Opinião sobre a final feminina da Superliga



O LANCE! publicou em sua edição impressa hoje uma comparação entre os números de Unilever e Sollys/Nestlé na atual Superliga. O time paulista leva a vantagem nas estatísticas de bloqueio, saque, passe, ataque e levantamento. Perde na defesa.

Eu dei minha opinião sobre o tema. Concordam ou discordam dela?

Quase tudo conspira a favor do Sollys/Nestlé

Melhor em quase todas as estatísticas da Superliga, embalado desde o início do returno e com jogadoras-chave em boa fase técnica. Os fatores acima dão, sim, um ligeiro favoritismo ao Sollys/Nestlé na final contra a Unilever.

Destes, o que mais pesa é o momento vivido por Fabíola, Hooker, Jaqueline e Camila Brait, que formam a espinha dorsal do time.

A favor do time carioca pesam dois aspectos, não menos relevantes: poder jogar em casa e ter um retrospecto melhor do que o maior rival em decisões. Eles influenciam o psicológico, tão importante em uma final de jogo único.



  • Mauricio

    Sim, e o RJ tem jogadoras muito experientes em finais, em ginásio grande, como Valeskinha e Fernanda…Torço para que o OSASCO jogue bem, ganhe experiência, entre concentrado, afinal o time titular do OSASCO é quase a seleção brasileira.

  • @alcidesxavier

    Como sempre os detalhes farão a diferença, e acredito que o Sollys tem condições totais de levantar o caneco, mas terá que ter paciência afinal o time do Unilever é muito bem montado taticamente. Por isso é o 1ª na defesa, e sempre tem uma jogadora no caso a Mari no fundo da quadra para pegar as bolas que estouram no block. Mas vamos pra cima, Osascoooo rumo ao penta!

  • Vilma

    O Osasco e favorito pra essa final, visto o momento de suas jogadoras, MAS o Rio tem Sheilla e Mari que nos momentos decisivos são extraordinarias, vai ser um grande jogo, o fator de o jogo ser no rio pra mim não vai interferir muito não, pois tanto o rio ja ganhou em osasco como o osasco ganhou no rio, o que decidir esse jogo pra mim e se Mari estiver em um bom dia da unilever mas se ela estiver apagada fica muito dificil.

  • Naty

    Eu acho que não dá pra definir nada mesmo….o time do Osasco está em uma melhor fase, mas o time do Rio tem Bernadinho, que monta muito bem o time….o time do Rio me parece mais bem prepado psicologicamente, mas torço pelo meu Osasco….
    Daniel, gostaria de fazer uma reclamação aqui….com essa história da CBV de querer levar as finais para cada grande centro do país é um absurdo….esse ano o Osasco teve uma melhor campanha e terá que fazer a final no Maracanãzinho……não é certo! Na superliga 2008/2009(acho) foi o contrário…o RJ fez a melhor campanha e teve que jogar no Ibirapuera….

  • Luciano

    Talvez o que na minha opinião pode fazer a diferença é a comissão técnica. O Bernardinho sabe que é um único jogo de vida ou morte se o time dele estiver ruim ele até pode bater nas meninas, maneira de falar claro. Pois cada grito que ele der, cada camisa que ele rasgar e cada estouro( pra não falar outra coisa) fazem com que seu time renda mais.
    No outro caso, o Luizomar é previsível e ele não muda resultado, joga com o que tem sendo um ótimo elenco, talvez o melhor ele não muda muito ritmo de partida. Além do mais ele tem medo do Bernardinho, fica evidente como ele fica pequeno quando joga contra o Rio.

    Torço para o Sollys, e vamos lá, jogos essas meninas possuem e muito, porém tranquilidade e paciência terá que existir.

  • Fabiano

    Numa final como essa os números são apenas amostragem e certamente não farão muita diferença durante a partida. Não é segredo para ninguém que o Sollys está jogando melhor, mas é notório que no volei feminino o psicológico interfere muito. Nesse caso, Bernardinho sabe como ninguém utilizar isso a seu favor. Sinceramente não vejo favorito e espero que seja um jogão de 5 sets, já que temos essa imbecilidade de jogo único.

  • Jairo(RJ)

    Diante do que rolou nessa SL por parte da Unilever, não vejo a equipe em condições de sacudir o Sollys. Hoje, vejo o título nas mãos das meninas de Osasco.

    • Afonso RJ

      Concordo em genero, numero e grau!
      Só ganha a Unilever se der zebra.

      • Jairo(RJ)

        Afonso, depois do fator campo de jogo (Maracanãzinho lotado) ter apontado que não é tão decisivo assim; vide as vitórias maiúsculas do VF, tanto no feminino quanto no masculino, você acha que essa questão aliada ao fator arbitragem, pode enfim mudar a projeção dessa final ?

        • Afonso RJ

          Acho que o fator torcida influi sim. Pouco mas influi. Arbitragem, não creio. Acho o Oasco favoritíssimo, mas volei feminino sempre pode ser “uma caixinha de surpresas”. A zebra sempre espreita num cantinho da quadra.

  • Luiz

    Tudo conspira a favor do Osasco, mas se a Mari do primeiro confronto ontra no turno contra o VF e contra o próprio Osasco reaparecer para jogar, aí vai ficar dificil para o Osasco.

  • Lucas

    Já disse isso algumas vezes e repito.
    Unilever pode ser pior em todos os fundamentos mas as jogadoras se equivalem e na final quem faz a diferença mesmo é o Bernardinho!!!
    Bernardinho já fez a diferença ano passado e fará outra vez esse ano. O Unilever entra sabendo tudo q tem q fazer e tudo o q o Osasco fará.
    vai dar Unilever tranquilamente.
    Pode me cobrar depois.

    • Jairo(RJ)

      Opa, anotado na tua conta! hehe

    • marcos monteiro

      Sem reparos.Apenas gostaria de saber, o por que de empresas tão eficientes, ainda apostarem num técino como o Luizomar?

  • klaus

    Tudo aponta para a vitória do Osasco, mas não podemos esquecer que o Unilever tem jogadoras de decisão , além de um técnico acima de qualquer outro.Espero que seja um jogo de 5 sets e para o bem do vôlei vou torcer para o Osasco.Fugindo um pouco do assunto , li num blog de vôlei um possível lista do Bernardinho e nela estaria o Ricardinho.Espero sinceramente que dessa vez ele esteja entre os selecionáveis e possa fortalecer ainda mais a nossa seleção.

  • César Castro

    Olá a todos,

    Vou torcer pelo Osasco, mas acho que dá Rio.

  • Leo

    Realmente os números nao dizem nada…Jaqueline esta em otima fase, mas meu coração acelera toda vez que ela vai atacar uma bola decisiva…gosto dela, mas a acho com um psicologico fraco!
    Mas apesar disso, vou torcer por Osasco e muuito, apesar de ser louco pela Sheilla!

  • Paula

    Como eu já disse em outro post, o Sollys tem tudo pra ganhar esse ano. Desde o início do returno está impecável e, se eu não me engano, ganhou todos os jogos desde então. O Unilever não vem apresentando volume de jogo, parece desgastado e perdido. A vitória sobre o Vôlei Futuro na semana passada se deu por erro das meninas do VF, que amarelaram feio, e não por méritos do Unilever. Pro Sollys perder, só se entrar com a mesma postura que as meninas do VF entraram na semana passada.

    Não falo isso como um ataque. Gosto muito dos três times, que trazem a maioria das jogadoras da seleção. Mas este ano, Unilever e Vôlei Futuro deixaram muito a desejar. Sou Vôlei Futuro, mas torço amanhã para que o Osasco mostre o jogo muito bom que vem jogando e seja vitorioso para que na próxima temporada, VF e Unilever possam aprender com seus erros e vir com tudo. Já que teremos Campinas, além do SESI que continuará investindo, quem sabe realmente veremos a SL Feminina “mais equilibrada dos últimos anos” – De verdade!

  • GRACA

    O UNILEVER nao tem peças de reposição, se alguem do time titular se contundir fica difícl substituir. O SOLYS está melhor em QUASE TUDO, mas nao tem no BANCO um BERNARDINHO!!! Quantas vezes BERNARDINHO já não fez milagres treinando times fracos e vencendo favoritos??? O time masculino do BRASIL é um dos mais BAIXOS do MUNDO e ganha dos gigantes de RUSSIA,HOLANDA,BULGARIA e POLONIA, na última COPA DO MUNDO, BERNARDINHO ganhou dos 2 FAVORITOS E primeiros colocados: RUSSIA e POLONIA e conquistou a VAGA OLIMPICA. Não seria surpresa se o UNILEVER que tem um elenco mais limitado que o do VOLEI FUTURO E DO SOLYS seja campeão da SUPERLIGA, PQ BERNARDINHO consegue essas façanhas!

  • Eduardo Fernandes

    Discordo que a espinha dorsal da equipe do Osasco seja formada por Fabíola, Hooker, Jaqueline e Camila Brait. A Adenízia é outra que tem sido decisiva e é a melhor bloqueadora da competição. Tandara é a segunda melhor atacante.

    Quanto ao favoritismo, inúmeras vezes vi o Osasco ter vantagem nas estatísticas e não levar. De qualquer forma, neste ano, o time tem jogado com maior força no conjunto e a Fabíola tem sabido distribuir muito bem, deixando as atacante em ótimas condições. No Rio, a Mari não apresentou a que veio até agora. Se ela e a Sheilla estiverem inspiradas, e a Fernanda também, as cariocas têm grande chance de derrubar o favoritismo do Osasco. Só não dá para depositar as esperanças em cima de Regiane.

MaisRecentes

Joelho afastará Gabi das quadras



Continue Lendo

As primeiras transmissões da Superliga na TV



Continue Lendo

Vaivém: Thaisa jogará a Superliga



Continue Lendo