Olha o sinal aí!



Quando liguei a TV, ontem, para ver EUA x Brasil, não entendi o que acontecia. Um clipe com melhores momentos era mostrado, enquanto Carlão e Marco Freitas falavam. Achei que fosse um tempo técnico qualquer.

Como meu filho fazia 3 anos e haviam várias crianças no meu apartamento, não prestei muita atenção e saí da sala. Quando voltei, percebi que o placar era atualizado e o trio do SporTV, bravamente, tentava narrar o que não via.

Sem emoção, a Seleção chega ao match point e vence os americanos por 3 a 1.  Quase surreal, eu diria, nos tempos modernos da comunicação. Quando abri o Twitter, imaginei que a palavra sinal fosse entrar na lista das mais citadas, já que a comunidade do vôlei só falava dela. Um pena ser punido por um problema da transmissão dos americanos e não poder ver a volta de Dante, a ótima partida do oposto Théo e o triunfo que deixa o time brasileiro quase na fase final.

Hoje, sem aniversário em casa, espero que o sinal permita ver o segundo duelo. Para quem viu parte do jogo, o que mais vale ser comentado?



  • Diogo Márcio

    Brasileiros foram achar ‘ouro negro’ na capital mundial do petróleo kkkkkkkk – Stanley com suas passagens no saque foi o grande diferencial dos nortes-americanos, mas no ataque não esteve tão bem assim. O Brasil teve uma boa atuação (+ eu espero sempre mais) – parabéns pro Théo que marcou 24 pontos e Giba/Murilo com 17 pontos cada.

    Daniel tem certeza que foi problema com o sinal norte-americano? Pq eu assisti o jogo pela net é não teve problema algum, eu vi a passagem do Dante como Oposto fazendo a inversão do 5em1 no 4° Set.

    P.s. Parabéns (atrasado kkkk) pro seu filho ;D

  • Rafael

    Vale comentar o melhor jogo do Giba pela seleção desde 2009. Nada de excepcional, apenas conseguiu jogar no mesmo nível de Murilo.
    Theo jogou muito bem, só errando ao querer atacar as bolas baixas de Bruninho. Este e Rodrigao estiveram abaixo do restante do time.

  • Riller

    vale comentar a boa atuação do theo, o bruninho dessa vez nao prejudicou a seleção, o giba e o murilo foram bem. os meios e o serginho normais.
    o EUA tiveram problema com os Pryde e o Staley, o meio de rede deles foi pior que o habitual(nao lembro o nome)e o levantador ruim como sempre.

  • Jailson

    Tem o jogo online nesse link: http://moviedirect.t15.org/channel3.html

  • Vitor

    Realmente mais uma vez a Globo falta com respeito ao telespectador. O jeito foi acompanhar pelo canal americano pela internet.
    O jogo em si foi bom. O Giba fez sua melhor atução dos últimos tempos pela seleção. Esteve bem na recepção e no ataque, mas teve no seu saque o destaque no jogo. Chegou até a ofuscar o Murilo durante boa parte do jogo. Bruninho teve dificuldade com o Théo, o que podemos considerar normal. Mas a sua mania de insistir com um jogador após o erro irritou a todos. Podia até ter sido substituído ontem, mas Bernardinho teve bastante paciência. O oposto entrou muito e consertou muitos erros do levantador na marra. Foi o grande destaque do time e fez com que ninguém sentisse falta do Vissotto. Espero que no jogo de hoje o Dante jogue pelo menos um set, já que o Brasil está praticamente classificado e ele necessita de ritmo.

    E parabéns (atrasado) para o pequeno Bortoletto.

  • Afonso (RJ)

    Honestamente? Achei o jogo meio morno. A equipe brasileira dominou com relativa facilidade o primeiro e segundo sets. Perdeu o terceiro naquela já famosa e tradicional “desconcentrada” que a maioria dos times dá após vencer os dois primeiros. Depois, as coisas voltaram ao seu devido lugar no quarto set.

    Realmente foi pena ter “caído” o sinal. A única emoção que a gente teve foi ficar olhando os números no placar e ficar “torcendo” para que a próxima mexida fosse a favor do Brasil. Terá sido mesmo incompetência ou aí tem “pouco caso”? Inadmissível no atual estágio tecnológico. Coisa de “terceiro mundo” essa transmissão americana.

  • Adriano

    Realmente, achei que o Giba estava muito bem, assim como o Théo, que, pra mim, é disparado o melhor dos opostos da seleção.

    Me surpreendeu negativamente o Bruno. Sei que muitos comentaram como ele estava mal nos jogos aqui no Brasil, dos quais assisti muito pouco em função do horário. Mas ele estava mal, mesmo! Super inseguro nos levantamentos, bola baixa o tempo todo, não acertava o meio fundo e insistia na mesma distribuição quando o atacante tava muito marcado. Queimou o Lucão e o Théo em alguns momentos do jogo.

    Enfim. Eu também não sou o fã n°1 do Bruno, mas acho que ele tem bolsa pra muito mais. Tava inseguro, mesmo.

    Os EUA podiam ter equilibrado mais o jogo. Foram muito bem na defesa e, em determinados momentos, no saque, também. Acho que faltou quem colocasse as bolas no chão, já que, claramente, o Stanley não está jogando bem nessa Liga – ao menos, não no ataque. No saque, continua imbatível.

  • Márcio

    O que consegui ver do jogo, foi que o Brasil tem o melhor elenco do mundo. O Theo quando acertou o tempo de bola com o Bruninho sensacional. O Giba tem forma como aparenta estar agora é o sem dúvida o ponto de equilibrio do time. Murilo sem duvida nenhuma é o melhor ponteiro passador do mundo, com passes perfeitos, mesmo estando um pouco fora de forma ainda. Temos o melhor libero do mundo, mesmo ele mesmo se dizendo cansado. Fica uma ressalva…O Bruninho tem a mania de repetir as jogadas como mesmo jogador logo em seguida do erro. Ontem os americanos se ligaram nisso, bloquearam o Lucão três vezes seguidas porque o Bruno repetiu a jogada com ele! Fora isso o Brasil não deixou os EUA jogarem!

  • Rafa

    se não tem sinal no sportv tem sinal da internetê

  • Rafael

    O sinal oscilou no esporte interativo mas nao chegou a cair, pelo menos ate o 4o. Set q eu assisti..,

MaisRecentes

Joelho afastará Gabi das quadras



Continue Lendo

As primeiras transmissões da Superliga na TV



Continue Lendo

Vaivém: Thaisa jogará a Superliga



Continue Lendo