O tradicional Brasil x Argentina no Sul-Americano masculino



Começará nesta quarta-feira, em Taubaté (SP), o Campeonato Sul-Americano masculino. E o enredo é bem conhecido.

Dois clubes brasileiros de um lado. Dois argentinos de outro. Os quatro irão para as semifinais e aí sim o torneio começará de verdade. Os demais participantes farão apenas figuração.

Sada/Cruzeiro e Funvic/Taubaté duelarão na quinta-feira. Vitória no confronto direto valerá o primeiro lugar no grupo e a teórica vantagem de encarar, na semifinal, o segundo colocado entre os hermanos UPCN e Bolívar. Mas é difícil escolher um confronto mais fácil neste tipo de competição continental. A UPCN já aprontou para cima dos brasileiros nos últimos anos, virou figurinha carimbada no Mundial e agora vê o Bolívar tentando recuperar a hegemonia que já teve na Argentina. Em duelos assim os nervos afloram, muitas vezes pesam e fazem o favoritismo perder um pouco da força.

No papel, destaco um ponto que me faz acreditar no óbvio: o Sada/Cruzeiro entra como o time a ser batido. Está acostumado com decisões. E se habituou a ganhar títulos.  Os comandados por Marcelo Mendez estão acostumados com hora do “vamos ver”.

Confira a tabela:

17/2 (QUARTA-FEIRA)
16h – Peerless x UPCN
18h – Funvic/Taubaté x San Martin
20h – Sada/Cruzeiro x Bohemios

18/2 (QUINTA-FEIRA)
16h – Bolivar x Peerless
18h – Bohemios x San Martin
20h – Taubaté/Funvic x Sada/Cruzeiro

19/2 (SEXTA-FEIRA)
16h – UPCN x Bolivar
18h – Funvic/Taubaté x Bohemios
20h – Sada/Cruzeiro x San Martin

 



MaisRecentes

Vaivém: Sada/Cruzeiro terá oposto “repatriado”



Continue Lendo

Conheça a lista de 26 inscritas do Brasil para a Liga das Nações



Continue Lendo

Informações sobre as finais da Superliga Masculina



Continue Lendo