Óbvio e justo MVP



Como previsto, o prêmio de melhor jogadora do Grand Prix iria para o time campeão. Thaisa ou Hooker? E deu a oposto americana.

Na fase final, ela marcou 101 pontos, terminando atrás apenas da sérvia Brakocevic, que fez três a mais.

Foram 90 no ataque, oito no bloqueio e três no saque.

Foi a única jogadora do time campeão a aparecer na lista.

O Brasil ficou com três prêmios: melhor saque para Thaisa, melhor passe para Fernanda Garay e melhor levantadora para Dani Lins.

A Sérvia faturou o prêmio de melhor atacante, com Rasic. Já as russas levaram melhor bloqueio com Morozova e melhor líbero (Kuzyakina).



MaisRecentes

Quem fica com as últimas vagas na Superliga masculina?



Continue Lendo

Giovane encaminha manutenção do vôlei carioca na Superliga



Continue Lendo

Basta! Nada justifica ameaças de morte



Continue Lendo