Rodada com surpresas e novas brigas na Superliga masculina



Além das vitórias complicadas dos líderes, a rodada de quarta-feira da Superliga Cimed Masculina apresentou algumas surpresas. E deu novo ânimo na briga por vaga na próxima fase e também para evitar a degola.

Depois de conquistar a primeira vitória em 16 rodadas no fim de semana, o Copel Telecom/Maringá emendou o segundo triunfo consecutivo. Em casa, bateu o Lebes/Canoas por 3 sets a 1, parciais de 25-22, 31-29, 20-25 e 25-23.

Alisson Bastos e Ialisson foram os destaques de Maringá, anotando 21 e 18 pontos, respectivamente. Alisson foi eleito o melhor do jogo. De virtual rebaixado, o time do campeão olímpico Ricardinho passou a acreditar agora em permanecer na elite nacional. São sete pontos ganhos, seis atrás do Montes Claros, que é atualmente o último garantido na próxima temporada. Briga aberta nas rodadas finais.

Na próxima rodada, Maringá pegará o lanterna Juiz de Fora, como visitante. Já Montes Claros duelará com o líder Sada/Cruzeiro, também fora de casa.

Outra surpresa da rodada aconteceu em Guarulhos. No Ginásio da Ponte Grande, o Corinthians foi superado pelo Ponta Grossa/Caramuru também por 3 a 1, parciais de 25-20, 25-27, 25-22 e 25-23.

Leozão foi destaque do jogo (Duda Bairros/Corinthians-Guarulhos)

O saque foi uma das armas do time paranaense, com sete aces, aproveitando-se da ausência do bicampeão olímpico Serginho Escadinha.

O levantador Gustavo recebeu o Troféu VivaVôlei Cimed de melhor jogador em quadra. O oposto Leozão com 23 pontos e liderou os visitantes.

O triunfo faz o Ponta Grossa subir para 15 pontos, na nona posição. São seis pontos atrás de Canoas, atualmente o oitavo colocado, fechando a zona de classificação para os playoffs. O Corinthians segue com 26, em sexto.



MaisRecentes

Coluna: mercado já sente reflexos da crise mundial



Continue Lendo

Itambé/Minas planeja time “em volta” de Macris



Continue Lendo

Osasco Audax quer a volta de Tandara



Continue Lendo