A contusão de Giba. Veja o vídeo do choque com Murilo



O aguardado duelo entre Murilo e Giba terminou em um choque entre os dois e lesão no tornozelo direito do camisa 7 do Pinheiros/Sky, na vitória do Sesi por 3 a 1, na noite desta segunda-feira. Veja as imagens do SporTV, que transmitia o jogo ao vivo.

Os exames foram tranquilizadores para Giba.

– Já fizemos o exame de raio x e não foi constatada fratura na avaliação, que era o que mais preocupava. O Giba sofreu uma lesão ligamentar no tornozelo direito. Vamos tratar e vai ficar tudo bem – disse Julio Nardelli, médico responsável pela equipe do Pinheiros/SKY e que acompanhou o atleta no hospital.

– Precisaremos das primeiras 24 ou até 48 horas para dar um prognóstico real e falar sobre o tempo necessário para ele voltar a jogar. O local ainda está bastante inflamado, em fase aguda, e quando diminuir a inflamação faremos uma ressonância para saber quando ele retorna. Mas, a princípio, ele fica no mínimo três semanas afastado. O mais importante era afastar a fratura. E o resultado do exame foi esse – completou otimista o médico do Pinheiros/SKY.

O técnico Mauro Grasso lamentou.

– O que era um jogo difícil, se tornou ainda mais difícil. O Giba ainda é o melhor do mundo, estava em uma fase brilhante e é claro que faz diferença perder um cara como ele – comentou Grasso.

Murilo, que disputou o lance com o colega de Seleção, espera vê-lo logo em quadra.

– Infelizmente a lesão faz parte do nosso trabalho. Estamos sujeito a isso. Aconteceu comigo no Mundial e hoje foi com o Giba. Tem que tratar e levantar a cabeça que a Superliga é longa. Tenho certeza que o Giba vai voltar logo – declarou Murilo.

Outro que lamentou foi Giovane, técnico do Sesi.

– Foi uma pena isso ter acontecido, mas é um lance que acontece no vôlei. Agora vamos ficar na torcida para que o Giba retorne o mais rápido possível, que não seja nada de mais grave, porque ele é um jogador importante para o Pinheiros, para a Superliga e para a Seleção Brasileira – disse Giovane.



MaisRecentes

Quem fica com as últimas vagas na Superliga masculina?



Continue Lendo

Giovane encaminha manutenção do vôlei carioca na Superliga



Continue Lendo

Basta! Nada justifica ameaças de morte



Continue Lendo