Os cortes na Seleção masculina



A definição dos 14 jogadores que disputarão a fase final da Liga Mundial, no Rio de Janeiro, aconteceu logo depois da derrota para a Itália, na sexta-feira.

Bernardinho cortou o levantador Rapha, o oposto Leandro Vissotto e o líbero Felipe, mantendo no grupo William, Evandro e Mário Júnior.

Além do trio, os demais atletas que disputarão o título serão Bruninho, Wallace, Lucão, Isac, Riad, Éder, Murilo, Lucarelli, Lipe, Lucas Lóh e Escadinha.

E agora começa discussão sobre Rapha ou William, Felipe ou Mário Júnior e Evandro ou Vissotto. Vamos então por partes.

No levantamento, acho que os dois se equivalem e estão no mesmo nível de Bruninho, inclusive. Talvez tenha pesado o entrosamento de várias temporadas que William carrega com Wallace, Isac e Eder. Não vejo qualquer polêmica na escolha do Mago. E já sei que muita gente vai cornetar aqui.

Na saída de rede, Evandro ganhou espaço com atuações sólidas e decisivas em vários jogos. E olha que Vissotto, em algumas partidas que saiu como titular, também foi eficiente, pontuando bastante. Olhando friamente a presença de Evandro é a grande novidade entre os 14.

Já entre os líberos eu questiono a escolha. Não gostei de algumas atuações de Mário Jr. Ontem, por exemplo, foi bastante irregular no passe diante dos italianos. Como cumpriu seis jogos de suspensão e perdeu metade da primeira fase, deve ter também mostrado, nos treinos, mais do que Felipe. E aí apenas a comissão técnica pode analisar.

O que vocês acharam?



MaisRecentes

Vaivém: Renan acerta volta para a Itália



Continue Lendo

Vaivém: Argentina marca golaço ao acertar com Marcelo Mendez



Continue Lendo

Vaivém: Kim, Boskovic e Larson no mesmo time



Continue Lendo