Pacotão de notícias



Pessoal, bom dia. Antes de partir para mais uma jornada no Maracanãzinho, deixo esse post com um resumão de fatos importantes da noite/madrugada/manhã.

1) Na Califórnia, a Seleção masculina encerrou a série de amistosos contra os Estados Unidos com vitória, a terceira em quatro jogos, desta vez por 3 a 1 (25-20, 31-33, 25-18 e 29-27). Não deixa de ser uma ótima notícia após a desclassificação precoce na fase final da Liga Mundial. O time certamente reencontra a confiança que parecia abalada e também dá um recado para os rivais,

Neste duelo os dois times optaram quase pelas formações titulares. O Brasil com Bruninho, Evandro, Lucarelli, Maurício, Lucão, Eder e Escadinha. Os Estados Unidos com Micah Christenson, Matt Anderson, Taylor Sander,  Aaron Russell, Max Holt, David Lee e Dustin Watten.

Lucarelli, mais uma vez, liderou o Brasil na pontuação: 20 pontos (16 no ataque e quatro no saque). O maior anotador do duelo foi Anderson, com 26.

– É um desafio enfrentar o Brasil. Eles nos mostram quais são nossas fraquezas. Nós aprendemos muitas coisas – analisou o técnico americano John Speraw.

2) A Seleção sub-23 vai disputar o quinto lugar do Mundial diante da Argentina. No jogo de hoje, vitória sobre a Coreia do Sul por 3 a 0. O oposto Kadu liderou o time na pontuação mais uma vez.

3) A Copa do Mundo feminina recomeçou sem zebras no Japão. Sérvia 3 x 0 Rep. Dominicana, Rússia 3 x 0 Coreia do Sul, EUA 3 x 0 Quênia, China 3 x 0 Cuba, Japão 3 x 0 Peru. Emoção zero na rodada. Desta forma, segue a escadinha na classificação: Rússia 17 pontos, EUA 16, Japão e China 15, Sérvia 14. Na próxima madrugada teremos um jogo de verdade: russas x sérvias. É um vale-tudo para a seleção sérvia, que já passou pelos Estados Unidos e vai entrar de vez na briga em caso de nova vitória. Caso a Rússia vença a vaga olímpica estará bem mais próxima.

4) Alison e Bruno Schmidt, que garantiram ontem a classificação para a Rio-2016, estão na final do Grand Slam de Olsztyn, na Polônia. Logo mais os brasileiros, que vivem ótima fase no Circuito Mundial, irão encarar os americanos Gibb/Patterson pelo título de mais uma etapa. Tanto eles quanto Larissa/Talita disputarão o Rio Open, em Copacabana, na semana que vem, livres de qualquer pressão.



  • Marcinha

    Que maravilha ver o Alison/Bruno e Larissa/Talita batendo um bolão…só espero que a CbV não cometa injustiça na convocação da segunda dupla para as olimpíadas… Agatha/Barbara tiveram um ano muito bom, foram campeãs mundiais e ganharam algumas etapas do circuito Mundial, assim como Pedro/Evandro que estão evoluindo…já vi em alguns sites q a CBV pode chamar Ricardo/Emanuel, eles são heróis do esporte nacional, mas jà deu né? Nessa corrida olímpica não subiram nenhuma vez no pódio, estão a mais de 1000 pontos atras da dupla Pedro/Evandro.

    • Matos

      Concordo em gênero, número e grau

  • silas antares

    Que maravilha o jogo entre Sérvia e Rússia hoje de madrugada. As sérvias venceram por 3×2. Jogaço. Opostas de verdade, com potência e altura, líberos espetaculares… espero que o Brasil acompanhe essas seleções pois vendo-as jogar(com jogadoras,altas, potentes e jovens)percebemos que nossa seleção vai penar muito mais que em Londres. Jogar somente com entusiasmo por estar jogando no Brasil acho pouco.

  • will

    Eu gostei foi uma semana muito boa com as vitórias na areia e também nas quadras nas duplas mostram que o Brasil está muito bem servido obrigado,nas quadras ótimas noticias os homens jogaram muito bem apesar de achado os americanos muito mais moles por ser amistosso que os brasileiros que entraram como se estivesse disputando mata mata olímpico o Lucarelli voo literalmente nesses encontros o Anderson foi bem apenas no 1 jogo que foi também por 3 a 2 pro Brasil nos demais errou muitos saques como todo time americano e o atacante brasileiro pelo contrário marcou muitos pontos de saques como de ataques!enfim um final de semana muito produtivo..

MaisRecentes

O novo conceito da FIVB para 2018



Continue Lendo

Apenas Lebes/Canoas faz o dever de casa na rodada



Continue Lendo

Um líder por pontos ganhos. Outro por pontos perdidos



Continue Lendo