Primeiro passo bem dado



Uma estreia com poucos sustos.

Assim defino a vitória brasileira por 3 a 0 sobre a Bulgária, parciais de 25-19, 25-22 e 25-16, na tarde desta terça-feira, pela primeira rodada do Campeonato Mundial, em Trieste, na Itália.

Um primeiro set tranquilo, o segundo enroscado até o empate no 22º ponto e um terceiro novamente de total domínio brasileiro. Saque entrando para incomodar e desestabilizar a recepção das europeias, facilitando demais a vida do bloqueio, poucos erros e nada de nervosismo.

Vencido este duelo, que tinha tudo para ser um pouco mais equilibrado, é de se esperar mais duas vitórias por 3 a 0 sobre Camarões e Canadá, esperando jogos de verdade apenas contra Turquia e Sérvia, no encerramento desta primeira fase.

PS: acrescentando aqui algumas opiniões a mais sobre a estreia:

– Com 50% de aproveitamento no ataque, Jaqueline mostrou mais uma vez a evolução neste fundamento.

– Bom ver Sheilla começando o Mundial como maior pontuadora do Brasil (15). Em jogos contra times altos, a presença da oposto será fundamental.

– Fernanda Garay destoou do restante do time. Recebeu mais de 20 bolas de Dani Lins e colocou apenas quatro no chão. Também não estava bem no passe.

– Thaisa admitiu que ficou abaixo do normal no ataque. Os sete pontos marcados são a prova de que a bola de segurança com ela, pelo meio, não funcionou.

 



MaisRecentes

Giovane encaminha manutenção do vôlei carioca na Superliga



Continue Lendo

Basta! Nada justifica ameaças de morte



Continue Lendo

As duas formas de ver o novo Sesi



Continue Lendo