locutores são instruídos a ficarem o tempo todo defendendo a medida, com o argumento que o público tem o direito de saber. Ora bolas: aonde termina o direito de privacidade e onde começa o direito do público saber? Claramente no caso que decide é quem paga: “manda quem pode e obedece quem tem juízo”.

    Só vejo uma solução para isso: se diminuísse sensivelmente a dependência financeira da CBV em relação à Globo. E pelo que vejo, pelo menos num futuro próximo não há o mínimo interesse de ambas as partes que isso aconteça.

  • leandro

    Daniel, já falei 1 milhão de vezes. A Rede Globo/Sportv mandam no Brasil. No caso do vôlei, eles ditam as regras e a CBV aceita tudo. Fora Ary Graça, chega desse velho pão duro na presidência. A CBV recebe as quotas de tv e não passa nada para os clubes.
    Os clubes e os jogadores que tem o poder nas mãos poderiam fazer uma greve e paralisar o campeonato. É um absurdo. O calendário desse ano piorou. No masculino os jogos são as quintas e aos sábados. No feminino as terças e sextas. Está ridículo. A Superliga é o último a começar e o primeiro a acabar em comparação com os outros campeonatos. O basquete que não ganha nada no Brasil tem mais espaço que o vôlei. Qual patrocinador vai querer investir se não tem visibilidade? E o povo acredita nas baboseiras do Sportv dizendo que a Superliga é a melhor do mundo.

  • bsb

    E não irrita somente aos jogadores, mas principalmente a nos torcedores que temos que ver este tipo de desorganização e falta de apoio. Uma competição como essa não merece descaso com jogos sexta, sabado, domingo, terça, quinta, sexta, sabado…….. Nós torcedoes esperamos para ver uma competição como essa o ano inteiro, e aí aparecem esses “donos do mundo” e atropelam todo a competição, FINAL DA SUPERLIGA EM UM JOGO É UMA VERGONHA. Já falei antes, PORQUE COLOCAR OSASCO E CAMPINAS NO FEMININO NA PRIMEIRA RODADA SENDO QUE OS DOIS VINHAM DE VARIOS CONFRONTOS PELO ESTADUAL, E DEPOIS NÃO SATISFEITOS JOGARAM CAMPINAS E RIO. OS MELHORES CONFRONTOS EM DIAS ÚTEIS DA SEMANA. E HOJE UMA RODADA TODA PRATICAMENTE ESQUECIDA, SEM OS JOGADORES DESCANSAREM ENTRE UMA PARTIDA E OUTRA, DEPOIS APARECEM AS LESÕES, E AÍ. VERGONHA!!!!!!!!!!!!!

  • Juju

    VERGONHA, CBV e GLOBO. Um absurdo a CBV vender os direitos apenas para a Rede Globo, não repassar nada aos clubes que precisam pagar para jogar a superliga, fazer um calendário sacana com jogos em todos os horários possíveis em todos os dias da semana, o campeonato acontece nas férias do futebol pra não concorrer com o esporte preferido da Globo e ainda depois da CBV ficar de 4 para todos os caprichos da tv detentora esta não transmitir os jogos de uma rodada inteira. As vezes sinto vergonha de ser brasileira, tamanha corrupção, acordos de interesses pessoais e descaso com o povo de modo geral.

    • leandro

      Juju, eu sinto vergonha de ser brasileiro há muito tempo.

  • Juju

    Como pode uma rodada que vai ter Medley Campinas x SESI, Canoas x Sada… não ter transmissão da TV!? Aliás, procurei no site da CBV estatísticas dos jogos e não encontrei, se alguém souber onde está e puder me ajudar?

  • alessandro mendes

    Para acontecer isso os clubes tiveram que assinar !!! quando vc vende um produto a aqual dá exclusividade para uma emissora acontece isso… poderiam ganhar menos e vender para outras empresas… tem fox sport , espn….. daqui a pouco esses mesmos jogadores que estão reclamando irão ficar babando o ovo do grupo globo/globosat.

  • leandro

    Imaginem o que o Ary Graça vai fazer na FIVB?
    Vai promover uma verdadeira zona na federação.

  • Afonso RJ

    Resolvi voltar para comentar mais um pouco, depois de ter dado uma olhada na programação de hoje do SporTV. Somando-se o espaço dedicado hoje ao tênis nas grades do SporTV2 e do SporTV3, temos um total de mais de OITO HORAS de transmissão SÓ PARA O TÊNIS. Nada contra o tênis, mas convenhamos que é um espaço enorme para um esporte que não tem nenhum brasileiro disputando nem em posições intermediárias. Se ainda fossem jogos do Federer, Nadal, Jokovik ou mesmo Andy Murray a gente ainda pensava duas vezes antes de criticar, mas estavam transmitindo um jogo entre um tenista português e outro romeno, dois ilustres desconhecidos! Me poupem!
    Mais uma observação: se fosse nos Estados Unidos, entre uma final de copa do mundo Brasil x Alemanha, e um campeonato de cuspe em distância entre um colégio secundário de Minesota e outro do Alabama, dava 99% de audiência para os “atletas” da casa. É por essas e outras que eles chegaram aonde estão e nós estamos aqui nos arrastando pelos lodaçais tupininquins (crowling into the tupininquins swamps).

    • João Paulo

      Só se quisessem perder muito dinheiro, a última final da Copa do Mundo de futebol deu mais audiência que o jogo de mais audiência dos sete do NBA Finals nos EUA, tem uns caras idiotas do tea party lá nos EUA, que acham o futebol algo fora da cultura americana e querem bani-lo, mas não irão conseguir.
      Se a historinha que se fosse nos EUA, eles transmitiriam os americanos, então por que os duelos de Liga Mundial entre Brasil x EUA, à época os 2 últimos campeões olímpicos(evento que os americanos adoram) não foi transmitido por uma emissora fechada americana?
      Com relação a gestão da Superliga, acho que o modelo a ser seguido é o americano, mas não o de um nacionalismo tosco e sim o da gestão das ligas de esportes, que podem ter jogo em dias consecutivos, no caso 3 das 4, NBA, MLB e NHL.
      Eles não trabalham com jogos em dias definidos, tem jogos todos os dias em horários diversos, como ocorre na superliga , mas se sabe que na tv A às quartas e sextas de noite tem jogo, na B às quintas de noite, na C aos sábados de noite, domingo de tarde e terça de noite. E transmissão de jogos na internet com venda de pacote com TODOS os jogos até em smartphone e tablet e as arenas são fantásticas, coisa, que falta no Brasil, ginásios normalmente são péssimos.
      Resumindo: gostaria principalmente de uma melhor exploração das novas mídias, tanto sociais, quanto transmissão na internet DE TODOS OS JOGOS e há erros crassos dos clubes, não é só a CBV. Jogos em ginásios horrorossos, baixa exploração de mídias sociais, patrocínios com baixíssima ativação(não é só exposição que se ganha com patrocínio no esporte), erros exclusivos dos clubes, que não se fortalecem por si só.

  • joao paulo barros- acre

    vcs sao muito bestinhas mesmo… cheio de3 frescurinhas… qrem colocar o volei guela a baixo de todos em transmissao aberta? e toda rodada? vcs nao entendem q o brasileiro só se interessa um pouco pelo volei, em época de olimpíada?
    moramos no brasil e aki quem manda é o futbol( graças a deus)…
    deixem de dor de cotovelo e vao ao ginasio ver esse joguinho +ou-…
    e assistir um jogo da serie D DO brasileirao, é melhor do que ver um jogo de volei…
    bola pra cá, bola pra lá…

    • Afonso RJ

      vcs sao muito bestinhas mesmo… cheio de3 frescurinhas… qrem colocar o futebol guela a baixo de todos em transmissao aberta? e toda rodada? vcs nao entendem q o brasileiro só se interessa um pouco pelo futebol, em época de copa do mundo?
      moramos no brasil e aki quem manda é o vôlei( graças a deus)…
      deixem de dor de cotovelo e vao ao estádio ver esse joguinho +ou-…
      e assistir um jogo de vôlei é melhor que assistir a um jogo da série A do brasileirão…
      bola pra cá, bola pra lá…

    • Juju

      João Paulo, vc calado é um poeta, como diria Romário, é, aquele do futebol. Aliás o que vc ta fazendo em um blog de volei? è cada uma que me aparece!!??

  • tiago

    Concordo com tudo q foi dito,mas os jogadores tb tem q mudar de atitude pois eles reclamama com razão,mas na hora de ir nos programas do sportv ou globo eles vão e ficam la babando ovo.no dia do lançamento da superliga,varios atlestas foram ao programa “arena sportv” e ficaram la babando ovo.pq quando eles vao eles nao aproveitam e criticam o q sportv/globo/ary graça estao fazendo com o volei?

MaisRecentes

Semana positiva das Seleções adultas



Continue Lendo

Coluna: O polêmico teste na regra do vôlei



Continue Lendo

Vaivém: Mais estrangeiras na Superliga?



Continue Lendo