Pai campeão olímpico atuando contra o filho?



A cidade de São José, em Santa Catarina, deverá presenciar um fato histórico neste fim de semana.

O campeão olímpico Ricardo, 41 anos, poderá enfrentar o filho Pedro Henrique, 20, durante a quinta etapa do Circuito Brasileiro de vôlei de praia.

Ricardo estará em quadra em busca do segundo título no campeonato – venceu em Campo Grande (MS) na abertura do circuito e ficou em terceiro lugar em Uberlândia (MG) – e, ao lado de André Stein, pode ver um jovem chamado Pedro Henrique, estreante em etapas Open, cruzar o seu caminho. Pedro vai jogar ao lado de Felipe Cavazin. O jovem foi campeão das etapas de Uberlândia (MG) e João Pessoa (PB) no circuito sub-21 em 2015, das etapas de Brasília (DF) e Maringá (PR) no circuito sub-21 deste ano.

– Torço muito para que isso aconteça, que as nossas duplas se encontrem pelo caminho, ia ser diferente, especial. Nunca escondi a vontade que tenho de jogar ao lado dele antes de encerrar a minha carreira, mas não imaginava que iria enfrentá-lo tão cedo, dentro desse circuito. Não consigo chamá-lo de rival, de adversário, é o meu filho, mas é certo que, se esse jogo acontecer, ele não vai ter moleza, não – brincou Ricardo, garantindo ser o ‘fã número 1’ de Pedro.

Eu, como pai, fico imaginando o que deve passar pela cabeça de Ricardo com a possibilidade de enfrentar o filho. E, como filho, também penso na chance de ter meu pai como “rival”.



MaisRecentes

Fofão lançará biografia no Rio no sábado



Continue Lendo

Dentil/Praia Clube confirma presença no Mundial



Continue Lendo

Seleções disputarão amistosos pelo país antes dos Mundiais



Continue Lendo