O recado de Renan Dal Zotto



Bruninho, Evandro, Lucarelli, Lucão, Maurício Souza e Tiago Brendle.

O técnico Renan Dal Zotto não fez muito mistério ao ser questionado sobre o time titular da Seleção Brasileira para a abertura da Liga Mundial, na sexta-feira, contra a Polônia, em Pesaro (ITA). Faltou apenas anunciar um dos ponteiros, segundo ele ainda por estar em dúvida e ter três dias de treino na Europa para ajudá-lo na definição. Maurício Borges, Douglas Souza e Rodriguinho são as opções.

O que isso quer dizer? O treinador vai escalar em sua estreia no lugar de Bernardinho cinco campeões olímpicos, com a possibilidade real de o número subir para seis, caso opte por Maurício Borges ou Douglas Souza.

O que isso quer dizer então? Renan mantém seu discurso repetido à exaustão desde que assumiu o comando da Seleção masculina: com uma linha de pensamento muito alinhada ao antecessor, não vai fazer qualquer movimento de ruptura do trabalho de Bernardinho. Pelo contrário: tentará dar continuidade à vitoriosa linha anterior, sem qualquer mudança abrupta de rumos. Ele fez questão ainda de citar o oposto Wallace e o ponta Lipe, dois campeões olímpicos que não participarão dos primeiros jogos na Liga, mas são pilares importantes da Seleção. Outro remanescente à disposição é o central Eder.

O que isso quer dizer para os adversários? Primeiro ano de ciclo olímpico, com várias seleções com novos técnicos, sem os principais jogadores… E o Brasil estará em quadra com uma base conhecida, experiente e já com entrosamento. Chance de sair na frente já na primeira competição de 2017.

Abaixo, a lista dos jogadores que estão na Europa à disposição de Renan para a abertura da Liga:

Levantadores: Bruninho e Murilo Radke

Opostos: Evandro e Renan

Pontas: Lucarelli, Maurício Borges, Douglas Souza e Rodriguinho

Centrais: Lucão, Eder, Maurício Souza e Otávio

Líberos: Tiago Brendle e Thales



  • Henrique Umebara

    Esse Lucão só tem sido titular pelo nome.

    • L. Mesquita

      RENAN não tirou o favoritismo do BRASIL, ele simplesmente disse que o VÔLEI MASCULINO é MUITO EQUILIBRADO e outras equipes também tem chance de serem Campeãs. Renan disse: “Essa é uma seleção sempre vista como uma das favoritas. Nós temos que fazer jus a isso. Entrar sempre com força. Sabemos que o equilíbrio que existe hoje é notório”. Prova de que o equilíbrio no vôlei masculino eh ENORME: Apesar de o BRASIL ser CAMPEÃO OLÍMPICO, SÉRVIA E FRANCA foram as últimas Campeãs da LIGA MUNDIAL, a ARGENTINA foi a última Campeã PAN-AMERICANA e a POLÔNIA foi a última Campea Mundial! Logo, não há apenas um favorito, mas um grupo de seleções muito fortes que podem conquistar a LIGA, dentre elas o BRASIL…

  • Michel Pereira

    Ctrl C + Ctrl V do trabalho do Bernardinho. Não adianta mudar o técnico e manter os mesmos jogadores e a mesma base. Espero que esse tipo de postura se limite ao período inicial dos trabalhos, mas se mantiver uma base mais velha, sem oportunidade efetiva aos mais novos, dificilmente teremos uma renovação efetiva e os reflexos no futuro custarão caro.

    • Pedro Taranto

      “Não adianta mudar o técnico e manter os mesmos jogadores e a mesma base” ?!?!?! Os caras são campeões olímpicos e vc não quer manter eles? Eles podem não ter ganhado nenhuma Liga Mundial no ciclo, mas TODAS as equipes se prepararam por 4 anos para esse título que foi do Brasil!!! E por que renovar? para ter uma equipe madura e experiente nas próximas competições? Se a nossa base (Atual campeã olimpica) aguenta mais um ciclo olíimpico? pq todos cobram tanto pela renovação? SE fosse eliminado das olimpíadas como a seleção feminina, aí sim eu concordaria com isso, mas deixa os caras treinarem em busca de mais um título olímpico! A principal renovação foi na comissão técnica!!!

  • L. Mesquita

    Adorei a seleção!!! Perfeito!!! É realmente o que temos de MELHOR!!! Para os que reclamam de faltade novidades, achei muito interessante as presenças de jogadores que não ganharam o OURO OLÍMPICO como Murilo Radke, Renan Buiati, Rodriguinho, Otávio, Tiago Brendle e Thales. Eu inclusive, jogaria com 2 liberos se revzando: T.Brendle como Líbero de passe e Thales como Líbero de defesa… E apostaria em Maurício Borges como PONTEIRO TITULAR! A nossa INVERSÃO do 5×1, por exemplo, eh totalmente diferente com MURILO RADKE e RENAN BUIATTI. Os Líberos também são novidades, graças a Deus Mario Jr. está fora do grupo… Eu gostei muito do time do RENAN DALZOTO, eh por aí mesmo, mesclou bem campeões olímpicos com as novidades… Qualquer outra coisa seria loucura desnecessária!!!

MaisRecentes

Praia x Minas e Sesc x Vôlei Nestlé. Quer mais?



Continue Lendo

Agora líbero, Murilo volta a ser relacionado após 8 meses



Continue Lendo

E vem mais um Zenit Kazan x Sada/Cruzeiro por aí!



Continue Lendo