Para quem reclama do vôlei…



Organização não é uma das especialidades do esporte brasileiro em geral, todos nós já sabemos.

Para quem gosta de criticar o vôlei, dê uma olhada no exemplo dado pelo futsal na última semana. O Grand Prix, competição de seleções já em sua nona edição, realizada em São Bernardo do Campo, aconteceu com transmissão da final pela Rede Globo ontem. Falcão em quadra, patrocinadores felizes… Até aí tudo bem.

O problema é o torneio ter acontecido na véspera das semifinais da Liga Futsal, a principal competição de clubes do país. Assim, vários dos times envolvidos perderam os principais jogadores durante os treinos da semana e certamente não puderam se preparar como gostariam. Apenas a Intelli, de Orlândia (SP), pediu a liberação dos seus convocados, sendo atendida pela confederação. Amanhã, começará a semi da Liga e vários dos atletas estavam focados na Seleção até ontem.

Será tão difícil assim montar um calendário decente, que atenda Seleção, clubes, grade de TV, patrocinadores e não massacre os jogadores?

 



MaisRecentes

Mais seguro, Brasil vence e está nas finais da Liga das Nações



Continue Lendo

Vaivém: Mais uma campeã da Superliga no Osasco/Audax



Continue Lendo

Na estreia de Lucas Lóh na Liga das Nações, Brasil se recupera



Continue Lendo