O vôlei brasileiro na TV durante a semana



HOJE – 21h (São Caetano x Sesi) – primeira semifinal do Paulista feminino – SPORTV2

TERÇA – 21h (Molico/Osasco x Pinheiros) – primeira semifinal do Paulista feminino – SPORTV2

QUARTA – 19h (Sesi x São Caetano) – segunda semifinal do Paulista feminino – SPORTV

QUINTA – 18h30 (Pinheiros x Molico/Osasco) – segunda semifinal do Paulista feminino – SPORTV

QUINTA – 21h (São José x Sada/Cruzeiro) – primeira partida transmitida da Superliga masculina – SPORTV

 

 



  • Edu

    Falando em campeonato , caro Daniel, teve um maluco, acho que do bem , e coreano, que colocou no you tube a estreia da Garay e da Fabíola pelo Dinamo Krasnodar contra o campeão europeu e mundial , Dinamo Kazan , com Gamova ,Del Core e cia.Foi a chamada cilada, no bom sentido, ainda bem.Recém chegadas a Russia e com clima de abaixo de oito e apenas dois dias de treinamento já entraram na rotação titular contra o considerado melhor time de vôlei feminino do mundo.Algumas considerações.Já pressentia, mas Kosheleva (contratada pelo Krasnodar) e Gamova disputam um particular duelo de quem hoje merece sentar na janelinha de melhor jogadora do voleibol russo.Fica visivel na ferocidade do olhar e empenho de Kosheleva ao se desdobrar para tanto na busca da vitória da partida.Fez 34 pontos.Outro fator interessante é que do outro lado também estava a levantadora titular da seleção russa que de alguma forma poderia se sentir melindrada na presença da brasileira adversária na quadra jogando pela primeira vez naquele distante pais.Uma coisa a se observar é curiosa:o check in do volei russo ,quando solicitado, obriga o juiz principal a descer da sua posição,caminhar cruzando a quadra e entrar quase num comodo fechado para observar com seus próprios olhos o lance.E as imagens ficam sob seu total domínio fora da área de conferencia do público e transmissão.O próprio publico russo em si e composto de quase sessenta por cento de mulheres e o restante as chamadas pessoas da boa idade (acima dos 50 anos).É engraçado, hoje ver as jogadoras russas abraçando e enchendo de mesuras e carinhos,abandonando por hora a rivalidade. e incentivando a Garay e Fabíola (que fizeram,uma ótima partida de estreia).A Sokholova já tinha uma aproximação e simpatia com atletas brasileiras até por arranhar um pouco o português e ser muito próxima do ZRG(seu ex-tecnico) família.No jogo, a Fabiola e a Kosheleva já eram as “best friends”, com a linda ponteira russa cobrindo de abraços a nossa levantadora.Para finalizar e constatar infelizmente, que Gamova mantem o ar blaze e inamistoso até mesmo em seu pais e campeonato.Ao final, nos cumprimentos na rede, evita olhares e resvala a ponta dos dedos nas mãos das adversárias com desdem.Outra coisa revelada e que as russas tem compreensão absoluta do inglês pela necessidade da globalização.Fora da Russia tem recomendação evitar entrevistas alegando que não falam outro idioma.No contanto com as brasileiras, que ainda não tinham um interprete, um inglês bem coloquial era utilizado com as novas companheiras de equipe.

    • Anderson

      Foi bom ler isto aqui!
      Vi parte do jogo também no youtube e amei o jogo das brasileiras. Em um certo momento do primeiro set, a Kosh até beija a Fabíola na têmpora… achei muito bacana e senti um orgulho danado!

MaisRecentes

Joelho afastará Gabi das quadras



Continue Lendo

As primeiras transmissões da Superliga na TV



Continue Lendo

Vaivém: Thaisa jogará a Superliga



Continue Lendo